A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
ATIVIDADE 1 - PARADIGMAS DE LINGUAGEM DE PROGRAMACAO docx

Pré-visualização | Página 1 de 1

Questão Dissertativa
Entende-se por sintaxe a forma das expressões, instruções e unidades de programa. Já
semântica é o significado das expressões, declarações e unidades de programa.
Ex: a sintaxe de uma instrução Java “while” é:
while (boolean_expr) statement
A semântica deste formulário de instrução é que, quando o valor atual do valor booleano
(True/False) expressão for verdadeira, a instrução incorporada é executada. A forma de
uma declaração deve sugerir fortemente o que a declaração pretende realizar.
Sintaxe Semântica
A gramática de um idioma é
chamada de sintaxe.
Semântica lida com o significado de uma frase.
Os erros de sintaxe podem ser
detectados no momento da
compilação e são fáceis de
rastrear.
Os erros de semântica são difíceis de encontrar. Eles
são encontrados principalmente em tempo de execução
ou quando os resultados não correspondem às
expectativas.
Baseado nos dados apresentados e no conteúdo estudado, explique brevemente, com suas
palavras, o que se entende por sintaxe e semântica de uma linguagem de programação. Dê
um exemplo para ilustrar a diferença entre um erro de sintaxe e um erro de semântica.
Sintaxe e Semântica em Linguagem de Programação
Existem várias maneiras de explicarmos sobre a Sintaxe e a Semântica em
linguagem de programação.
A Sintaxe é o que o computador entende, a semântica é o que o ser humano
entende.
Um compilador / intérprete não se importa com o design, e em qualquer código
compilado no nível da máquina teríamos dificuldade em deduzir/interpretar o design.
Os analistas/desenvolvedores se importam com o design porque um bom design é
sobre a redução da complexidade, geralmente criam-se padrões de
desenvolvimento/ CodingStyle (Estilo de Código) de modo a ter uma interpretação
assertiva, abstraindo comportamentos complexos e interações, e diferentes
categorias de problemas se prestam a diferentes semânticas. A escolha da
linguagem é em grande parte sobre a facilidade e eficiência com que a semântica
que você deseja usar pode ser expressa em sua sintaxe.
Exemplo:
void main()
{
int varSoma = 10;
int x = varSoma + 1;
int y = + 1;
printf("x = %i", x);
printf("y = %i", y);
getch();
}
Neste exemplo, a sintaxe do token "+" é a mesma, mas tem um significado diferente
("semântico), dependendo de onde é usado.
No atributo "x", "+" significa a operação de "soma", Na atribuição "y", "+" significa a
operação "sinal positivo".