A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Normas de ABNT

Pré-visualização | Página 1 de 2

NORMAS DE 
Luana S NascimentoLuana S NascimentoLuana S Nascimento
Faculdade de Imperatriz Facimp WydenFaculdade de Imperatriz Facimp Wyden 
A Associação Brasileira de Normas Técnicas ou ABNT é uma entidade
privada e sem fins lucrativos que cuida de diferentes normatizações no país.
 
Ela estuda e propõe formas de sistematizar processos, sejam eles de cunho
acadêmico, tecnológico, industrial, produção de serviços, entre outros.
Criando normas para diversos setores da sociedade e faz parte de
comissões internacionais.
Que tem como objetivo tornar cada processo reprodutível de uma forma
padronizada. Isso é importante para evitar erros e tornar o conhecimento
acessível para grande parte da sociedade por meio de informações precisas
sobre como fazer algo.
A ABNT especifica os princípios gerais para a elaboração de trabalhos
acadêmicos (teses, dissertações e outros), visando sua apresentação à
instituição (banca, comissão examinadora de professores, especialistas
designados e/ou outros). 
Tipos de trabalhos acadêmicos: 
ABNT
PROJETO DE PESQUISA
É uma proposta específica e
detalhada do trabalho a ser
desenvolvido, com o objetivo de
definir uma questão e a forma pela
qual ela será pesquisada. 
RESUMO
É o trabalho científico que traz,
de acordo com a NBR 6028 da
ABNT, a apresentação concisa
dos pontos relevantes de um
documento. destacando os
principais objetivos, métodos
empregados, resultados e
conclusões.
RESENHA
A resenha, além de sintetizar
os aspectos mais relevantes de
um documento (como faz o
resumo), também fazem uma
análise crítica da obra.
RELATÓRIO
Diferente da resenha, não
permite análises nem opiniões.
Ele é um documento que visa
informar o andamento de uma
pesquisa, assim como aulas de
campo ou experimentais.
FICHAMENTO 
Para registrar e armazenar
informações e facilitar o
acesso a conteúdos, utiliza-se
o fichamento. Ele identifica e
faz uma síntese da obra.
PÔSTER
É um tipo de trabalho bastante
presente nos eventos
acadêmicos, como congressos,
simpósios e seminários. Ele serve
para apresentar os resultados ou
o andamento de pesquisas
científicas.
ARTIGO CIENTÍFICO
TCC OU MONOGRAFIA
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO
É a parte de uma publicação
com autoria declarada que
apresenta e discute ideias,
métodos, técnicas, processos e
resultados nas mais diversas
áreas do conhecimento.
A monografia é o trabalho
apresentado ao final de uma
graduação ou de uma
especialização, como forma de
consolidar os conhecimentos
adquiridos naquela área de
estudo.
A dissertação é o trabalho científico
desenvolvido para a obtenção do
título de mestre.
A tese, por sua vez, é o trabalho
acadêmico feito quando se tem a
intenção de obter o título de
doutor.Ela representa o resultado
de um trabalho experimental ou a
exposição de um estudo científico
de tema único e bem delimitado.
TESE DE DOUTORADO
Essa é a estrutura normalmente utilizada em trabalhos
acadêmicos e solicitada pelas instituições. 
Externa: Capa (obrigatório) e Lombada (opcional). 
Interna: elementos pré-textuais, elementos textuais e elementos pós-
textuais. 
A estrutura de um trabalho acadêmico compreende as partes: 
 
 
Capa, folha de rosto e folha de aprovação na ABNT
CAPA: proteção externa do trabalho e sobre a qual se imprimem as informações
indispensáveis à sua identificação;
Nome da instituição (opcional);
Nome do autor;
Título;
Subtítulo, se houver, separar por dois pontos
(:);
Número de volumes (se houver mais de um,
deve constar em cada capa a especificação
do respectivo volume);
Local (cidade) da instituição onde deve ser
apresentado;
Ano de depósito (da entrega).
Segundo as normas ABNT, a capa deve conter
as seguintes informações, nesta ordem:
FOLHA DE ROSTO (contra capa) : folha que contém os elementos essenciais à identificação
do trabalho;
Nome do autor;
Título principal;
Subtítulo, se houver, separar por dois pontos (:);
Número de volumes (se houver mais de um, deve
constar em cada capa a especificação do respectivo
volume);
Natureza (tese, dissertação, trabalho de conclusão de
curso e outros) e objetivo (aprovação em disciplina,
grau pretendido e outros);
Nome da instituição a que é submetido;
Nome do orientador e, se houver, do co-orientador;
Local (cidade) da instituição onde deve ser
apresentado;
ano de depósito (da entrega).
área de concentração;
FOLHA DE APROVAÇÃO: folha que contém os elementos essenciais à aprovação do trabalho.
Nome do autor;
Título principal;
Subtítulo, se houver, separar por dois pontos (:);
Natureza (tese, dissertação, trabalho de conclusão de
curso e outros) e objetivo (aprovação em disciplina,
grau pretendido e outros);
Nome da instituição a que é submetido;
Área de concentração;
Data de aprovação;
Nome, titulação e assinatura dos componentes da
banca examinadora.
Por fim, a folha de aprovação do seu trabalho deve
conter:
FORMATAÇÃO 
A formatação geral de apresentação do trabalho acadêmico, e geralmente segue as
seguintes normas:
- Tamanho do papel: A4 (21,0 cm x 29,7 cm);
- Margens: 3cm superior e esquerda, 2 cm inferior e direita.
- Cor da fonte: preta em todo o trabalho
- Tamanho da fonte do corpo do texto: 12 pts
- Tamanho da fonte de 10pts para:
 Citações longas;
 Notas de rodapé;
 Legendas;
 Paginação;
- Espaçamento entre linhas 1,5 para todo corpo do texto e de 1,0 (simples) para:
 Citações diretas (mais de 3 linhas);
 Notas de rodapé;
 Legendas dos elementos especiais (gráficos, figuras, quadros e tabelas)
 Referências Bibliográficas
 - Recuo de primeira linha dos parágrafos: 2 cm.
PAGINAÇÃO
- A numeração deve aparecer a partir dos elementos “textuais”, ou seja, da introdução
até o final do trabalho.
- As páginas pré-textuais são contadas, mas não numeradas.
- A posição da paginação deve ser à 2cm da borda superior da folha.
TÍTULOS E SUBTÍTULOS
 - São separados do texto que os precede e sucede por 1 espaço de 1,5; (norma também
bastante flexível entre as faculdades)
 - A indicação é que o destaque destes elementos é feito utilizando-se negrito, itálico,
 maiúsculas e sublinhado. Assim, cada instituição poderá adotar seus próprios critério.
 - O alinhamento deve seguir a posição horizontal da 1º letra caso haja mais de 1 linha
compondo o título ou subtítulo.
-A numeração dos títulos e subtítulos é feita iniciando-se pela introdução e
terminando-se na conclusão. (normalmente)
- A numeração é feita em algarismos arábicos e separadas do texto por um espaço em
branco (sem ponto ao final do número) 
FIGURAS, GRÁFICOS, QUADROS E TABELAS
 - A legenda de qualquer desses elementos deve aparecer na parte superior das mesmas,
precedido pela designação correspondente e respectivo número consecutivo. (mas há
instituições que, dependendo do elemento, pede para fiquem na parte inferior dos mesmos). 
 - Na parte inferior, indicar a fonte (referência) de onde a mesma foi obtida.
 - Caso o próprio autor do trabalho tenha “construído” o elemento em questão, citar a
fonte como: “do autor”. Consultar orientador sobre o melhor termo a adotar nesta
NOTAS DE RODAPÉ
 As notas são separadas do texto por uma linha de 5cm, alinhada à margem esquerda
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
 Devem ser separadas entre si por um espaço simples. Obedecem a normatização NBR
6023. 
situação.
do documento; seguem alinhamento padronizado dos caracteres tendo-se por base a
posição vertical da primeira letra.
CITAÇÕES DIRETAS LONGAS (mais de 3 linhas)
CITAÇÕES DIRETAS CURTAS (até 3 linhas)
INDICATIVO DE AUTORIA NAS CITAÇÕES
 - As citações longas devem ter um recuo de 4 cm da margem esquerda do documento.
 - Estas citações não recebem aspas e nem itálico (salvo palavras estrangeiras).
 - Pode-se usar o negrito, explicando-se ao final se “grifo nosso” ou “grifo do autor”.
 As citações curtas devem ter configuração normal de parágrafo, porém com abertura
de
aspas no início e final da mesma.
 Toda citação, seja ela longa, curta, direta ou indireta,