A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Sistema Nervoso

Pré-visualização | Página 1 de 2

Sistema NervosoSistema Nervoso
Sistema Nervoso
Central Periférico
Autônomo Somático
ParassimpáticoSimpático
- Neurônios são as
células funcionais do
sistema nervoso;
- Cerca de 100
trilhões de neurônios
no sistema nervoso;
Células da glia (neuroglia): são
células responsáveis pelo
preenchimento entre os neurônios,
dando suporte nutricional.
 - Astrócitos: preenchem os espaços
entre os neurônios, confere nutrição.
 - Micróglia: tem função similar à dos
glóbulos brancos (células de defesa) na
corrente sanguínea, fazem a vigilância
ativa do tecido cerebral e da medula.
 - Bainha de Mielina: responsável por
formar uma capa de revestimento no
Bainha de Mielina composta por
proteínas e gorduras;
Presente em todos os nervos
periféricos;
Isolante elétrico;
Proteção;
Aumenta a velocidade da condução
elétrica do estímulo (400km/h)
Nódulos de Ranvier: impulso
saltatório, isso que aumenta a
velocidade de condução.
O Sistema Nervoso Central (SNC) e o
Sistema Nervoso Periférico (SNP) são
os componentes estruturais do
sistema nervoso, enquanto o Sistema
Nervoso Autônomo (SNA) é um
componente funcional.
Juntos, eles orientam e coordenam as
atividades do corpo, permitem a
assimilação de experiências e
programam o comportamento
instintivo.
no axônio do neurônio: 
- Oligondendrócitos: SNC
- Células de Schwann: SNP
Células do Sistema Nervoso
Composto por:
Encéfalo e Medula
Responsável por
cuidar dos músculos
esqueléticos
Responsável por controlar
batimentos cardíacos, respiração.
Tudo que é involuntário
Neurônio
gosta de sernutrido com
glicose
Tipos de Neurônios
De acordo com suas funções na
condução dos impulsos, os neurônios
podem ser classificados em:
1. Neurônios receptores ou sensitivos
(aferentes): são os que recebem
estímulos sensoriais e conduzem o
impulso nervoso ao sistema nervoso
central.
Neurônio
NÃO se
regenera !
O lado direito do
cérebro comanda o lado
esquerdo do corpo, e o
lado esquerdo do
cérebro comanda o lado
direito do corpo. Do
pescoço p/ baixo.
O encéfalo tem uma elevada taxa
metabólica e portanto precisa de um
suprimento contínuo de oxigênio e
nutrientes.
Por causa de sua taxa metabólica
elevada, requer não só oxigênio
contínuo, mas também um suprimento
contínuo de nutrientes e a remoção
rápida dos resíduos. É também muito
sensível a certas toxinas e drogas.
2. Neurônios motores ou efetuadores
(eferentes): transmitem os impulsos
motores (respostas ao estímulo).
3. Neurônios associativos ou
interneurônios: estabelecem ligações
entre os neurônios receptores e os
neurônios motores, encontram-se no
interior da medula e do encéfalo.
O SNC recebe, analisa e integra
informações. É o local onde ocorre a
tomada de decisões e o envio de
ordens. O SNP carrega informações
dos órgãos sensoriais para o sistema
nervoso central e do sistema nervoso
central para os órgãos efetores
(músculos e glândulas).
Vascularização
Artéria Cerebral Posterior:
Representação Visual.
Artéria Cerebral Média:
Representação de Face e MMSS.
Artéria Cerebral Anterior:
Representação de MMII.
Artéria Cerebelar: Cerebelo.
Artéria Basilar: Tronco Encefálico.O neurônio sensitivo recebe o
estímulo e passa a informação para o
neurônio associativo que vai traduzir
essa informação e passar para o
neurônio motor.
Sistema Nervoso Central
O encéf
alo rece
be
aproxima
damente 
20%
do fluxo c
ardíaco t
otal
em repo
uso, o 
que
equivale a
 um fluxo 
de
cerca de
 750 ml 
de
sangue po
r minuto.
O encéfalo éconstituído pelotecido maissensível 
docorpo.
Polígono de Willis
Divisões do Encéfalo
Cérebro
↪ Dividido em hemisfério cerebral
Direito e Esquerdo.
- Lobos: 
↪ Cada lobo do
cérebro tem
uma função:
↪ Tálamo: estação intermediária da
maioria das fibras aferentes que vão
em direção as áreas sensitivas
cerebrais.
É responsável por interpretar o
estímulo e encaminhar para a área
específica!
↪ Hipotálamo: Auxilia na regulação de
diversos processos corporais, como:
temperatura corporal, equilíbrio hídrico
e metabolismo.
Inferior ao hipotálamo encontra-se a
hipófise, glândula que tem influencia
direta e indireta sobre quase todos os
hormônios do corpo.
A hipófise é controlada pelo hipotálamo!
Temporal
↪ Córtex auditivo primário.
↪ Controle da audição.
↪ Área olfatória.
↪ Papilas gustatórias: temporal e parietal.
Frontal
↪ Papel fundamental da atividade motora voluntária.
↪ Desenvolvimento da personalidade.
↪ Comportamento emocional e na conduta.
↪ Execução de tarefas intelectuais elevadas.
↪ Córtex motor primário.
Occipital
↪ Córtex visual.
↪ Visão, reflexos visuais.
↪ Funções relativas a visão: leitura.
Pariental
↪ Papel fundamental na sensibilidade geral do corpo.
↪ Área sensorial sinestésica – recebe informações
principalmente da pele e dos músculos.
↪ Temperatura, dor, tato , pressão e propriocepção.
Lobo profundo, que não pode ser visto
na superfície, está coberto pelos
lobos frontal, parietal e temporal. Sua
função é pouco conhecida, exceto que
integra as outras funções cerebrais, e
está vinculado a memória.
- Lobo da Ínsula:
Paciente que teve lesão cerebral do
lado esquerdo pode ter lesão na
área de Broca ou na área de
Wernick. 
- Broca: o paciente escute,
interpreta mas não consegue falar;
- Wernick: paciente escuta, não
interpreta e fala o que quiser.
Diencéfalo
Localizado inferiormente ao cérebro
e superiormente ao tronco encefálico,
inclui o tálamo e hipotálamo.
Conecta a medula espinal as estruturas
encefálicas, e é constituído por
mesencéfalo, ponte e bulbo. Estrutura
onde ficam os pares cranianos.
Tronco Encefálico
O tronco encefálico regula
automaticamente funções fundamentais
do organismo. Ele auxilia no ajuste da
postura, no controle da respiração, da
deglutição e do ritmo cardíaco, no
controle da velocidade com que o
organismo consome os alimentos.
↪ Dura mater, Aracnoide e Pia mater.
↪ Liquor - Liquido Encéfalo
Raquidiano: percorre todo SNC.
↪Funções:sustentação, amortecimento
de choques, eliminar resíduos e
nutrição celular.
Medula Espinal
A medula espinal, a parte do
SNC que se estende ao longo do canal
vertebral, é contínua com o encéfalo
através do forame magno do crânio. A
medula espinal tem duas funções
principais:
 1. Condução de impulsos: Propicia os
meios de comunicação neural para o
encéfalo.
↪ Tratos ascendentes: conduzem
impulsos dos receptores sensitivos
periféricos do corpo para o encéfalo.
↪ Tratos descendentes: conduzem
impulsos motores do encéfalo para os
músculos e glândulas.
 2. Integração de reflexos: Serve
como um centro para reflexo espinais.
Cerebelo
Faz conexão com a medula espinal e o
tronco encefálico. Principais funções:
↪ Equilíbrio e postura;
↪ Controle do tônus muscular;
↪Controle dos movimentos voluntários;
↪ Aprendizagem motora.
Meninges
A meningite é ainflamação/infecção das meningese portanto detodo liquor
↪ Possui substância branca (área
central, corpo celular) e cinzenta
(lateralmente, passagem de tratos).
↪ Via sensitiva: a medula espinal
fornece uma via para que a informação
sensitiva, proveniente da periferia,
chegue ao encéfalo.
↪ Via Motora: a medula espinal
proporciona uma via para a informação
motora que vem do encéfalo e se dirige
para a periferia.
↪ Via Reflexa: a medula espinal atua
como o principal centro reflexo.
O estímulo sai da periferia, vai para
a medula e a medula manda para o
encéfalo.
Encéfalo da a ordem motora, manda
para a medula e a medula manda
para a periferia. 
Os reflexos não vão para o encéfalo,
a própria medula responde.
Sistema Nervoso Periférico
Somático
SNP - músculos esqueléticos,
resposta voluntária
Autônomo
SNP - músculos liso, cardíaco
e sistema endócrino,
resposta involuntária
Simpático
estimula ação que mobilizam
energia (situação de estresse)
Parassimpático
estimula principalmente
atividades relaxantes
Fibras eferentes: que trazem
informações motoras do SNC para
os músculos esqueléticos.
Fibras aferentes: que trazem
informação sensitiva proveniente
das diferentes partes do corpo,
particularmente da pele e dos
músculos para o SNC.
Nervos: estrutura que contém
fibras de vários