A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
alfacon_rco_Giancarla_28_05

Pré-visualização | Página 1 de 2

:ATENÇÃO: A transmissão da aula no formato GRATUITO encerra 15h30. 
 
Sumário 
AlfaCon ......................................................................................................................................................................... 2 
Redação de Correspondência Oficial com Giancarla Bombonato ................................................................................ 2 
Diferença entre Redação de Correspondência Oficial com Giancarla Bombonato Gratuito e Pago: ....................... 2 
Auxílio ao Aluno:...................................................................................................................................................... 3 
Aula 01 .......................................................................................................................................................................... 3 
O que é Redação Oficial ........................................................................................................................................... 3 
 
 
 
:ATENÇÃO: A transmissão da aula no formato GRATUITO encerra 15h30. 
 
AlfaCon 
Redação de Correspondência Oficial com Giancarla Bombonato 
 
 
2 aulas: 28/05 e 01/06/2018 
Disciplina: Redação de Correspondência Oficial 
Professor: Giancarla Bombonato 
Horário: 14h até 15h30 (formato Gratuito) e 14h até 17h (formato Pago) 
 
 
Aviso: Este material corresponde ao conteúdo disponibilizado gratuitamente. Para ter acesso ao material completo e 
outras inúmeras vantagens, adquira o Redação de Correspondência Oficial com Giancarla Bombonato 
Condições exclusivas HOJE! Envie uma mensagem de whats para um dos números: 
 (45)99962-7904 (45)99856-2827 (45)99977-0121 (45)99146-2194 
 
 
Diferença entre Redação de Correspondência Oficial com Giancarla 
Bombonato Gratuito e Pago: 
 
CURSO GRATUITO: 
 
1)Como funciona o CURSO GRATUITO? 
Aulas transmitidas direto da turma do Presencial: das 14h às 15h30. 
 
2)Qual a diferença entre o curso pago e curso gratuito? 
São as mesmas aulas, o mesmo conteúdo, a mesma grade. No formato GRATUITO, a transmissão é 
interrompida às 15h30 e não fica disponível para visualização posterior. 
 
3)No formato GRATUITO, tenho acesso ao material? 
Sim, o aluno poderá baixar o arquivo em PDF para acompanhamento da aula até 15h30. O material 
completo da aula está disponível somente para alunos que adquirirem o CURSO PAGO. 
 
4)Ficará disponível para visualização posterior? 
No formato GRATUITO, não. Somente alunos que adquirirem o CURSO PAGO terão acesso ao 
conteúdo posteriormente. 
 
 
 
 
 
 
 
ATENÇÃO: A transmissão da aula no formato GRATUITO encerra às 15h30. 
 
Auxílio ao Aluno: 
 
 
Dúvidas, sugestões, apontamentos, reclamações: envie e-mail para: 
atendimento@alfaconcursos.com.br 
Para saber sobre cursos, eventos, aulas gratuitas: alfaconcursos.com.br – Cadastre-se e 
receba informações via e-mail. 
Sobre editais, novidades, e concursos: blog.alfaconcursos.com.br – 
Em nosso blog de notícias você fica por dentro das novidades no mundo dos concursos. 
Facebook: AlfaCon Concursos Públicos – Nossa página no facebook informa diariamente 
sobre eventos, aulões, revisões, e atividades do AlfaCon. 
YouTube: AlfaCon Concursos Públicos – O maior canal de educação do Brasil. 
Instagram: @alfaconcursos 
 
 
 
 
 
Aula 01 
O que é Redação Oficial 
 
As regras de elaboração de um expediente/correspondência oficial estão previstas no Manual de 
Redação da Presidência da República (MRPR), que traz todos os aspectos que devem ser seguidos na 
elaboração de um texto oficial. Este Manual também serve de base para outros manuais (que são 
elaborados por órgãos específicos). Por isso, quando um edital traz o assunto “Redação Oficial”, é 
importante estudar o MRPR. Segundo o MRPR, “redação oficial é a maneira pela qual o Poder Público 
redige atos normativos e comunicações”. 
A redação oficial deve caracterizar-se por: 
- impessoalidade 
- uso do padrão culto de linguagem 
- clareza 
- concisão 
- formalidade 
- uniformidade 
F formalidade 
L linguagem 
I impessoalidade 
C concisão 
C clareza 
U uniformidade 
Vale destacar que é o artigo 37 da Constituição Federal de 1988 que serve como fundamento para o 
MRPR. 
“A administração pública direta, indireta ou fundacional, de qualquer dos Poderes da União, dos 
Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, 
moralidade, publicidade e eficiência (...)”. 
 
ATENÇÃO: A transmissão da aula no formato GRATUITO encerra às 15h30. 
 
Muitas questões cobradas em provas de concurso acabam trazendo literalmente o texto contido no 
MRPR. Por isso, para reforçar os princípios (FLICCU), segue o que está previsto nesse manual: 
Esses mesmos princípios (impessoalidade, clareza, uniformidade, concisão e uso de linguagem formal) 
aplicam-se às comunicações oficiais: elas devem sempre permitir uma única interpretação e ser 
estritamente impessoais e uniformes, o que exige o uso de certo nível de linguagem. 
Nesse quadro, fica claro também que as comunicações oficiais são necessariamente uniformes, pois 
há sempre um único comunicador (o Serviço Público) e o receptor dessas comunicações ou é o próprio 
Serviço Público (no caso de expedientes dirigidos por um órgão a outro) – ou o conjunto dos cidadãos 
ou instituições tratados de forma homogênea (o público). 
 
A Impessoalidade 
A impessoalidade não tem relação com o que se prevê, por exemplo, numa redação para concursos 
(dissertação). 
A impessoalidade exige: 
a) alguém que comunique 
b) algo a ser comunicado 
c) alguém que receba essa comunicação 
Vale destacar que “quem comunica é sempre o Serviço Público (este ou aquele Ministério, Secretaria, 
Departamento, Divisão, Serviço, Seção); o que se comunica é sempre algum assunto relativo às 
atribuições do órgão que comunica; o destinatário dessa comunicação ou é o público, o conjunto dos 
cidadãos, ou outro órgão público, do Executivo ou dos outros Poderes da União”. 
A impessoalidade se pauta nos seguintes pontos: 
a) ausência de impressões individuais de quem comunica: é sempre em nome do Serviço Público que 
é feita a comunicação. 
b) impessoalidade de quem recebe a comunicação: o destinatário é concebido de forma homogênea e 
impessoal. 
c) caráter impessoal do próprio assunto tratado: não cabe qualquer tom particular ou pessoal. 
Segundo o MRPR, “a concisão, a clareza, a objetividade e a formalidade de que nos valemos para 
elaborar os expedientes oficiais contribuem, ainda, para que seja alcançada a necessária 
impessoalidade”. 
 
A Linguagem dos Atos e Comunicações Oficiais 
A linguagem tem um peso muito grande na elaboração de documentos oficiais, pois “as comunicações 
que partem dos órgãos públicos federais devem ser compreendidas por todo e qualquer cidadão 
brasileiro”. 
Algumas características relativas à linguagem: 
- há que evitar o uso de uma linguagem restrita a determinados grupos, como a gíria, os regionalismos 
vocabulares ou o jargão técnico. 
- por seu caráter impessoal, por sua finalidade de informar com o máximo de clareza e concisão, é 
requerido o uso do padrão culto da língua. 
- padrão culto nada tem contra a simplicidade de expressão, não implica emprego de linguagem 
rebuscada, nem dos contorcionismos sintáticos e figuras de linguagem próprios da língua literária. 
- o jargão burocrático, como todo jargão, deve ser evitado, pois terá sempre sua compreensão limitada. 
- a linguagem técnica deve ser empregada apenas em situações que a exijam, sendo de evitar o seu uso 
indiscriminado. 
 
 
 
Formalidade e Padronização

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.