Buscar

GERENCIA DE IMPORTAÇÃO EXERCICIO

Teste o Premium para desbloquear

Aproveite todos os benefícios por 3 dias sem pagar! 😉
Já tem cadastro?
Você viu 1, do total de 6 páginas

Prévia do material em texto

O objetivo das medidas de salvaguarda é proteger a indústria doméstica que esteja sofrendo prejuízo grave 
decorrente do aumento das importações. Tais medidas permitem que durante o seu período de vigência, a 
indústria doméstica se ajuste, quanto à sua competitividade. Nesse sentido, avalie as afirmativas, a seguir: 
I. As autoridades apenas considerarão prejuízo grave a deterioração geral e significativa da situação 
de uma determinada indústria doméstica e por ameaça de prejuízo grave ou clara iminência de 
prejuízo grave com base em fatos, e não apenas em alegações ou possibilidades remotas. 
II. As autoridades governamentais considerarão como fatores objetivos e quantificáveis relacionados 
à situação da indústria afetada, em particular: o volume e a taxa de crescimento das importações 
do produto, a parcela do mercado interno absorvida por importações crescentes, o impacto sobre 
a indústria doméstica evidenciado pelas alterações de fatores econômicos e outros, de natureza 
específica. 
III. Para a restruturação da indústria, na vigência das medidas, ela deve apresentar um programa de 
ajuste a ser implementado. Tal programa será analisado e, uma vez considerado adequado, 
assumirá a forma de um compromisso da indústria. As medidas deverão ser prorrogadas até que 
se atinjam os objetivos pretendidos. 
Estão corretas as afirmativas: 
 I, II e III 
 II e III, apenas 
 I apenas 
 
 I e II, apenas 
 I e III, apenas 
 
 
 
Explicação: 
Os programas de ajuste terão duração determinada, de acordo com o plano proposto e sua 
implementação será acompanhada, sendo as medidas de salvaguarda suspensas, no caso de seu não 
cumprimento. 
 
 
 
 
2. 
 
 
A SUEXT, ao analisar as operações de uma empresa importadora, a partir de solicitação externa, 
observou que a mercadoria foi cotada, pelo exportador, a um preço menor do que o praticado 
usualmente em seu mercado interno. Isso caracterizaria: 
 A prática de preços subsidiados, devendo gerar a aplicação de multas à empresa importadora. 
 A prática de dumping, devendo gerar, como medida de defesa comercial, a aplicação de direitos 
compensatórios. 
 A prática de subfaturamento, devendo gerar, como medida de defesa comercial, a aplicação de 
direitos compensatórios. 
 A prática de preços subfaturados, devendo gerar a aplicação de multas à empresa importadora. 
 
 A prática de dumping, devendo gerar, como medida de defesa comercial, a aplicação de direitos 
antidumping. 
 
 
 
Explicação: 
Independentemente dos resultados comerciais e dos objetivos fiscais, a prática de um preço menor do 
que o praticado no mercado interno, descontadas as variações do custo do transporte e de outros custos 
específicos do comércio exterior, caracteriza-se como dumping, gerando a aplicação, pelo governo, dos 
direitos antidumping. 
 
 
 
 
3. 
 
O Licenciamento das Importações é um procedimento administrativo que estabelece, como condição 
prévia à autorização de importações, a apresentação de um pedido ou de outra documentação diferente 
 
da que for necessária para fins aduaneiros ao órgão anuente competente. De acordo com a sistemática 
brasileira, avalie as afirmativas a seguir: 
I. Definir a classificação da mercadoria de acordo com a NCM é parte essencial para se 
determinar o tratamento administrativo a ser aplicado a cada mercadoria. 
II. Todas as operações de importação estão sujeitas ao licenciamento de importação, sendo este 
dividido em licenciamento automático e licenciamento não automático. 
III. Tanto o licenciamento automático quanto o licenciamento não automático deverão ser 
efetuados antes do embarque da mercadoria no exterior, admitindo-se exceções. 
IV. Nos licenciamentos automático e não automático o tempo de tramitação dos pedidos é de até 
60 dias, sendo admitida a extensão, por igual período, do não automático. 
Estão corretas as afirmativas: 
 
 I e III, apenas 
 II, III e IV, apenas 
 I, II e III, apenas 
 II e IV, apenas 
 I e II, apenas 
 
 
 
Explicação: 
O enquadramento na NCM é que permite definir todo o tratamento administrativo e fiscal a ser aplicado 
à mercadoria, pois permite sua perfeita identificação, para esses fins. Os pedidos de licenciamento 
devem ser efetuados antes do embarque, pois, de outra forma, o indeferimento poderia gerar prejuízos 
às partes, admitindo-se, como explicado, exceções. A maior parte das importações estão dispensadas de 
licenciamento, esta é a regra geral. No licenciamento automático o deferimento é efetuado em até 10 
dias pelo Siscomex, aplicando-se 60 dias ao não automático. 
 
 
 
 
4. 
 
 
Considerando a aplicabilidade dos licenciamentos automático e não automático, avalie as afirmativas a 
seguir: 
I. Estão sujeitos ao licenciamento não automático as importações de materiais usados e de 
mercadorias sujeitas ao exame de similaridade. 
II. As operações sujeitas à obtenção de cotas tarifárias e ao amparo dos benefícios da Zona 
Franca de Manaus estão dispensadas de licenciamento. 
III. As operações de drawback são sujeitas ao licenciamento automático. 
Estão corretas as afirmativas: 
 II e III, apenas 
 I, II e III 
 I e II, apenas 
 
 I e III, apenas 
 I apenas 
 
 
 
Explicação: 
A afirmativa II está errada, uma vez que essas operações estão sujeitas ao licenciamento não 
automático. 
 
 
SISTEMÁTICA FISCAL NA IMPORTAÇÃO 
 
 
5. 
 
 
São consideradas mercadorias estrangeiras para fins de incidência do imposto de importação toda 
mercadoria procedente do exterior, inclusive mercadoria nacional ou nacionalizada exportada, que 
retorne ao país. Neste contexto sinalize a única opção sobre a qual deve recair o Imposto de 
Importação. 
 A mercadoria retornou ao país porque o país importador estava em guerra. 
 A mercadoria foi devolvida por motivo de defeito técnico, para substituição. 
 A mercadoria retornou ao país porque foi enviada em consignação e não foi vendida no prazo 
autorizado. 
 A mercadoria retornou ao país por motivo de modificações na sistemática de importação, por parte 
do país importador. 
 
 A mercadoria entrou no país como bagagem de viajante. 
 
 
 
Explicação: 
Todas as opções apresentam formas de retorno ao país (importação) por motivos que a legislação 
aduaneira prevê como isentas de imposto de importação. A única opção que paga imposto, quando 
excede o limite permitido por lei é: A mercadoria entrou no país como bagagem de viajante. 
 
 
 
 
6. 
 
 
Considerando a sistemática de cálculo dos tributos na importação de mercadorias, analise as afirmativas 
a seguir: 
I. O Valor Aduaneiro da mercadoria, que servirá de base para cálculo dos tributos será composto 
pelo custo da mercadoria no país de aquisição, mais o custo do transporte e seguro 
internacionais, mais os custos relativos ao manuseio, embarque e desembarque da mercadoria 
até a chegada no país. 
II. Para efeitos de cálculo dos tributos, os valores expressos em moeda estrangeira serão 
convertidos em moeda nacional à taxa de câmbio vigente na data de embarque da mercadoria, 
no porto de origem. 
III. O pagamento do Imposto de Importação será efetuado através de débito automático em 
conta. O representante do importador deverá cumprir as formalidades bancárias para inclusão 
da autorização do débito, que variam de banco para banco. Atualmente, essa autorização 
encontra-se nas plataformas digitais dos bancos. 
Estão corretas as afirmativas: 
 
 I e III, apenas 
 I apenas 
 II e III, apenas 
 I, II e III 
 I e II, apenas 
 
 
 
Explicação: 
Na verdade, para efeitos de cálculo dos tributos, os valores expressos em moeda estrangeira serão 
convertidos em moeda nacional à taxa de câmbio vigente na data em que se considerar ocorrido o fato 
gerador (registro da Declaração de Importação). O Imposto de Importação será calculado pela aplicação 
das alíquotas fixadas na Tarifa Externa Comum (TEC), obtidas através classificação NCM, sobre o valor 
aduaneiro apurado em moeda estrangeira, devidamente convertido emmoeda nacional conforme taxa 
de câmbio vigente na data do fato gerador (registro da DI). As outras alternativas estão corretas, 
conforme a legislação. 
 
 
 
 
7. 
 
Consideradas as informações abaixo, 
 
• Valor da Mercadoria no Local de Embarque: US$ 100.000,00 
• Frete internacional: US$ 15.000,00 
• Seguro internacional: US$ 5.000,00 
• Valor da Mercadoria no Local de Desembarque: US$ 120.000,00 (Valor Aduaneiro) 
• Taxa de Câmbio: US$ 1,00 = R$ 5,00 
• Alíquota do Imposto de Importação: 10% 
Assinale o valor do Imposto de Importação: 
 
 R$ 60.000,00 
 R$ 12.000,00 
 R$ 50.000,00 
 R$ 70.000,00 
 R$ 10.000,00 
 
 
 
Explicação: 
Considera-se o VMLD, ou Valor Aduaneiro, em reais, como base para cálculo do imposto, assim: 
 US$ 120.000,00 x 5,00 = R$ 600.000,00 x 10% = 60.000,00 
 
 
 
 
8. 
 
 
Considerando as informações abaixo, calcule o valor da mercadoria com os impostos incidentes na 
importação: 
• Valor Aduaneiro - VA: R$ 100.000,00 
• Imposto de Importação - II: 10% 
• Imposto sobre Produtos Industrializados - IPI: 20% 
• PIS-Importação: 3,52% 
• COFINS-Importação: 16,48% 
O valor final da importação, com os tributos, será: 
 
 R$ 130.000,00 
 R$ 132.000,00 
 R$ 132.638,10 
 R$ 110.000,00 
 R$ 120.000,00 
 
 
 
Explicação: 
VA + ((VA x II) x IPI) + (VA x PIS) + (VA x COFINS) 
VA + (100.000,00 x 10%) + (100.000,00 x 3,52%) +(100.000,00 x 16,48%) = 
100.000,00 + 10.000,00 + 3.520,00 + 16.480,00 = R$ 130.000,00 
 
 
DESPACHO ADUANEIRO NA IMPORTAÇÃO 
 
 
9. 
 
 
Avalie as afirmativas a seguir, relativas aos conhecimentos de transporte 
I. O modelo aplicável aos conhecimentos de embarque segue um padrão internacional, sendo o 
mesmo, em termos de conteúdo e denominação, para qualquer meio de transporte utilizado. 
II. O conhecimento de carga, também conhecido como conhecimento de transporte emitido pelo 
transportador: (1) define a contratação da operação de transporte internacional; (2) comprova 
o recebimento da mercadoria na origem e a obrigação de entregá-la no lugar de destino; (3) 
constitui prova de posse ou propriedade da mercadoria; e (4) ampara a mercadoria e descreve 
a operação de transporte. 
III. A consignação, no conhecimento de embarque, pode ser nominativa, à ordem do embarcador 
ou ao portador. 
Estão corretas as afirmativas: 
 III, apenas 
 
 II e III, apenas 
 I e III, apenas 
 I, apenas 
 I, II e III 
 
 
 
Explicação: 
O conhecimento de embarque apresenta um modelo e uma definição específica a cada modal de 
transporte. 
 
 
 
 
10. 
 
 
A DI será submetida à análise fiscal, após o registro, e selecionada para um dos seguintes canais de 
conferência aduaneira: verde, amarelo, vermelho e cinza. Avalie as afirmações, a seguir, sobre a 
seleção de canal parametrizada: 
I. No canal verde será efetuado apenas o exame documental. 
II. No canal amarelo será realizado o exame documental e, não sendo constatada irregularidade, 
o despacho seguirá para o canal vermelho, para verificação da mercadoria. 
III. No canal vermelho a mercadoria somente será desembaraçada após a realização do exame 
documental e da verificação da mercadoria. 
IV. No canal cinza serão realizados o exame documental, a verificação da mercadoria e a 
verificação de fraude, inclusive no que se refere ao preço declarado da mercadoria. 
Estão corretas as afirmativas: 
 I e IV, apenas 
 II e III, apenas 
 I e III, apenas 
 I, III e IV 
 
 III e IV, apenas 
 
 
 
Explicação: 
No canal verde o sistema registrará o desembaraço automático da mercadoria, dispensados o exame 
documental e a verificação da mercadoria. 
No canal amarelo será realizado o exame documental. Não sendo constatada irregularidade, o 
desembaraço aduaneiro será efetuado e dispensada a verificação da mercadoria. 
 
 
 
 
 
 Não Respondida Não Gravada Gravada 
 
 
 
 
Exercício inciado em 27/06/2021 06:37:42.