Buscar

What are some actions and behaviors that should be part of the work of the entire team to ensure the strengthening of the bond, the guarantee of th...

What are some actions and behaviors that should be part of the work of the entire team to ensure the strengthening of the bond, the guarantee of the effectiveness of care, adherence to protocols, and patient autonomy?

Offer care to all patients, with sensitivity to cultural aspects and personal desires, in the view of integral care centered on the person.
Encourage a collaborative patient-team relationship, with active patient participation in the consultation; create opportunities for the patient to express their doubts and concerns; respect the central role that the patient has in their own care, recognizing the family, economic, social, and cultural aspects that can hinder or facilitate care.
Ensure that key self-care content has been addressed.
Periodically evaluate the psychological state of patients and their sense of well-being, taking into account the burden of carrying a chronic disease, respecting patients' beliefs and attitudes. Explicitly state the objectives and address the implications of long and continuous treatment.
Negotiate with the patient an individualized care plan, reviewing it periodically and changing it according to circumstances, health conditions, and patient desires.
Discuss and explain the patient's care plan with their family, with the patient's prior agreement.
Encourage and promote multidisciplinary health education activities for patients and their families, in groups or individually, taking into account cultural and psychosocial aspects, with emphasis on empowerment and patient autonomy for self-care. Remember that educating is not just informing.
Encourage patients to organize themselves into mutual aid groups, such as walking groups, recipe exchanges, self-care techniques, among others.
Involve patients in discussions about planning actions aimed at diabetes in the unit, increasing the autonomy and power of patients over their own conditions. Do not forget that the 'specialist' in diabetes for each patient is the patient himself.
Promote permanent professional education on diabetes in the health team to stimulate and qualify care.
Define within the health team ways to ensure continuity of care and guide patients on how to provide this continuous care.
Schedule the necessary reviews and actively search for absentees. Provide, if possible, telephone contact or home visits by team members between scheduled appointments.
Enable prompt access to the service in case of complications.
Register all patients to favor surveillance actions and search for absentees.
Use the data from patient registrations and review consultations to evaluate the quality of care provided in their unit and to plan or reformulate health actions (e.g., proportion of diabetic patients who perform glycosylated hemoglobin (A1C) at least 2 times/year.
Disseminate the content of this manual among other members of the team and among diabetes patients who express interest.

Essa pergunta também está no material:

56 pág.

Diabetes Mellitus

💡 1 Resposta

User badge image

Ed Verified user icon

Algumas ações e comportamentos que devem fazer parte do trabalho de toda a equipe para garantir o fortalecimento do vínculo, a garantia da efetividade do cuidado, a adesão aos protocolos e a autonomia do paciente são: - Oferecer cuidado a todos os pacientes, com sensibilidade aos aspectos culturais e desejos pessoais, na visão de cuidado integral centrado na pessoa. - Incentivar uma relação colaborativa paciente-equipe, com participação ativa do paciente na consulta; criar oportunidades para que o paciente expresse suas dúvidas e preocupações; respeitar o papel central que o paciente tem em seu próprio cuidado, reconhecendo os aspectos familiares, econômicos, sociais e culturais que podem dificultar ou facilitar o cuidado. - Garantir que o conteúdo-chave de autocuidado tenha sido abordado. - Avaliar periodicamente o estado psicológico dos pacientes e seu senso de bem-estar, levando em consideração o peso de carregar uma doença crônica, respeitando as crenças e atitudes dos pacientes. Explicitar os objetivos e abordar as implicações do tratamento longo e contínuo. - Negociar com o paciente um plano de cuidados individualizado, revisando-o periodicamente e alterando-o de acordo com as circunstâncias, condições de saúde e desejos do paciente. - Discutir e explicar o plano de cuidados do paciente com sua família, com o acordo prévio do paciente. - Incentivar e promover atividades multidisciplinares de educação em saúde para pacientes e suas famílias, em grupos ou individualmente, levando em consideração aspectos culturais e psicossociais, com ênfase no empoderamento e autonomia do paciente para o autocuidado. Lembre-se de que educar não é apenas informar. - Incentivar os pacientes a se organizarem em grupos de ajuda mútua, como grupos de caminhada, trocas de receitas, técnicas de autocuidado, entre outros. - Envolva os pacientes em discussões sobre planejamento de ações voltadas para o diabetes na unidade, aumentando a autonomia e o poder dos pacientes sobre suas próprias condições. Não se esqueça de que o "especialista" em diabetes para cada paciente é o próprio paciente. - Promover educação profissional permanente sobre diabetes na equipe de saúde para estimular e qualificar o cuidado. - Definir dentro da equipe de saúde formas de garantir a continuidade do cuidado e orientar os pacientes sobre como fornecer esse cuidado contínuo. - Agendar as revisões necessárias e buscar ativamente os ausentes. Forneça, se possível, contato telefônico ou visitas domiciliares por membros da equipe entre as consultas agendadas. - Possibilitar acesso rápido ao serviço em caso de complicações. - Registrar todos os pacientes para favorecer ações de vigilância e busca de ausentes. - Utilizar os dados dos registros de pacientes e consultas de revisão para avaliar a qualidade do cuidado prestado em sua unidade e planejar ou reformular ações de saúde (por exemplo, proporção de pacientes diabéticos que realizam hemoglobina glicada (A1C) pelo menos 2 vezes/ano. - Disseminar o conteúdo deste manual entre outros membros da equipe e entre pacientes diabéticos que expressem interesse.

0
Dislike0

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis


✏️ Responder

SetasNegritoItálicoSublinhadoTachadoCitaçãoCódigoLista numeradaLista com marcadoresSubscritoSobrescritoDiminuir recuoAumentar recuoCor da fonteCor de fundoAlinhamentoLimparInserir linkImagemFórmula

Para escrever sua resposta aqui, entre ou crie uma conta.

User badge image

Outros materiais