A maior rede de estudos do Brasil

qual a principal estrutura da célula bacteriana que está envolvida nas diferenças entre os 2 grandes grupos de bacterias ? Como se chama a tecnica de

MicrobiologiaFUPAC UBÁ

4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

As células são chamadas como unidades estruturais e funcionais de um corpo vivo, sendo a unidade estrutural, pois formam a estrutura do organismo. Logo, a célula é a unidade estrutural básica para todos os organismos unicelulares e multicelulares. As células são caracterizadas basicamente pela membrana plasmática, citoplasma e material genético, situado no núcleo.

Por sua vez, as bactérias fazem parte do Reino Monera, elas são seres unicelulares, pois são constituídas apenas por uma célula, e procariontes, pois não possuem núcleo em sua célula ou qualquer outra organela ligada à membrana.

Daí, a coloração de Gram é uma técnica muito importante na caracterização e classificação inicial das bactérias, visto que possibilita visualizar as bactérias sejam visualizadas em um microscópio ótico, pois sem a coloração é impossível observá-las. O método de coloração de Gram recebeu esse nome em homenagem ao patologista dinamarquês Hans Christian Joachim Gram que desenvolveu a técnica em 1884, utilizada até os dias atuais. O procedimento de coloração de Gram permite que as bactérias retenham a cor com base nas diferenças nas propriedades químicas e físicas da parede celular, e, nessa etapa, o emprego de corantes provoca o aumento do contraste e torna nítido a estrutura bacteriana.

Nesse âmbito, as bactérias classificadas como gram-positivas são aqueles que retém o o cristal violeta em razão da presença de uma espessa camada de peptidoglicano que há nas suas paredes celulares, evidenciando uma cor roxa. Já as bactérias gram-negativas são as que possuem a parede de peptidoglicano mais fina e não conseguem reter o cristal violeta.

Portanto, a estrutura que divide as bactérias em gram-positivas e gram-negativas é a parede celular - mais precisamente a espessura da camada de peptidoglicano na mesma.

As células são chamadas como unidades estruturais e funcionais de um corpo vivo, sendo a unidade estrutural, pois formam a estrutura do organismo. Logo, a célula é a unidade estrutural básica para todos os organismos unicelulares e multicelulares. As células são caracterizadas basicamente pela membrana plasmática, citoplasma e material genético, situado no núcleo.

Por sua vez, as bactérias fazem parte do Reino Monera, elas são seres unicelulares, pois são constituídas apenas por uma célula, e procariontes, pois não possuem núcleo em sua célula ou qualquer outra organela ligada à membrana.

Daí, a coloração de Gram é uma técnica muito importante na caracterização e classificação inicial das bactérias, visto que possibilita visualizar as bactérias sejam visualizadas em um microscópio ótico, pois sem a coloração é impossível observá-las. O método de coloração de Gram recebeu esse nome em homenagem ao patologista dinamarquês Hans Christian Joachim Gram que desenvolveu a técnica em 1884, utilizada até os dias atuais. O procedimento de coloração de Gram permite que as bactérias retenham a cor com base nas diferenças nas propriedades químicas e físicas da parede celular, e, nessa etapa, o emprego de corantes provoca o aumento do contraste e torna nítido a estrutura bacteriana.

Nesse âmbito, as bactérias classificadas como gram-positivas são aqueles que retém o o cristal violeta em razão da presença de uma espessa camada de peptidoglicano que há nas suas paredes celulares, evidenciando uma cor roxa. Já as bactérias gram-negativas são as que possuem a parede de peptidoglicano mais fina e não conseguem reter o cristal violeta.

Portanto, a estrutura que divide as bactérias em gram-positivas e gram-negativas é a parede celular - mais precisamente a espessura da camada de peptidoglicano na mesma.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas