A maior rede de estudos do Brasil

danos morais

é possível ganhar pocesso por danos morais contra empresas de meteorologia com a alegação de falsa/errada previsão do tempo que cause prejuízos a uma certa pessoa?


4 resposta(s)

User badge image

Ello

Há mais de um mês

A previsão do tempo por si só não é uma certeza, é apenas uma previsão uma base sobre a realidade ou seja uma expectativa portanto se a previsão do tempo falar que o dia será ensolarado e com muito calor e você levar o notebook na bolsa, chover e o seu notebook estragar não há reponsabilidade objetiva dos responsáveis pela previsão até porque o tempo não depende da vontade pessoal e sim de fatores maiores, é um fenômeno da natureza.

A previsão do tempo por si só não é uma certeza, é apenas uma previsão uma base sobre a realidade ou seja uma expectativa portanto se a previsão do tempo falar que o dia será ensolarado e com muito calor e você levar o notebook na bolsa, chover e o seu notebook estragar não há reponsabilidade objetiva dos responsáveis pela previsão até porque o tempo não depende da vontade pessoal e sim de fatores maiores, é um fenômeno da natureza.

User badge image

Rodrigo

Há mais de um mês

Caro Lucas,

Dano moral é um abalo psicológico causado por um certo motivo. O pedido de indenização por danos morais atualmente ocorre por qualquer motivo, o que tem levado o Poder Judiciário ser mais criterioso no julgamento.

A previsão do tempo leva em conta diversos fatores metereológicos para ter o resultado mais próximo do que poderá ocorrer, quanto possível.

Feitas essas considerações, acredito que não seria provável o ganho da ação citada. Explico: Acredito que aplica-se a legislação consumerista, embora seja um serviço não oneroso. Poderia pedir os danos, independentemente de morais ou materiais, alegando algum erro INTERNO no procedimento de previsão (e não apenas erro de resultado. Algo do tipo: o funcionário anotou errado a temperatura do solo, que gerou o resultado da previsão de forma errada). Como não há como comprovar tal erro, com base no Código de Defesa do Consumidor, comprovando a sua hipossuficiência (vulnerabilidade fática e técnica do consumidor), pedir que o juiz decretasse a inversão do ônus da prova (o réu deveria comprovar que você está errado e não você que terá que comprovar que está certo). 

Resumindo: existe chance de ganhar caso tenha ocorrido um ato ilícito durante o procedimento da previsão do tempo. Caso contrário, improvável será o êxito nessa demanda, tendo em vista que a previsão do tempo é uma ciência aproximada e não exata.

Espero ter ajudado

User badge image

Eric

Há mais de um mês

dano moral é quando um bem de ordem moral é maculado, logo que bem seria esse derivado da previsao do tempo.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes