A maior rede de estudos do Brasil

Como funciona a lei penal no tempo ?

Direito Penal I

ESTÁCIO


2 resposta(s)

User badge image

diego nobrega

Há mais de um mês

o tempo de crime é o momento da ação ou da omissão da conduta crimisa, por exemplo, um agente disparou com uma arma acertando a vítima a qual ficou iinternada e veio afalacer 1 mês após o disparo, o tempo do crime será no momento do disparo. portanto a teoria a adotada pelo código penal brasileiro é a teoria da atividade, vale ressalvar que é diferentemente da teoria do espaço, que existem exceções e é adotada teorias diversas. abraço

o tempo de crime é o momento da ação ou da omissão da conduta crimisa, por exemplo, um agente disparou com uma arma acertando a vítima a qual ficou iinternada e veio afalacer 1 mês após o disparo, o tempo do crime será no momento do disparo. portanto a teoria a adotada pelo código penal brasileiro é a teoria da atividade, vale ressalvar que é diferentemente da teoria do espaço, que existem exceções e é adotada teorias diversas. abraço

User badge image

Estudante PD

Há mais de um mês

Para definir o tempo do crime  utilizam-se três teorias: a teoria da atividade, teoria do resultado e a teoria da ubiquidade. Na teoria da atividade o tempo do crime vai ser somente o da ação ou omissão. Na teoria do resultado o tempo do crime será apenas o da consumação ou tentativa. Na teoria da ubiquidade o tempo do crime pode ser tanto o da ação ou omissão quanto o do resultado.

O Código Penal vigente adotou a teoria da atividade conforme o artigo 4º do diploma legal disposto abaixo, sendo que, a lei vigente ao tempo da prática da ação ou da omissão deverá ser aplicada ao caso, ressalvada as leis posteriores benéficas ao  réu. 

Tempo do crime

        Art. 4º - Considera-se praticado o crime no momento da ação ou omissão, ainda que outro seja o momento do resultado.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes