A maior rede de estudos do Brasil

A emissão de elétrons por metais iluminados com luz de determinada freqüência

A emissão de elétrons por metais iluminados com luz de determinada freqüência foi observada no final do século XIX por Hertz e Hallwachs. O processo pelo qual elétrons são liberados de um material pela ação da radiação se denomina efeito fotoelétrico. Suas características essenciais são as seguintes: (1) Para cada metal, existe uma freqüência mínima da radiação eletromagnética abaixo da qual não são produzidos fotoelétrons, por mais intensa que seja a radiação; (2) A emissão eletrônica aumenta quando se aumenta a intensidade da radiação que incide sobre a superfície do metal, ou seja, o número de fotoelétrons aumenta com o aumento da intensidade da radiação; (3) A energia dos fotoelétrons depende da frequência da radiação incidente, não dependendo da intensidade desta. Experimentos de efeito fotoelétrico são realizados com Sódio, Magnésio e Prata, fazendo-se incidir sobre esses elementos uma onda luminosa de comprimento de onda  = 400 ????????. As respectivas funções-trabalho desses elementos são dadas por: Sódio: 2,3eV; Magnésio: 3,7eV e Prata: 4,7eV. A luz incidente é capaz de arrancar elétrons

(A) somente na Prata.

(B) somente no Sódio.

(C) somente no Sódio e no Magnésio.

(D) somente no Sódio e na Prata

. (E) em todos eles.

Física

FACENS


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

O efeito fotoelétrico requer fótons com energias próximas de zero (no caso de afinidade eletrônica negativa) a mais de 1 MeV para elétrons centrais em elementos com alto número atômico . Emissão de elétrons de condução de metais típicos geralmente requer alguns elétron-volts, correspondendo a luz ultravioleta visível ou de comprimento de onda curto.

Outros fenômenos onde a luz afeta o movimento de cargas elétricas incluem o efeito fotocondutor (também conhecido como fotocondutividade oufoto-resistividade ), o efeito fotovoltaico e o efeito fotoeletroquímico.

Fotoemissão pode ocorrer de qualquer material, mas é mais facilmente observável de metais ou outros condutores porque o processo produz um desequilíbrio de carga, e se esse desequilíbrio de carga não é neutralizado pelo fluxo de corrente (habilitado pela condutividade), a barreira potencial para emissão aumenta até a corrente de emissão cessa. o que faz com que seja comum ter a superfície emissora no vácuo, pois os gases impedem o fluxo de fotoelétrons e dificultam sua observação.

Portanto, a alternativa correta é a alternativa A.

O efeito fotoelétrico requer fótons com energias próximas de zero (no caso de afinidade eletrônica negativa) a mais de 1 MeV para elétrons centrais em elementos com alto número atômico . Emissão de elétrons de condução de metais típicos geralmente requer alguns elétron-volts, correspondendo a luz ultravioleta visível ou de comprimento de onda curto.

Outros fenômenos onde a luz afeta o movimento de cargas elétricas incluem o efeito fotocondutor (também conhecido como fotocondutividade oufoto-resistividade ), o efeito fotovoltaico e o efeito fotoeletroquímico.

Fotoemissão pode ocorrer de qualquer material, mas é mais facilmente observável de metais ou outros condutores porque o processo produz um desequilíbrio de carga, e se esse desequilíbrio de carga não é neutralizado pelo fluxo de corrente (habilitado pela condutividade), a barreira potencial para emissão aumenta até a corrente de emissão cessa. o que faz com que seja comum ter a superfície emissora no vácuo, pois os gases impedem o fluxo de fotoelétrons e dificultam sua observação.

Portanto, a alternativa correta é a alternativa A.

User badge image

Rafaela Paes

Há mais de um mês

Resposta: alternativa A

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas