A maior rede de estudos do Brasil

2) qual o cuidado para com o diagnostico ? psicopatologia

Psicopatologia

PITÁGORAS


2 resposta(s)

User badge image

Gisleane Marcelino

Há mais de um mês

Como em todo procedimento clínico, temos que ter o cuidado com o enquadramento:

Na primeira parte do texto, é realizada uma breve contextualização histórica do desenvolvimento das práticas de avaliaçã psicológica, destacando as principais influências que marcaram esse campo de atuação da Psicologia. Em seguida, discute-se a importância do psicodiagnóstico como instrumento tradicional de avaliação psicológica, suas variações dentro das abordagens psicanalítica e fenomenológica, e outros procedimentos clínicos de diagnóstico menos estruturados. Ao final, constata-se que esse campo de atuação engloba hoje uma pluralidade de estratégias e destaca-se a importância de atualizar essa discussão nos cursos de graduação em Psicologia, uma vez que as novas demandas colocadas para os psicólogos exigem constantes reflexões e atualizações dessas práticas.

Como em todo procedimento clínico, temos que ter o cuidado com o enquadramento:

Na primeira parte do texto, é realizada uma breve contextualização histórica do desenvolvimento das práticas de avaliaçã psicológica, destacando as principais influências que marcaram esse campo de atuação da Psicologia. Em seguida, discute-se a importância do psicodiagnóstico como instrumento tradicional de avaliação psicológica, suas variações dentro das abordagens psicanalítica e fenomenológica, e outros procedimentos clínicos de diagnóstico menos estruturados. Ao final, constata-se que esse campo de atuação engloba hoje uma pluralidade de estratégias e destaca-se a importância de atualizar essa discussão nos cursos de graduação em Psicologia, uma vez que as novas demandas colocadas para os psicólogos exigem constantes reflexões e atualizações dessas práticas.

User badge image

andrea frabca

Há mais de um mês

Como em todo procedimento clínico, temos que ter o cuidado com o enquadramento:

Na primeira parte do texto, é realizada uma breve contextualização histórica do desenvolvimento das práticas de avaliaçã psicológica, destacando as principais influências que marcaram esse campo de atuação da Psicologia. Em seguida, discute-se a importância do psicodiagnóstico como instrumento tradicional de avaliação psicológica, suas variações dentro das abordagens psicanalítica e fenomenológica, e outros procedimentos clínicos de diagnóstico menos estruturados. Ao final, constata-se que esse campo de atuação engloba hoje uma pluralidade de estratégias e destaca-se a importância de atualizar essa discussão nos cursos de graduação em Psicologia, uma vez que as novas demandas colocadas para os psicólogos exigem constantes reflexões e atualizações dessas práticas.

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes