Buscar

sobre história

O debate acerca da economia antiga assumiu nos dias atuais proporções diferentes daquelas do final do século XIX, quando Eduard Meyer e Karl Bu¨cher tornaram-se os protagonistas de um fervoroso embate na Alemanha, conhecido como o debate do oikos. Hoje o debate foi enriquecido e alargado com nova documentação textual e arqueológica, tomando uma nova dimensão, mas nem por isso deixou de ser inflamado e relevante [...]”. 

Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: CARVALHO, Alexandre Galvão. A economia antiga e o antigo oriente-próximo: a Mesopotâmia no seio do debate entre substantivistas, neomarxistas e formalistas. Anais eletrônicos  do VI Encontro Estadual de História ANPUH-BA. Ilhéus, 2013. v. 1. s. p. 

Considerando as informações e os conteúdos do livro-base Tópicos de História Antiga Oriental sobre as lógicas de organização econômico-sociais existentes no Antigo Oriente Próximo, relacione corretamente os modelos às suas respectivas características:

1. Lógica palacial-aldeã
2. Lógica da grande economia familiar ou individual
3. Lógica da pequena economia familiar ou individual
4. Lógica escravista

( ) Também conhecida como lógica tributário-aldeã, articula o modo de produção doméstico e o modo de produção palatino. Sua origem é decorrente da urbanização.
( ) Apesar de existente, não baseava as relações de produção nas sociedades próximo-orientais.
( ) Pode ser verificada nos casos de camponeses e lavradores dotados de certa autonomia econômica.
( ) Surge em decorrência da existência de interesses privados no interior das relações comerciais, beneficiando setores da classe dominante.

Agora, marque a sequência correta:

  A

2 – 1 – 4 – 3

  B

3 – 2 – 1 – 4

  C

1 – 3 – 4 – 2

  D

1 – 4 – 3 – 2

  E

3 – 1 – 4 – 2

💡 3 Respostas

User badge image

Leonardo Silva

Resposta Letra: D

0
Dislike0
User badge image

Mariele Panax

Letra: D. espero ter ajudado.
0
Dislike0
User badge image

Andre Smaira

Desde o comércio justo até a economia solidária , incluindo inovações sociais no campo da proteção ambiental, a luta contra a exclusão, a saúde ou a igualdade de oportunidades, a ESS fornece uma resposta para muitas questões sociais contemporâneas.

O termo "economia social" no sentido estrito refere-se à abordagem que historicamente define o setor com base no estatuto jurídico das organizações: nesta abordagem, a economia social refere-se a associações, cooperativas, mutualidades, fundações, fundos pessoal , independentemente do seu objeto social ou atividades.

Mais desfocada, a "economia solidária" pode ser vista como resultado de um movimento que surgiu nos anos 90, definido mais pelo objetivo da organização, às vezes suas atividades e sua governança, independentemente de sua status: comércio justo , inserção na atividade econômica , etc.

O termo " solidariedade" tende a caracterizar uma forma de reciprocidade, uma prioridade sobre os princípios de mercado e distribuição. Ele define uma forma política, como toda a produção, o comércio, poupança e consumo que contribuem para a democratização da economia dos compromissos cidadãos.

Portanto, a alternativa correta é a alternativa D.

0
Dislike0

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

✏️ Responder

SetasNegritoItálicoSublinhadoTachadoCitaçãoCódigoLista numeradaLista com marcadoresSubscritoSobrescritoDiminuir recuoAumentar recuoCor da fonteCor de fundoAlinhamentoLimparInserir linkImagemFórmula

Para escrever sua resposta aqui, entre ou crie uma conta.

User badge image

Outros materiais