A maior rede de estudos do Brasil

Qual é a diferença da dor irradiada no refluxo gastroesofágico e a dor de um IAM quanto a localização da irradiação?


2 resposta(s)

User badge image

Linneker Ferreira

Há mais de um mês

Geralmente a dor irradiada no IAM é considerada uma dor típica, ou seja, dor retroesternal que irradia para membos ou mandíbula. Geralmente a dor do refluxo irradia para região retroesternal ou epigástrica. Contudo, cabe lembrar que a queixa do paciente no IAM geralmente não é caracterizada como dor, mas sim como opressão, sensação de peso ou aperto que podem levar à apresentação clássica do sinal de lèvine: levar o punho cerrado em direção ao tórax. Ao invés de focar na dor, foque na queixa do paciente de opressão ou peso retroesternal que pioram aos exercícios físicos e que melhoram com repouso ou uso de nitrato.

Geralmente a dor irradiada no IAM é considerada uma dor típica, ou seja, dor retroesternal que irradia para membos ou mandíbula. Geralmente a dor do refluxo irradia para região retroesternal ou epigástrica. Contudo, cabe lembrar que a queixa do paciente no IAM geralmente não é caracterizada como dor, mas sim como opressão, sensação de peso ou aperto que podem levar à apresentação clássica do sinal de lèvine: levar o punho cerrado em direção ao tórax. Ao invés de focar na dor, foque na queixa do paciente de opressão ou peso retroesternal que pioram aos exercícios físicos e que melhoram com repouso ou uso de nitrato.

User badge image

Larissa Cirera

Há mais de um mês

Em relação a irradiação da dor, a dor clássica na DRGE é de dor epigástrica com irradiação para região retroesternal. Enquanto que no IAM a dor clássica é a dor precordial, podendo ou não irradiar para mandíbula e/ou MSE. Outra características devem ser avaliadas, tipo da dor, duração, fatores desencadeastes etc.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes