AV1FundDireito
4 pág.

AV1FundDireito

Disciplina:Fundamentos de Direito501 materiais2.472 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Avaliação:
	AV1.2012.3EAD-FUNDAMENTOS DE DIREITO-GST0593

	Disciplina:
	GST0593 - FUNDAMENTOS DE DIREITO

	Tipo de Avaliação:
	AV1

	Aluno:
	

	Nota da Prova:
	5
	Nota do Trabalho:     
	Nota da Participação:      2
	Total: 
	7

	Prova On-Line

	
Questão: 1 (212673) 
Com relação ao Direito Positivo, assinale a opção correta:  Pontos da Questão: 0,5

	 Direito Positivo é o conjunto de normas jurídicas escritas e não escritas vigentes em um determinado território, dependendo da vontade humana para ser criado. 

	 Direito Positivo é o conjunto de leis, somente, vigentes em um determinado território, independendo da vontade humana para ser criado.

	 Direito Positivo é o conjunto de normas jurídicas, leis, tratados, costumes, normas morais e éticas, vigentes em um determinado território, independendo da vontade humana para ser criado.

	 Direito Positivo é o conjunto de leis, somente, vigentes em um determinado território, dependendo da vontade humana para ser criado.

	 Direito Positivo é o conjunto de normas jurídicas escritas e não escritas vigentes em um determinado território, independendo da vontade humana para ser criado.

	
Questão: 2 (189332) 
Dentre os princípios existentes no Decreto-Lei no 4.657/1942 (Lei de Introdução ao Código Civil), temos aquele com a seguinte expressa previsão legal, no artigo 1º da LICC: “salvo, disposição em contrário, a lei começa a vigorar em todo o país quarenta e cinco dias depois de oficialmente publicada”. Visualizamos o referido princípio quando o texto legal menciona que a lei vigora em todo o país. Sendo assim, a LICC trouxe a uniformidade da vacatio legis para todo o território nacional. Tal princípio é conhecido como:  Pontos da Questão: 1

	 Princípio da Obrigatoriedade.

	 Princípio da legalidade da publicidade.

	 Princípio da Vigência Unitária. 

	 Princípio da Publicidade.

	 Princípio da Incompatibilidade.

	
Questão: 3 (212678) 
O Poder Constituinte Originário pode ser entendido com aquele Poder estabelecido para constituir uma nova ordem constitucional. Com base na afirmativa acima, assinale a opção correta:  Pontos da Questão: 1

	 Ele é responsável por editar as denominadas Emendas Constitucionais.

	 Em nenhuma hipótese as Emendas Constitucionais editadas pelo Poder Constituinte Originário pode ir de encontro à disposições estabelecidas na Constituição.

	 O Poder Constituinte Originário em nenhuma hipótese poderá modificar as Cláusulas Pétreas. 

	 São características do Poder Constituinte Originário ser incondicional, ilimitado e inicial. 

	 Somente o Poder Constituinte Originário pode modificar por meio de Emenda Constitucional as denominadas Cláusulas Pétreas.

	
Questão: 4 (189336) 
Pessoa menor de idade vende o imóvel que tinha como herança de seu pai ainda vivo. O comprador paga o valor acertado e consegue registrar tal bem no órgão competente. Tomando por base os atos jurídicos, podemos afirmar que o mesmo é:  Pontos da Questão: 1

	 Insanável, entretanto se o proprietário concordar poderá corrigi-lo.

	 Nulo o negócio jurídico quando. Pois foi realizado por pessoa capaz.

	 Anulável, com o lapso de tempo máximo de 1 ano.

	 Nulo o negócio jurídico quando. Pois foi realizado por pessoa incapaz. 

	 Sanável, pois houve o pagamento do valor acertado.

	
Questão: 5 (189309) 
Indique a única opção correta. Este princípio simboliza que dentro dos direitos fundamentais, existe uma gama de direitos, conhecidos pela doutrina como o mínimo existencial, ou seja, são princípios que traduzem o núcleo essencial, que não pode ser retirado, em nenhuma hipótese.  Pontos da Questão: 0,5

	 Princípio da Vedação Mínima ao Retrocesso. 

	 Princípio do Máximo da Efetividade.

	 Princípio da Mínima Efetividade.

	 Princípio da Reserva Mínima do Possível.

	 Princípio da Intangibilidade do Mínimo Existencial. 

	
Questão: 6 (189296) 
O direito objetivo se traduz como a norma ou o conjunto de normas impostas a todos pelo Estado, sob pena de incorrer em uma sanção. Deste modo, verifica-se que o direito objetivo é uma obrigação. Isto é, são regras cogentes de comportamento, determinando como agir ou não agir. Elas são denominadas de:  Pontos da Questão: 0,5

	 Norma agendi, tendo em vista que determinam uma faculdade no agir.

	 Norma agendi, tendo em vista que determinam uma faculdade de agir. 

	 Norma agendi, tendo em vista que determinam uma obrigação de exercício.

	 Norma cogendi, tendo em vista que determinam uma obrigação de agir.

	 Norma agendi, tendo em vista que determinam uma obrigação de agir.

	
Questão: 7 (189334) 
Assinale a alternativa correta. No tocante à disciplina da responsabilidade civil, é correto afirmar:  Pontos da Questão: 1

	 Na responsabilidade civil subjetiva, não surgirá o dever de reparação do dano na hipótese de culpa exclusiva da vítima por falta de nexo de causalidade entre a ação do agente e o dano sofrido.

	 Na responsabilidade civil objetiva, não surgirá o dever de reparação do dano na hipótese de culpa exclusiva da vítima por falta de nexo de causalidade entre a ação do agente e o dano sofrido. 

	 Na responsabilidade civil objetiva, a culpa exclusiva do prejudicado afasta o dever de reparação do causador do dano porque é causa de exclusão do dano. 

	 Os pais são responsáveis objetivamente pela reparação civil dos danos causados por filhos menores ou, embora maiores de 18 anos, incapazes, ainda que estes não estejam sob sua autoridade e em sua companhia.

	 Na responsabilidade civil objetiva, a culpa exclusiva do prejudicado em nada altera a situação jurídica do causador do dano, o qual responderá independentemente de culpa.

	
Questão: 8 (189324) 
Assinale a alternativa correta. No que tange aos direitos fundamentais, podemos afirmar que:  Pontos da Questão: 1

	 Os direitos fundamentais são absolutos.

	 Os direitos fundamentais são exercidos pelo Estado para prejudicar os cidadãos.

	 Os direitos fundamentais têm como característica sua alienabilidade.

	 Os direitos fundamentais são regidos pelo princípio da vedação ao retrocesso. 

	 Os direitos fundamentais não são regidos pelo princípio da vedação ao retrocesso.

	
Questão: 9 (220955) 
O Código Civil enumera a incapacidade civil nos artigos 3º e 4º. Prevê o art. 3º: “São absolutamente incapazes de exercer pessoalmente os atos da vida civil”:
  Pontos da Questão: 0,5

	 I - os menores de dezesseis anos; II - os que, por enfermidade ou deficiência mental, não tiverem o necessário discernimento para a prática desses atos; III - os que, mesmo por causa transitória, puderem exprimir sua vontade.

	 I - os maiores de dezesseis anos; II - os que, por enfermidade ou deficiência mental, não tiverem o necessário discernimento para a prática desses atos; III - os que, mesmo por causa transitória, não puderem exprimir sua vontade.

	 I - os maiores de dezesseis anos; II - os que, por enfermidade ou deficiência mental, não tiverem o necessário discernimento para a prática desses atos; III - os que, mesmo por causa transitória, puderem exprimir sua vontade.

	 I - os menores de dezesseis anos; II - os que, por enfermidade ou deficiência mental, não tiverem o necessário discernimento para a prática desses atos; III - os que, mesmo por causa transitória, não puderem exprimir sua vontade. 

	 I - os menores de dezesseis anos; II - os que, por deformidade física ou mental, não tiverem o necessário discernimento para a prática desses atos; III - os que, mesmo por causa transitória, não puderem exprimir sua vontade.

	
Questão: 10 (189303) 
Os princípios gerais de direito surgem diante da impossibilidade de aplicação da analogia na hipótese de lacuna na norma jurídica. Deste modo, é possível afirmar que o Direito Positivo não apresenta lacunas, tendo em vista que diante da impossibilidade de aplicação da analogia, surgem os princípios gerais do direito para integrar a norma jurídica. Considerando tal assertiva, podemos afirmar que:  Pontos da Questão: 1

	 O princípio da legalidade determina ao administrador público (gestor) atuação exclusiva dentro da lei. 

	 O gestor público