Alavancagem.zip
11 pág.

Alavancagem.zip

Disciplina:Introdução A Economia para Engenheiros31 materiais561 seguidores
Pré-visualização1 página
Fonte: Fonte: Samanez, C. P. – Engenharia EconômicaEngenharia Econômica Editora Editora
Pearson Pearson PrenticePrentice--HallHall--Pearson;Pearson; Edição, 200Edição, 20099
Ross, Westerfield, Jordan Ross, Westerfield, Jordan –– Administração Financeira Administração Financeira
8a Ed. Ed. McGraw8a Ed. Ed. McGraw--Hill Hill –– Cap. 11Cap. 11
Gitman Gitman –– Princípios de Administração Financeira Princípios de Administração Financeira
10a Ed. Pearson 10a Ed. Pearson –– Cap. 5Cap. 5

Ponto de Equilíbrio Econômico, Ponto de Equilíbrio Econômico,
Alavancagem Operacional e FinanceiraAlavancagem Operacional e Financeira

Prof. Marco Aurélio Albernaz

q Alavancagem - uso de ativos ou fundos a custo fixo
para multiplicar retornos para os proprietários da
empresa.

q Em geral, aumentos de alavancagem resultam em
elevações de retorno e risco. Diminuições de
alavancagem provocam reduções no risco e no retorno.

q O grau de alavancagem na estrutura de capital da
empresa – combinação de capital de terceiros com
capital próprio – pode afetar significativamente seu
valor, pelos efeitos sobre o risco e o retorno.

Alavancagem

Tipos de Alavancagem

Alavancagem

Análise de Ponto de Equilíbrio

q A análise de ponto de equilíbrio (análise de custo-volume-
lucro) é usada para:

- determinar o nível de operações necessário para
cobrir todos os custos operacionais;

- avaliar a rentabilidade associada a diferentes
níveis de vendas.

q Ponto de equilíbrio operacional da empresa é o nível de
vendas necessário para cobrir todas as despesas
operacionais.

q Nesse ponto, o lucro operacional (Laji) é igual a zero.

q Para calcular o ponto de equilíbrio operacional, os custos de
produtos vendidos e as despesas operacionais devem ser
decompostos em fixos e variáveis.

q Os custos variáveis variam diretamente com o nível de
vendas e dependem do volume, e não do tempo. Exemplo:
mão-de-obra direta e transporte.

q Os custos fixos dependem do tempo e não variam com o
volume de vendas. Exemplo: aluguel e gastos gerais fixos.

Análise de Ponto de Equilíbrio

Análise de Ponto de Equilíbrio

Usando as variáveis a seguir, a porção operacional da
demonstração de resultado da empresa pode ser assim
representada:

Enfoque Algébrico

Onde: P = preço unitário de venda
Q = número de unidades vendidas
CF = custo operacional fixo por período
CV = custo operacional variável por período

Laji = (P x Q) – CF – (CV x Q)

Ponto de Equilíbrio Operacional (Laji = 0)

Q = CF
P – CV

Análise de Ponto de Equilíbrio

Ponto de Equilíbrio Operacional

A empresa Cheryl’s Posters tem custos operacionais fixos de $ 2.500.
Seu preço de venda é de $ 10 por unidade e o custo operacional variável
é de $ 5 por unidade. Calcule o ponto de equilíbrio operacional.

Q = $ 2.500 = 500 unidades
$ 10 – $ 5

Receita = Custos

Análise de Ponto de Equilíbrio

Variação de custos e ponto de equilíbrio operacional

Reduções de cada uma das variáveis apresentadas teriam
efeito oposto sobre o ponto de equilíbrio operacional

Análise de Ponto de Equilíbrio

Crescimento do

Análise de Ponto de Equilíbrio

No Ponto de Equilíbrio contábil, as vendas cobrem apenas os
custos e as despesas fixas e variáveis (incluida a depreciação).

Onde: P = preço unitário de venda
CF = custo operacional fixo sem da depreciação
CV = custo operacional variável por período
CAE – Custo Anual Equivalente (considera o
Investimento Inicial e o Custo de Oportunidade de Capital

PE = CF + CAE
P – CV

Ponto de Equilíbrio Econômico

Grau de alavancagem operacional

q O grau de alavancagem operacional (GAO) mede a
sensibilidade de variações do Laji a variações das vendas.

q O GAO de uma empresa pode ser calculado de duas
maneiras. Um dos cálculos produz uma estimativa pontual, o
outro gera um intervalo de GAO.

q Somente as empresa que têm custos fixos em seus processos
de produção apresentam alavancagem operacional.

q O GAO será diferente para cada nível de vendas.

Alavancagem Operacional

GAO = % Variação de Laji = 100 % = 2 *
% Variação de vendas 50%

* Se custos operacionais fixos = 0, alavancagem operacional = 1

q Estimativa do GAO para um dado intervalo

Alavancagem Operacional

GAO = Vendas – CV .
Vendas – CV – CF

Se as vendas subirem para 1.500, o GAO cairá para:

q Estimativa pontual do GAO

Alavancagem Operacional

GAO = 10.000 – 5.000 = 2,5
10.000 – 5.000 – 2.500

Para vendas iguais a 1.000 unidades, dados preço unitário
igual $10,00 , custo variável $5,00 e custos fixos $2.500,00

GAO = 15.000 – 7.500 = 1,5
15.000 – 7.500 – 2.500

q A alavancagem financeira resulta da presença de custos
financeiros fixos nos resultados da empresa.

q Alavancagem Financeira – uso de custos financeiros fixos
para ampliar os efeitos de variações de Laji sobre o LPA
da empresa.

q Os custos financeiros fixos mais comumente encontrados
na demonstração do resultado da empresa são:
Ø (1) juros de dívidas; e
Ø (2) dividendos de ações preferenciais.

Alavancagem Financeira

q Grau de alavancagem financeira

Ø O grau de alavancagem financeira (GAF) mede a
sensibilidade de variações de LPA a variações de Laji.

Ø O GAF pode ser calculado de duas maneiras: com base em
uma estimativa pontual e em uma estimativa de intervalo.

Ø Somente as empresas que usam capital de terceiros ou
outras formas de financiamento com custo fixo (como
ações preferenciais) têm alavancagem financeira.

Alavancagem Financeira

Alavancagem Financeira

Estimativa de GAF por intervalo

GAF = % Variação de LPA
% Variação de Laji

Ø GAF é maior do que 1, indicando a presença de financiamento
com capital de terceiros.

Ø Em geral, quanto maior o GAF, maior a alavancagem
financeira e mais alto o risco financeiro.

q Grau de alavancagem financeira

Alavancagem Financeira

GAF = 100 % = 2,5
40 %

GAF = Laji .
Laji – Juros – dividendos ÷ ( 1 – T )

patrimoniais

Se o Laji subir para 14.000, o GAF cairá para:

q Estimativa pontual do GAF

Alavancagem Financeira

GAF = 14.000 = 1,75
14.000 – 2.000 – 2.400 ÷ ( 1 – 0,40)

Onde T – alíquota de Imposto de Renda

GAF = 10.000 . = 2,5
10.000 – 2.000 – 2.400 ÷ ( 1 – 0,40 )

q A alavancagem total resulta do efeito combinado do
uso de custos fixos, tanto operacionais quanto
financeiros, para amplificar o efeito de variações de
vendas sobre os lucros por ação da empresa.

q Pode ser encarada, portanto, como medida do
impacto total dos custos fixos na estrutura
operacional e financeira da empresa.

Alavancagem Total

Alavancagem Total

Ø Estimativa de GAT por intervalo
GAT = % Variação de LPA .

% Variação de Vendas

q Grau de alavancagem total - GAT

Alavancagem Total

GAT = 46,67 % = 4,67
10 %

GAT = Vendas – Custos Variáveis .
Laji – Juros – dividendos ÷ ( 1 – T )

patrimoniais

Ø Estimativa pontual do GAT

GAT = 700.000 – 420.000 = 4,67
80.000 – 20.000

Ø GAT= GAO × GAF

GAT = 3,5 × 1,33 = 4,67