A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Aula 06 - Estrutura e Formatação

Pré-visualização | Página 1 de 2

Na última aula você estudou sobre a escolha do 
tema, a problematização e a hipótese. Agora, você 
conhecerá um pouco sobre a estruturação e a 
formatação dos trabalhos acadêmicos. 
• Analisar a ABNT enquanto órgão regulador; 
 
• Distinguir os elementos que formam a 
estrutura de um trabalho científico; 
 
• Esboçar a formatação de um trabalho 
científico; 
Imagine se cada aluno que produzisse um 
trabalho acadêmico o organizasse como bem 
entendesse? 
Imagine-se fazendo uma pesquisa e 
encontrando os livros organizados de formas 
diferentes: uns começando pelo desenvolvimento, 
seguido da conclusão e terminando com a introdução; 
outros começando pela conclusão, seguida da 
introdução e do desenvolvimento. Que confusão, não 
é mesmo? 
É para dar uma sequência lógica, evitar o caos 
e, claro, a perda de tempo, que organizamos a ordem 
do texto. Aprendemos isso nas aulas de redação, 
lembra? Primeiro, vem a introdução, depois, o 
desenvolvimento e, por último, a conclusão. Essa 
ordem se estende a outras produções textuais, 
inclusive os trabalhos acadêmicos. 
E é disso que vamos tratar nessa aula: 
estrutura, formatação e organização de nossas 
produções científicas. 
 
 
 
 
Fundada em 1940, 
a Associação Brasileira de 
Normas Técnicas (ABNT) é o 
órgão responsável pela 
normalização técnica no país, 
fornecendo a base necessária ao desenvolvimento 
tecnológico brasileiro. 
Mas você deve estar se perguntando: 
No que ela interfere no meu trabalho acadêmico? 
Algumas normas da ABNT servem de padrão 
para as instituições de ensino no que diz respeito à 
apresentação de trabalhos acadêmicos e científicos. 
Por isso, quando não houver especificação por 
parte da instituição quanto à normatização de um 
trabalho científico, adote as normas da ABNT. 
Muitos dos trabalhos acadêmicos são 
compostos pelos chamados elementos pré-textuais, 
textuais e pós-textuais que nos ajudam a organizar o 
conteúdo. 
Esses elementos devem apresentar 
uniformidade gráfica e seguir a seguinte estrutura: 
ELEMENTOS PRÉ – TEXTUAIS: 
 
 
 
 
 
 
Metodologia Científica Metodologia Científica 
Aula 06 – Estrutura e Formatação 
https://www.abnt.org.br/
https://www.abnt.org.br/
ELEMENTOS TEXTUAIS: 
 
 
ELEMENTOS PÓS – TEXTUAIS: 
 
 
Obs1: Os elementos que estão em cinza, são 
obrigatórios. 
Obs2: As folhas são contadas a partir da folha de 
rosto sequencialmente, mas só é impresso o número 
a partir da introdução. 
Você reparou que alguns elementos estão em 
cinza? Vamos recapitular separando os itens 
obrigatórios e os opcionais. 
 
 
 
Entende-se por formatação a ação de dar 
forma, de organizar a disposição dos elementos 
visuais em um arquivo gráfico ou de texto. 
É a formatação, portanto, que nos ajudará a 
dar a forma mais apropriada, segundo a ABNT, aos 
nossos trabalhos acadêmicos e projetos. 
Ela nos auxiliará a adaptar o conjunto de 
características visuais próprias do texto ― como: 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
OBRIGATÓRIOS:
• Capa;
• Folha de rosto;
• Folha de aprovação;
• Resumi na língua vernácula;
• Resumo na língua estrangeira;
• Sumário;
OPCIONAIS:
• Lombada;
• Ficha catalográfica;
• Errata;
• Agradecimento;
• Dedicatória;
• Epigráfe;
• Lista de Ilustrações;
• Lista de tabelas;
• Lista de abreviaturas e siglas;
• Lista de símbolos;
Tamanho da Fonte 
Negrito 
Itálico 
Sublinhado 
Espaçamento entre 
linhas 
Observe agora alguns dos itens mais 
importantes a serem considerados na formatação de 
um trabalho acadêmico: 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Fonte 
Recomenda-se utilizar em todo o 
trabalho a fonte Arial ou Times New 
Roman., normal, tamanho 12. A 
utilização do itálico é feita apenas nas 
palavras em outro idioma. Nas legendas 
das tabelas, figuras, ilustrações, citações 
longas e nos textos das notas de 
rodapé o tamanho da fonte a ser 
utilizada é 11. 
Espaço 
O espaçamento a ser adotado é o de 
1,5 cm nas entrelinhas, com recuo de 
primeira linha do parágrafo (1,25 cm – 
corresponde a 1 tab.) e texto justificado. 
Nas citações com mais de três linhas, 
nas legendas das tabelas, figuras e 
ilustrações o espaçamento é simples. 
Observe ainda o espaço simples nas 
referências bibliográficas, colocadas em 
ordem alfabética por sobrenome do 
autor, alinhadas à margem esquerda e 
separada entre si por dois espaços 
simples. 
Margem 
Segundo as normas da ABNT o papel 
deve ser branco, com formato A4 
(21,0 cm x 29,7 cm). As páginas devem 
apresentar margem esquerda e 
superior de 3,0 cm, direita e inferior de 
2,0 cm. 
Capa 
A capa é elemento obrigatório em 
alguns tipos de trabalho acadêmico, 
apresenta uma formatação específica 
e deve conter os elementos essenciais 
para identificação do autor do trabalho 
(ABNT, NBR 14724). 
A ABNT normatiza que seja usada a 
fonte Time New Roman ou Arial, 
tamanho 14, e o espaço entre as linhas 
deve ser simples. Sua capa deverá 
conter as seguintes informações na 
ordem sugerida: 
1º - Identificação da Instituição de 
Ensino Superior – IES (caixa alta). 
2º - Identificação do curso (caixa alta); 
3º Tipo de trabalho (caixa alta) 
4º - Nome do acadêmico (caixa alta) 
5º - Título do projeto (caixa alta); 
6º Cidade, ano (caixa alta); 
 
Folha de Rosto 
A folha de rosto é um complemento 
da capa e deve apresentar a 
identificação da disciplina em que o 
trabalho será apresentado, bem como 
o curso, a instituição de ensino, o aluno 
e o professor orientador. Na hipótese 
de dissertações de mestrado e teses 
de doutorado no verso da folha de 
rosto deve constar a ficha catalográfica. 
Quanto a numeração das páginas, vale 
ressaltar que todas as folhas a partir da 
folha de rosto devem ser contadas, 
mas a numeração começa a partir da 
primeira parte textual (introdução). O 
número deve estar expresso em 
algarismo arábico, fonte 11, no canto 
superior da folha. 
Sumário 
Para muita gente, fazer sumário no 
Word é um martírio. Ele nunca fica 
conforme o esperado quando o criado 
manualmente. Quando utilizamos a 
função automática do Word, ou não 
saímos do canto ou o resultado foge 
totalmente aos requisitos normativos, 
não é mesmo? 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Veja agora algumas representações gráficas da 
formatação que te ajudarão na hora de montar seu 
anteprojeto ou projeto de pesquisa e seu TCC. 
Representação gráfica da formatação de um 
anteprojeto de pesquisa: 
 
 
Representação gráfica de formatação de um 
projeto de pesquisa: 
 
 
Representação gráfica dos elementos pré-textuais, 
textuais e pós-textuais em TCC: 
 
 
 
Questão 01 - Você já está craque na identificação dos 
elementos textuais e suas composições? Escreva 
abaixo os respectivos componentes: 
• Pré – textuais: 
____________________________________
____________________________________
____________________________________
Citações 
Entende-se por citação a menção de 
uma informação extraída de outra 
fonte. A citação pode ser: 
Direta – compreende a transcrição de 
parte da obra do autor consultado, 
usando um trecho da própria obra. 
Indireta – refere-se ao texto baseado 
na obra do autor consultado, reescrito 
com nossas próprias palavras. 
Referências 
Bibliográficas 
Referência é o “[...] conjunto 
padronizado de elementos descritivos, 
retirados de um documento, que 
permite sua identificação individual” 
(ABNT, 2002, p. 2) no todo ou em 
parte, impressos ou registrados em 
diversos tipos de suporte. 
____________________________________
____________________________________
____________________________________
____________________________________ 
• Pós-textuais: 
____________________________________
____________________________________
____________________________________
____________________________________
____________________________________
____________________________________

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.