Buscar

SUMÁRIO TEÓRICO-CONDUTIVIDADE ELÉTRICA EM LÍQUIDOS E SÓLIDOS

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 3 páginas

Prévia do material em texto

1 ALGETEC – SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS EM EDUCAÇÃO 
CEP: 40260-215 Fone: 71 3272-3504 
E-mail: contato@algetec.com.br | Site: www.algetec.com.br 
 
LABORATÓRIO DE QUIMICA GERAL 
CONDUTIVIDADE ELÉTRICA EM LÍQUIDOS E SÓLIDOS 
 
CONDUTIVIDADE ELÉTRICA EM 
LÍQUIDOS E SÓLIDOS 
 
 
1. LIGAÇÕES QUÍMICAS E SUAS CARACTERÍSTICAS ELÉTRICAS 
 
A estrutura atômica é a base para que as ligações químicas aconteçam, 
originando as moléculas. Em ligações metálicas, átomos metálicos se conectam. Para 
tanto, os chamados “elétrons livres”, provenientes das últimas camadas dos metais, se 
movimentam livremente, formando uma nuvem eletrônica e fornecendo a energia para 
que os cátions metálicos permaneçam unidos. Em ligações iônicas, os átomos estão 
ligados pela atração de íons com cargas opostas, enquanto em ligações covalentes, os 
átomos estão ligados por compartilhamento de elétrons para a formação de moléculas 
estáveis. 
Os compostos iônicos fundidos, ou quando em solução aquosa, conduzem 
eletricidade por apresentarem eletrólitos, ou seja, íons livres. A existência de íons livres 
em meio aquoso possibilita maior movimentação eletrônica na solução, causando a 
respectiva condução elétrica. Além disso, em solução, quanto maior a concentração de 
íons, maior a condutividade elétrica. Em compostos iônicos em estado sólido, a 
condução elétrica não é possível, pois os íons e, consequentemente, os elétrons estão 
comprometidos com a ligação iônica. 
Os sólidos covalentes não conduzem eletricidade, pois os elétrons estão 
compartilhados e presos nas suas respectivas ligações covalentes. Uma exceção é o 
grafite, que conduz eletricidade, devido a sua estrutura ser constituída por lamelas de 
anéis hexagonais de carbono com 3 ligações covalentes e uma dupla ligação conjugada, 
mantidas por forças de Van der Waals (Figura 1). 
 
 
 
2 ALGETEC – SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS EM EDUCAÇÃO 
CEP: 40260-215 Fone: 71 3272-3504 
E-mail: contato@algetec.com.br | Site: www.algetec.com.br 
 
LABORATÓRIO DE QUIMICA GERAL 
CONDUTIVIDADE ELÉTRICA EM LÍQUIDOS E SÓLIDOS 
Além disso, os compostos covalentes como por exemplo, os ácidos, quando 
dissociados, sofrem ionização e passam a conduzir eletricidade. 
 
 
Figura 1 – Estrutura do Grafite. 
 
Os compostos metálicos apresentam baixa energia de ionização, dessa forma, 
sua nuvem eletrônica é constituída por elétrons livres (Figura 2), que conferem aos 
metais excelentes propriedades condutoras. 
 
 
Figura 2 – Estrutura de Compostos Metálicos. 
 
 
 
3 ALGETEC – SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS EM EDUCAÇÃO 
CEP: 40260-215 Fone: 71 3272-3504 
E-mail: contato@algetec.com.br | Site: www.algetec.com.br 
 
LABORATÓRIO DE QUIMICA GERAL 
CONDUTIVIDADE ELÉTRICA EM LÍQUIDOS E SÓLIDOS 
 
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 
 
 
 
CHANGE, Raymond; GOLDSBY, Kenneth A. Química. 11. ed. Porto Alegre: AMGH, 2013. 
 
ROSENBERG, Jerome L.; EPSTEIN, Lawrence M.; KRIEGER, Peter J. Química Geral. 9. ed. 
Porto Alegre: Bookman, 2013. 
 
SILVA, Rodrigo Borges da; COELHO, Felipe Lange; Fundamentos de química orgânica e 
inorgânica. Porto Alegre: SAGAH, 2018.

Continue navegando

Outros materiais