ADAMS, J. et al. Alemão. Aprenda sozinho
233 pág.

ADAMS, J. et al. Alemão. Aprenda sozinho


DisciplinaAlemão1.181 materiais4.277 seguidores
Pré-visualização49 páginas
J. ADAMS 
W. WELLS 
E. S. JENKINS 
-ALEMAO 
PIONEIRA ~ ~ 
APRENDA sOZINHO 
,."" 
ALEMAO 
UM LIVRO PARA AUTODIDATAS NO ESTUDO 
DA LíNGUA ALEMÃ, BASEADO NA OBRA DE 
SIR JOHN ADAMS, M. A., LL. D., COMPLET A-
MENTE REFUNDIDA E AMPLIADA POR SYDNEY 
W. WELLS, B. A. E POSTERIORMENTE REVISTA 
POR E. S. JENKINS, B. A. 
TRADUÇÃO E 
ADAPTAÇÃO 
DE 
MILTON CAMPANA 
LIVRARIA PIONEIRA EDITôRA 
1965 
Título do original inglês 
Teach Yourself Gennan 
MCMLXIV 
Direitos Reservados 
:E:NIO MATHEUS GUAZZELLI & CIA. LTDA. 
Rua XV de Novembro, 228 - 4.° andar, sala 412 
São Paulo - Brasil 
Impresso nos Estados Unidos do Brasil 
Printed in tlle United States of Brazil 
íNDICE 
PREF ÁCIO E INTRODUÇÃO \u2022\u2022\u2022..\u2022\u2022\u2022..\u2022\u2022\u2022\u2022.\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022\u2022 5 
PARTE I 
o Alfabeto Alemão 
A Pronúncia Alemã 
L I ç Ã O 
I. A Sentença Simples. Nomes Masculinos Femininos e 
9 
9 
Neutros ...................................... 21 
II. O Verbo Fraco ................................ 27 
III. Os Casos ..................................... 31 
IV. Haben, Sein e o Imperfeito ..................... 36 
V. Adjetivos Demonstrativos. Algumas Preposições .... 39 
VI. Declinação dos Substantivos Alemães .. . . . . . . . . . . 43 
VII. Artigo Indefinido e Adjetivos Possessivos .......... 48 
VIII. Regras para o Gênero .......................... 52 
IX. Particípio Passado dos Verbos ................... 55 
X. Pronomes Pessoais ............................. 59 
XI. Verbos Fortes ou Irregulares .................... 62 
XII. Preposições e Werden .......................... 67 
XIII. Declinações dos Adjetivos .. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 77 
XIV. Pronomes Relativos ............................ 82 
XV. Ordem das Palavras (A Construção Alemã ou Wortfolge) 88 
XVI. Outros Pronomes .............................. 91 
XVII. Auxiliares de Modo. O Imperativo ................ 97 
XVIII. Verbos Compostos de Partículas Separáveis e Inse-
paráveis . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 104 
XIX. Números, Datas, Horas, Idades e Cartas .......... 115 
XX. Dos Comparativos ................. . . . . . . . . . . .. 123 
3 
LIÇÃO 
XXI. 
XXII. 
XXIII. 
XXIV. 
XXV. 
XXVI. 
XXVII. 
XXVIII. 
XXIX. 
XXx. 
Pronomes Possessivos e Correlativos ............. . 
Ordem das Palavras (W ortfolge ) ............... . 
O Imperfeito de Werden .................. . .... . 
Da Regência Verbal ........................ .. . 
O Particípio Presente .................. .... ... . 
Verbos com Sein. O Infinitivo ................. . 
O Subjuntivo. O Discurso Indireto ............... . 
A Oração Condicional .............. .. ........ . 
Verbos Reflexivos ........................ . .... . 
Verbos Impessoais 
Das Orações Participiais Intercaladas 
PARTE II 
Chave dos Exercícios 
Conclusão 
131 
134 
141 
144 
148 
153 
158 
164 
167 
174 
179 
183 
221 
Apêndice "A": Tabela das Declinações Alemãs; Lista Especial de 
Substantivos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .. 223 
Apêndice "B": Lista Alfabética de Verbos Fortes ou Irregulares 226 
4 
PREFACIO E INTRODUÇÃO 
Neste último quarto de século, tem progredido extra-
ordinàriamente o estudo das línguas vivas. Todavia, o 
idioma alemão, pôsto que um dos mais importantes do 
mundo (comercial, técnica, científica e literàriamente fa-
lando), não tem tido, aqui no Brasil, a difusão que merece, 
eis que as dificuldades de seu aprendizado têm sido enor-
memente exageradas, dificuldades estas oriundas da falta 
de critério acertado ou de orientação segura na escolha 
do método a ser empregado para dominar a língua. Assim, 
por exemplo, enquanto se atribuía importância excessiva 
ao estudo da gramática e à leitura das obras clássicas, o 
ensino da conversação era relegado a um plano secundário, 
fato que não ajudava em nada ao homem prático, dese-
joso de viajar. Nessas condições, embora adquirindo o es-
tudante considerável vocabulário passivo, através de lei-
turas, achava-se, todavia, inabilitado a falar o idioma, por 
não ter à sua disposição um vocábulário ativo com o qual 
conversar desembaraçadamente e fazer-se entender por 
um cidadão da Alemanha. 
O presente livro atende às exigências dos indivíduos 
que queiram aprender a Unguagem da conversação, para 
fins de viagens, intercâmbio comercial e cultural, etc. Os 
vocabulários classificados são, para tal fim, utilíssimos, 
esperando-se, ademais, que o espectro das declinações ale-
mãs não mais aterrorize o estudante, graças à maneira 
pela qual elas são expostas nesta obra. 
5 
Assim, qualquer pessoa que siga êste curso conscien-
ciosamente estará habilitada a ler, falar e escrever em 
alemão, com algum grau de êxito. Precisão e desemba-
raço dependerão não só da habilidade natural de cada um, 
mas também da firme resolução de estudar com regula-
1-idade: um curto espaço de tempo todos os dia,r:; durante 
um longo período é muito melhor do que esforços gigan-
tescos despendidos de vez em quando. 
Saber adequadamente uma língua implica na capa-
cidade de utilizar-se dela desembaraçadamente, visando 
três objetivos diferentes: ler, escrever e falar. 
Aquêles que aprendem uma língua estrangeira podem 
querer fazê-lo com vistas a ésses três objetivos ou a um 
ou dois somente, sendo por essa razão que êste livro se 
destina a habilitar o estudante a desenvolver suas facul-
dades intelectuais, tão ràpidamente quanto possível, no 
sentido de ler, escrever e falar o alemão. 
Um língua é um vasto campo que não poderá nunca 
ser plenamente explorado e, para aprendê-la, é necessário 
trabalho árduo, atenção cuidadosa e constante prática. Se 
o estudante julga que aprenderá a falar, escrever ou ler 
alemão em poucos meses, estudando uma ou duas lições 
de quando em vez, melhor será desistir inteiramente do 
projeto, eis que está apenas perdendo tempo. Todavia, a 
presente obra, se estudada conscienciosamente, tornará o 
estudante apto não só a iler, mas também a escrever e fa-
lar com relativo e singelo desembaraço. 
O estudante deverá adquirir o hábito de ler em voz 
alta, formulando perguntas a si próprio e respondendo-as, 
tanto quanto possível, também em voz alta. É importan-
tíssima a assimilação do vocabulário que, em grande parte, 
é moderno e prático, tendo em vista aquêles que desejam ler 
literatura moderna, ouvir transmissões radiofónicas ale-
mãs ou viajar para a Alemanha. O vocabulário terá, por-
6 
tanto, de ser dominado de qualquer forma, ainda que de-
corando as respectivas listas, sendo, outrossim, utilíssimo 
manter contato persistente e constante com o idioma: as-
sim, por exemplo, ao lançar o olhar sôbre um objeto cujo 
nome haja sido esquecido, consultar novamente o voca-
bulário ou dicionário a fim de refrescar a memória. 
No tocante à capacidade de conversação, dependerá 
das oportunidades que se têm para falar a língua ou da 
convivência. Conquanto pouco material de conversação 
propriamente dito seja encontrado neste livro, todos os 
exercícios, contudo, estão redigidos nos moldes de uma 
palestra ou conversa, ou seja, sob forma dialogada. Em 
seguida, reagrupando e dispondo de outra formn o voca-
bulário e as sentenças daquelas, poderá o estudante cons-
truir sua própria conversação. 
Damos também uma CHAVE dos exercícios, a qual 
deverá ser usada metódica e criteriosamente: fazer os 
exercícios antes de consultar a referida chave, para, so-
mente depois, corrigi-los à vista desta. Elaborar, em se-
guida, uma retroversão, confrontando subseqüentemente 
a tradução desta com os exercícios originais. 
Recomendamos revisão constante, ainda que tenha 
sido impossível, nos limites desta pequena obra, fornecer 
revisão integral da matéria, o que, entretanto, não im-
pede que o estudante recapitule
Gabriele
Gabriele fez um comentário
Viel Danke !
1 aprovações
Carregar mais