A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
28 pág.
Memoria Calc LTs RTs BRAS JUINA(v1)

Pré-visualização | Página 4 de 7

earth fault) será polarizada por tensão de sequência negativa, mais indicado para LTs que têm acoplamento mútuo com linhas paralelas.
DEF Status	: Enabled (Habilitada a função de sobrecorrente direcional de terra) 
 		
DEF Polarizing:			Neg Sequence	 (optado por polarização por V2 por ser adequada para LTs com acoplamento mútuo, como é o caso)		
DEF Char. Angle: -60.00 deg (conforme manual página (AP)6-25, valor típico) 
DEF V2pol Set: 5999 V		 (as menores tensões de seq. negativa durante faltas desequilibradas ocorrem para os barramentos conectados a sistemas mais fortes, como é o caso de Juba; portanto para faltas bifásicas em Brasnorte, em Juba V2 = 13.400 V , conforme dados de curtos-circuitos; aplicando margem de segurança de 50 % resulta em 6.700 V, ajustado em 6000 V, cerca de 4,5 % de Vn)
DEF FWD Set:	 100.0 A		 (10% de In, ver (AP)6-25) 
DEF REV Set:	 50.00 A		 (50% de DEF FWD Set, ajustado bastante sensível para garantir bom desempenho em faltas com alta resistência) 
Referência: manual do P443 , págs (ST)4-30, (OP)5-35 e (AP)6-25.
GROUP 1 POWER SWING BLK
Função detetora de oscilação de potência. Foi ajustada para bloquear o trip das unidades de distância em situações de oscilação de potência.
PSB Status:	 Blocking 	(Habilitada para bloquear as unidades de distância)
Zone 1 Ph. PSB:	 Blocking 		
Zone 2 Ph. PSB:	 Blocking 		
Zone 3 Ph. PSB:	 Blocking 		
Zone P Ph. PSB:	 Blocking 		
Zone 4 Ph. PSB:	 Blocking 		
Zone 1 Gnd. PSB:	 Blocking 		
Zone 2 Gnd. PSB:	 Blocking 		
Zone 3 Gnd. PSB:	 Blocking 		
Zone P Gnd. PSB:	 Blocking 		
Zone 4 Gnd. PSB:	 Blocking 		
PSB Unblocking:	 Disabled 	(Temporiza a duração do bloqueio)	
PSB Reset Delay	: 200.0 ms	(Tempo para manter o bloqueio nos pontos máximo e mínimo do envelope da oscilação, onde a variação da corrente é lenta. Valor típico)	
OST Mode:	 	OST Disabled 	(Trip por oscilação. Não habilitado)	
Os ajustes a seguir se referem ao blinder recomendado como segurança para deteção de oscilações lentas, mas que podem vir a causar atuações indevidas de unidades de distância.
 
Z5:		 Ajustado igual a 2 x ZLT1[3]:
-LT Brasnorte-Juina : 212.6 ohm
		
Z5':	 	Ajuste igual ao de Z5 
-LT Brasnorte-Juina : 212.6 ohm
	
R5	:		 Ajustado em 85% de Z< Blinder Imp, conforme manual do P443, ver ajustes de Load Blinders acima: 
-LT Brasnorte-Juina: 127.1 ohm
R5':	 Ajuste igual ao de R5 
-LT Brasnorte-Juina: 127.1 ohm
Blinder Angle:	ajustado igual ao ângulo de ZT, conforme manual, página (AP)6-23 (ZT é a soma das impedâncias da LT e das fontes de ambos os terminais da LT) 
-LT Brasnorte-Juina: 83.3o
 
		
GROUP 1 VOLT PROTECTION
UNDER VOLTAGE (Não habilitada)		
OVERVOLTAGE
Habilitadas 2 funções de sobretensão, conforme previsto no Workstatement
V> Measur't Mode V>1 & V>2: 		 Ph-N 							(Medição fase-neutro)	
V> Operate Mode V>1 & V>2: 	 	V>1AnyPh V>2 3Ph			(a função V>1 atuará pela operação de apenas 1 fase e a V>2 pela operação de 3 fases, solicitação da TBE)
V>1 Function:	 					 DT 		 (Habilitada V1> como tempo definido) 
 LT BRASNORTE – JUINA C1 - ajustes válidos para os 2 terminais da LT C1 [12] 
 		
V>1 Voltage Set:	 				152.0 kV	 (115% de Vn.ONS)	
V>1 Time Delay:	 				3.500 s	 (Atende a suportabilidade do reator de linha a sobretensões – ONS)	
V>2 Status	: 				 Enabled 		(Habilitada a unidade V>2) 		
V>2 Voltage Set:	 			 171.9 kV		(130% de Vn; ONS)	
V>2 Time Delay:	 			 0 s		 		(Trip instantâneo, ONS)
LT BRASNORTE – JUINA C2 - ajustes válidos para os 2 terminais da LT C2 [12] 
 		
V>1 Voltage Set:	 				152.0 kV	 (115% de Vn.ONS)	
V>1 Time Delay:	 				4.500 s	 (Atende a suportabilidade do reator de linha a sobretensões – ONS)	
V>2 Status	: 				 Enabled 		(Habilitada a unidade V>2) 		
V>2 Voltage Set:	 			 171.9 kV		(130% de Vn; ONS)	
V>2 Time Delay:	 			 0 s		 		(Trip instantâneo, ONS)
COMP OVERVOLTAGE (Não habilitada) 
 GROUP 1 CB FAIL & P.DEAD
A proteção de falha de disjuntor, CB Fail, não foi habilitada. Esta função será realizada pelo diferencial de barra, conforme previsto no Workstatement. 
Ajustes para identificação de linha morta – parâmetros usados na função “Current No Volts” integrante dos esquemas SOTF e TOR:
UNDER CURRENT
I< Current Set						50.00 A 		(default)
ISEF< Current						20.00 A 		(default, a função Sensitive E/F não foi habilitada)
POLE DEAD	VOLTAGE
V<										76,12 kV	(default, 57 % da tensão fase-neutro)	
 GROUP 1 SUPERVISION
Supervisão do circuito de potencial aplicado ao relé, ver manual página (OP)5-111.
VTS Mode: 		 Measured + MCB (A deteção de falha de potencial é obtida por meio de atuação de minidisjuntor e de medição de tensão baixa)		
VTS Status:		 Blocking (Serão bloqueadas todas as funções dependentes de tensão)
VTS Reset Mode: Auto 	 (Restabelecimento automático, após restauradas as tensões) 	
VTS Time Delay:	 1.000 s		 (Prática CEMIG)	
VTS I> Inhibit:		(Este parâmetro evita que as proteções sejam bloqueadas pelo VTS para faltas próximas a barra, quando as tensões alcançam valores muito baixos. Ajustado em cerca de 1.2 Iflmax.)
-LT Brasnorte-Juina: 665 A 
VTS I2> Inhibit: 			 		80.00 A		(Evita que as proteções sejam bloqueadas, quando da ocorrência de distúrbios com circulação de corrente de sequência negativa acima do esperado em condição normal de operação. O ajuste foi definido em 80 A, valor mínimo permitido pelo P443. Este valor está acima do valor de I2 esperado, em condição normal de operação). 
INRUSH DETECTION (Não pertinente)
I>2nd Harmonic:		20.00%		
WEAK INFEED BLK (Não habilitada)
WI Inhibit:			Disabled 		
CT SUPERVISION 
Supervisão das correntes aplicadas ao relé, ver páginas (OP)5-114, (AP)6-56 e (ST)4-40:
CTS Mode:				Enabled 
CTS Status:			Indication
CTS Reset Mode:	Manual
CTS VN< Inhibit		5000 V			(Ajustado em 4 %, valor usado para DEF) 	
CTS IN> Set:			80.00 A			(Valor limite de corrente residual presente durante carga normal, menor ajuste possível)	
Esta função dará alarme de falha em TC se a tensão residual estiver abaixo de CTS VN< Inhibit e a corrente residual estiver acima de CTS IN>Set
 		
GROUP 1 SYSTEM CHECKS
	
VOLTAGE MONITORS
Live Voltage:			91.99 kV	(valor, acima do qual a LT ou a barra é considerada viva. Ajustado em 70% de Vn, valor típico) 	
Dead Voltage:			27.00 kV (valor abaixo do qual a linha ou barra é considerada morta. Ajustado em 20% de Vn, valor típico)		
CHECK SYNC
CS1 Status	:			Enabled (habilitado check de sincronismo) 		
CS1 Phase Angle: 	20.00 deg	 (máxima diferença angular entre as tensões de linha e de barra; recomendação ONS [12])	
CS1 Slip Control:		Frequency (o controle será feito por frequência) 		
CS1 Slip Freq: 		200.0 mHz	 (conforme ONS [12])	
CS2 Status: 		Disabled (apenas 1 estágio de CS foi habilitado) 		
CS Undervoltage: 	106.0 kV	 (tensão mínima para a função CS ser ativada; ajustada em 80% de Vn)	
CS Overvoltage: 	146.0 kV (máxima tensão para a qual a função CS ainda está habilitada; ajustada em 110% de Vn [4])		
CS Diff Voltage: 		13.00 kV