A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
105 pág.
Banco de Questões Av1, AV2, AV3 e simulados   105 páginas

Pré-visualização | Página 3 de 20

mantas asfálticas e algumas tintas também pode trazer resistência a 
vapores, umidades e fungos. 
35ª) Explique quais tipos de revestimentos podem ser usados sobre o gesso. 
Argamassa para revestimentos interiores, mantas asfalticas, massa corrida, tintas. 
36ª) Comparando os processos produtivos da cal e do gesso, em sua opinião, fale qual gera mais impactos 
negativos ao meio ambiente. Por quê? 
A cal gera mais impactos ambientais que o gesso, pois uma tonelada de CaO no forno contínuo é igual a 300 kg 
de CO2 e uma tonelada de cal no forno descontinuo 640 kg de CO2. 
Já uma tonelada de gesso libera 45 kg de CO2 
 
37ª) Sobre os cimentos especiais: sorel, furan, cimentos fenólicos, epóxi, enxofre, fale suas vantagens e cite 
exemplos de uso da cada um na construção civil. 
Cimentos sorel boa trabalhabilidade, pega com até 24 horas, cura lenta, bem ríjido e resistente a abrassão. 
Endurece completamente em até 4 meses. Mas se deteriora se entrar em contato com água. 
Cimento furam: Resiste muito a corrosão. Não resiste a ácido nítrico, ácido sulfurio concentrado, ácido 
crômico, e cloro. 
Cimento fenólico: semelhante ao furan meio alcalino não satisfatório. 
Resinas epóxi: exelente adesão e é ultilizado na recuperação estrutural do cimento. 
Enxofre fundido: Resiste bem a ácidos. 
 
38ª) O que é cal pozolânica? Quais são seus usos na construção civil? 
É composta por cal hidratada ( 25% a 45%) e cinza vulcánica ( 75% a 55%). É usado na argamassa e 
resvestimentos, existem vestígios de seu uso em sítios arqueológicos. 
 
39ª) Cal metalúrgica, o que é? Dê exemplos de usos? 
É a mistura de cal hidratada mais escória metalugica. 4 a 2 de cal mais 
para uma parte de escórea. Uso semelhante a cal pozolonica. 
 
40ª) O que é cal hidráulica? Quais suas diferenças com os demais tipos de cal? 
É calcário argiloso produto da calcinação. Tem a pega lenta e endurece com presença de água. 
 
41ª) Quais os usos da cal hidráulica na construção civil? Pode ser usada em qualquer local? Usos são 
semelhantes ou não aos das demais cales? 
Resp. Argamassas de assentamentos ou revestimentos, produção de blocos, tratamentos de solos, substituto do 
filer em pavimentos betuminosos. Não é aconselhável o uso sob a água devido ao tempo de pega. Tempo de 
pega muito lenta. Não são pois ela é usada mais em argamassas de revestimentos. 
 
42ª) Como se dá o endurecimento da cal Hidráulica? Quais fatores influem na pega da cal hidráulica? 
Resp.:Endurece sob a água e um pouco também pela fixação do CO2 do ar. O índice de hidraulicidade define 
seu endurecimento, relação dos compostos 
argilosos pelo composto alcalino 
 
43ª) A superfície específica dos aglomerantes gera quais fatores nas argamassas de: 
Superficie especifica é igual a áreas externas somadas 
Quanto maior SE > plasticidade e trabalhabilidade 
Quanto maior a SE > a porosidade 
Quanto maior a SE > a resistência ( mantem H2O por mais tempo na mistura) 
Quanto maior a SE < fissuras se usar : Cal hidrálica, escória, pozolana. 
 
a) Cal hidratada? 
Tem média superfície específica. 
 
b) Gesso? 
Maior superfície especifica. 
 
c) Cal hidráulica? 
Menor superfície específica. 
 
 
44ª) Quais as vantagens do uso da cal hidráulica na construção civil? 
Baixa fissuração dos rebocos e consequentemente impermeabilidade. 
Permite o trabalho em zonas e climas úmidos. 
Boa elasticidade. 
Boa adaptação com alvenaria. 
Capacidade de auto regeneração. 
Argamassas com melhor trabalhabilidade. 
Eleva a porosidade das argamassas 
 
MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO I 
 
1) Cite 2 exemplos de aglomerantes aéreos e 2 exemplos de aglomerantes hidráulicos Qual(is) a(s) diferença(s) 
entre os aglomerantes aéreos e os hidráulicos? 
 
Aglomerantes aéreos gesso, cal aérea e asfalto. 
Aglomerantes hidráulico cimento portland e cal hidratada. 
 
2) Porque os processos de produção dos aglomerantes geram impacto ambiental? O que pode ser feito para 
minimizar os impactos negativos? 
 
A maioria das produções dos aglomerantes libera CO2 ou seu processo de extração na jazidas gera impacto 
ambiental. Para minimizarmos os impactos ambientais pode-se usar produtos ambientalmente sustentáveis, 
reutilizáveis como no caso da escória na fabricação do cp. 
 
3) Quais substâncias presentes nas rochas calcárias dão origem ao cimento? 
 
Cal virgem, Sílica, Alumina e Oxido de ferro. 
 
4) Quais são as impurezas mais freqüentes no cimento? Qual a limitação destas impurezas no cimento impostas 
pela ABNT? 
 
 
 
Óxido de Potássio, Óxido de Sódio, Óxido de Titânio (TiO2 não é álcali). A limitação é de 1 a 2% para cada 
impureza citada. 
 
 
5) Na produção do Cimento Portland na fase de sinterização, o forno atingindo cerca de 1.450ºC, é formado o 
clíquer, que é uma mistura granulosa de vários compostos, cujas composições químicas e respectivos nomes 
seguem abaixo: 
Alita ou silicato tricálcico (Ca3SiO5) ou C3S; 
Belita ou silicato dicálcico (Ca2SiO4), ou C2S; 
Aluminato ou aluminato tricálcico (Ca3Al2O6), 
Ferrita ou ferro-aluminato tetracálcico (Ca2AlFeO5). 
 
Sobre estas fases e seus respectivos compostos diga quais são as proporções médias de cada fase no clínquer, e 
quais as características de cada para com a resistência final e ao tempo de pega na mistura. 
 
Composição: 
 
Alita de 50 a 70%. Grande responsável pela resistência da pasta em todas as idades, principalmente até o 
primeiro mês de cura e segunda responsável na pega. 
 
Belita de 15 a 30%. Até o 28º dia reage lentamente. Após este tempo tem alto ganho de resistência. 
Principalmente no primeiro ano ou mais, por isso é muito importante no cimento. Tem baixo calor de 
hidratação. 
 
Alumitato de 5 a 10 %. Muito importante para a resistência no primeiro dia. É o que mais libera 
calor na primeira hidratação. Em combinação com o sulfato de cálcio dão origem a etringita. Tem pega 
instantânea. 
 
Ferrita de 5 a 15%. Tem pega rápida, baixa resistência mas o óxido de ferro fixa o aluminato que melhora a 
resistência a águas sulfatadas. 
 
Gesso e gipsita de 1,5 a 3%. Sua função é retardar o tempo de pega inicial. 
 
 
6) O que é a Etringita? Como ela se forma? 
 
É um sal bastante expansivo, causa a destruição do concreto quando esta reação se dá após o endurecimento 
da alita. 
 
Gesso + cimento + umidade = perfeito para etringita florescer 
 
 
7) Porque a Etringita é prejudicial ao concreto? E como pode ser evitada? 
 
Pois compromete a estrutura do concreto. Restringindo a umidade no concreto por meio de impermeabilizantes 
e uso de cimento resistentes a umidade. Ex.: Cimento CPIII. 
 
8) O que é Portlandita? Como acontece? É prejudicial ao concreto? 
 
É o processo de expansão do cimento Portland durante a hidratação devido o excesso de cal livre. Sendo essa 
reação acompanhada por um aumento em volume da ordem de 97,6%; 
 
9) Explique porque há ocorrência de cal livre nas misturas de cimento e quais efeitos são gerados pela sua 
presença. 
 
A cal livre forma-se através da calcinação dos carbonatos cálcicos e permanece no clínquer devido a alguma 
condição inadequada do processo de clinquerização, sendo considerada indesejável no clínquer Portland a 
partir de 2%. As principais causas de ocorrência de cal livre primária podem ser: queima insuficiente, por 
tempo curto ou baixa temperatura de clinquerização, um elevado fator de saturação de cal (FSC), moagem 
inadequada do calcário, homogeneização insatisfatória das matérias-primas. 
O excesso de cal livre pode provocar a expansão do cimento portland. 
 
10) No processo de produção do cimento, explique as etapas, ou seja, o que acontece após a retirada do 
clínquer dos fornos rotativos até a fase final na fábrica? Seja objetivo nas respostas. 
 
Um resfriador promove a redução da temperatura em 80 graus celsus, a clinquerizaçao se completa nesta 
estapa. O clincer fica armazenado em silos. Junto com o clinquer adições