aula1 Citologia
27 pág.

aula1 Citologia


DisciplinaCitologia e Histologia807 materiais11.496 seguidores
Pré-visualização1 página
Uma Vista Panorâmica Sobre a 
Estrutura,Funções 
e Evolução das células
procariotos eucariotos
Monera
bactérias
cianobactérias
Protista
Plantae Fungi
Animalia
ARCHEA BACTERIA
EUKARYA
DOMÍNIOS
\uf09eOs Vírus são parasitas intracelulares 
obrigatórios \u2013 ausência de estruturas e 
enzimas;
Vírus Vegetal
Vírus Animal
\uf09eBacteriófagos, ou mais simplesmente fagos, 
são vírus que especificamente infectam 
bactérias.
\uf09eBacteriófagos, hoje, são ferramenta 
primordial para cientistas que se dedicam a 
engenharia genética e a biologia molecular. 
\uf09e Agentes infecciosos extremamente pequenos 
(filtráveis)
\uf09e Parasitas intracelulares obrigatórios 
(multiplicação; indução de síntese de estruturas 
especializadas capazes de transferir o ácido 
viral para outras células)
\uf09e Possuem DNA ou RNA
\uf09e Possuem cobertura proteica envolvendo o ácido 
nucléico
DNA Circular
\uf09eConstituintes: Membrana 
plasmática, Nucleóide, 
\uf09eCitoplasma: citossol, 
ribossomos, plasmídeo
\uf09e Especializações: - parede celular 
\uf0a1 gram-positivas - peptidoglicanas
\uf0a1 gram-negativas \u2013 complexa
\uf09eMembrana externa \u2013 membrana 
polissacarídica rica em fosfolipídeos (Gram-
negativas)
\uf09eCápsula \u2013 camada de muco (polissacarídeos)
\uf09e Sistema interno de membrana:
\uf0a1 invaginações da membrana (fotossíntese)
\uf0a1 mesossomo (respiração, fissão binária)
\uf09e Flagelos
\uf09e Fímbrias (\u201cpili\u201d) \u2013 comuns e sexuais
\uf09e Procariontes incompletos:
\uf0a1 Micoplasmas; Ricketsias; Clamídeas
Fonte: http://www.netxplica.com/manual.virtual/exercicios/bio11/unicelularidade 
multicelularidade/11.BIO.celulas.eucariotica.procariotica.htm
\uf09eMicoplasmas; Ricketsias; Clamídeas
\uf09eNao possuem a capacidade de 
autoduplicaçao independente de outras
células;
Foto: Ricketsias.
www.infectionlandscapes.org
\uf09e Membrana plasmática e envoltório 
nuclear
\uf09e Citoplasma; ribossomos
\uf09e Citoesqueleto
\uf09e Compartimentos membranosos com 
diversos processos metabólicos
\uf09eContém as \u201corganelas\u201d \u2013 conceito com 
variantes;
\uf09eDepósito de substancias diversas (grânulos e 
gotículas)
\uf09eMatriz citoplasmática ou citossol \u2013
consistência sol e gel dependente da 
despolimerização de moléculas (actina e 
tubulina)
Agregação de 
dímeros de tubulina
\uf09eConstante o meio intracelular;
\uf09e Estrutura trilaminar \u2013 unidade de membrana
\uf09e Bicamadas lipídicas (fosfolipídio + proteínas);
\uf09eGlicolipídios na face externa (glicocálice)
Estrutura:
\uf09e Membrana externa \u2013 lisa e de proteção
\uf09e interna \u2013 dobra-se formando pregas (cristas)
\uf09e região interna \u2013 matriz
Funções:
\uf09e respiração celular : conversão de energia química 
potencial de moléculas energéticas em uma forma 
que a célula possa usar \u2013 ATP
\uf09eCompartimento que recebe moléculas \u2013
vesículas e túbulos
\uf09e Ligação com os lisossomos
Fonte: dc145.4shared.com; rapidinhaspatologicas.blogspot.com
Estrutura:
\uf09e 02 subunidades com 
diferentes tamanhos
\uf09e RNA ribossômico
\uf09e proteínas (50 tipos ou mais)
Localização:
\uf09e livres no citoplasma
\uf09e ancorados do RE
\uf09e interior das mitocôndrias e 
cloroplastos
Funções:
\uf09e sítio da síntese protéica
Estrutura:
\uf09erede de membranas interconectadas 
\uf09eformam tubos e sacos achatados
\uf09econtínuo com o envelope nuclear
Funções:
\uf09eRER - Síntese protéica 
\uf09e REL - desintoxicação \u2013 drogas e pesticidas
síntese de esteróides, 
hidrólise do glicogênio
..
- contém a maior parte da informação 
genética da célula
- controla o metabolismo celular
Estrutura:
\uf09e sacos membranosos, achatados (cisternas e 
vesículas)
\uf09e regiões : inferior (cis), mediana, superior (trans)
Funções:
\uf09emodificação, empacotamento, armazenamento e 
envio de proteínas
\uf09e síntese de polissacarídeos da parede celular
\uf09e origem aos lisossomos
\uf09e acrossomo
Estrutura:
\uf09epequenas vesículas contendo enzimas 
digestivas
Funções:
\uf09esítio de quebra dos alimentos 
\uf09esítio de quebra de substância estranhas
\uf09efagocitose
\uf09eautofagia
Estrutura:
\uf09eMembrana externa \u2013 lisa e de proteção
\uf09e interna \u2013 dobra-se formando pregas (cristas)
\uf09e região interna \u2013 matriz
Funções:
\uf09e respiração celular : conversão de energia 
química potencial de moléculas energéticas em 
uma forma que a célula possa usar \u2013 ATP
\uf0a7 Cloroplastos \u2013 contêm clorofila, 
realizam a fotossíntese
\uf0a7 Cromoplastos \u2013 armazenam diferentes 
tipos de pigmentos
\uf0a7 Leucoplastos \u2013 armazenam amido e 
gorduras
Estrutura:
\uf09eorganelas semelhantes a vesículas
Funções:
\uf09esítio de reações químicas geradoras de 
peróxidos tóxicos
\uf09esítio de desintoxicação destes produtos
Estrutura:
- organelas de membrana única contendo 
muitas substâncias dissolvidas
Funções:
- manutenção do turgor
- armazenamento de substâncias tóxicas, 
pigmentos
- alimentação (vacúolo alimentar)
- regulação da pressão osmótica (vacúolo 
contráctil)
Estrutura:
\uf09emicrofilamentos 
(actina), 
\uf09e filamentos 
intermediários 
(proteínas tipo 
queratina) 
\uf09e microtúbulos (tubulina)