A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
47 pág.
Aula 03

Pré-visualização | Página 8 de 13

capacidade de se 
promover resultados pretendidos. 
Gabarito: letra D. 
 
35. (FCC/ TRE-PE/ ANALISTA JUDICIÁRIO – ADMINISTRATIVA/ 2011) As metas 
estratégicas da empresa Directa constituem a matéria-prima da avaliação, cuja 
mensuração de desempenho se dá por meio de indicadores. O indicador de 
desempenho vinculado ao grau de satisfação, valor agregado e a 
transformação produzida no contexto geral é o de 
(A) economicidade. 
(B) eficácia. 
(C) excelência. 
(D) efetividade. 
(E) eficiência. 
Comentários: 
Aula 3 
ADMINISTRAÇÃO GERAL EM EXERCÍCIOS 
AUDITOR FISCAL DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL 
PROFa. LILIAN LIMA QUINTÃO 
 
Prof
a
. Lilian Lima Quintão www.pontodosconcursos.com.br 26 de 47 
Os conceitos de eficiência, eficácia e efetividade possuem significados distintos, 
pois uma atividade pode ser desempenhada com eficácia, porém sem eficiência e 
vice-versa e, em relação ao conceito da efetividade, pode-se considerar como a 
prática da junção dos dois conceitos. 
• Eficiência é a capacidade do administrador de obter bons produtos como 
produtividade e desempenho, utilizando a menor quantidade de recursos 
possíveis, como tempo, mão-de-obra e material, ou mais produtos utilizando a 
mesma quantidade de recursos. 
• Eficácia é a capacidade de fazer aquilo que é preciso, que é certo para se 
alcançar determinado objetivo, escolhendo os melhores meios e produzir um 
produto adequado ao mercado. A eficiência envolve a forma com que uma 
atividade é feita, a eficácia se refere ao resultado da mesma. 
• Efetividade diz respeito à capacidade de se promover resultados 
pretendidos, satisfazendo as necessidades dos clientes. 
 
Gabarito: letra D. 
 
36. (FCC/ TRE-PE/ TÉCNICO JUDICIÁRIO – ADMINISTRATIVA/ 2011) O 
instrumento de monitoramento e avaliação aplicado para medir o grau de 
cumprimento de um objetivo e/ou meta estratégica é o Indicador 
(A) de Diretriz Operacional. 
(B) de Desempenho. 
(C) do Ciclo PDCA. 
(D) da Matriz RACI. 
(E) de Rastreabilidade. 
 
Comentários: 
Os indicadores de desempenho são instrumentos de gestão essenciais nas 
atividades de monitoramento e avaliação das organizações, assim como seus 
projetos, programas e políticas, pois permitem acompanhar o alcance das metas, 
identificar avanços, melhorias de qualidade, correção de problemas, necessidades 
de mudança etc. 
Gabarito: letra B 
 
37. (FCC/ BAHIAGÁS/ ANALISTA DE PROCESSOS ORGANIZACIONAIS – 
ADMINSITRAÇÃO/ 2010) Tratando-se de eficiência, eficácia e efetividade, 
analise: 
 
I. Eficácia é fazer as atividades ou desenvolver ações de forma correta para 
atingir os meios. Tem vínculo estreito com o planejamento estratégico da 
organização. 
II. Eficiência é fazer as atividades ou desenvolver ações da maneira correta. 
Está relacionada com o método de execução. 
Aula 3 
ADMINISTRAÇÃO GERAL EM EXERCÍCIOS 
AUDITOR FISCAL DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL 
PROFa. LILIAN LIMA QUINTÃO 
 
Prof
a
. Lilian Lima Quintão www.pontodosconcursos.com.br 27 de 47 
III. Efetividade é satisfazer as necessidades dos clientes com os produtos e 
serviços da organização. 
IV. Efetividade é o valor social ou medida de utilidade, que deve ser 
atribuído ao produto ou serviço considerando-se a sociedade como um todo. 
V. Eficácia é a relação entre os produtos obtidos e os fatores de produção 
empregados na sua obtenção. 
 
É correto o que consta APENAS em 
(A) I e II. 
(B) III e V. 
(C) IV e V. 
(D) I, II e III. 
(E) II, III e IV. 
Comentários: 
A alternativa I está errada porque o objetivo da eficácia é fazer as atividades de 
forma correta para atingir os FINS, e não os meios. 
As alternativas II, III e IV estão corretas. 
A alternativa V refere-se ao conceito de eficiência. 
Gabarito: letra E 
 
38. (FCC/ TRE-AC/ Analista Judiciário/2010) Considere as seguintes afirmativas 
sobre o BSC (Balanced Scorecard). 
I. O BSC tem como principal característica possibilitar o 
acompanhamento da estratégia por meio de indicadores de 
desempenho. 
II. O BSC tem como principal característica avaliar a priorização dos 
problemas encontrados dentro da entidade. 
III. O BSC mostra a importância relativa de diferentes aspectos de um 
problema, porém de difícil identificação de quais aspectos devem ser 
solucionados primeiro. 
 
Está correto o que se afirma APENAS em 
(A) I. 
(B) I e II. 
(C) II. 
(D) II e III. 
(E) III. 
 
Comentários: 
O Balanced Scorecard, idealizado por Robert Kaplan e David Norton, constitui uma 
ferramenta administrativa que traduz a estratégia empresarial num conjunto de 
objetivos e indicadores de desempenho que envolvem perspectivas que 
devem ser integradas e balanceadas para promover sinergia. 
Aula 3 
ADMINISTRAÇÃO GERAL EM EXERCÍCIOS 
AUDITOR FISCAL DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL 
PROFa. LILIAN LIMA QUINTÃO 
 
Prof
a
. Lilian Lima Quintão www.pontodosconcursos.com.br 28 de 47 
Os aspectos mais importantes do BSC são a medição de resultados e a utilização 
de direcionadores que levam a organização a atuar de acordo com suas 
estratégias. 
As alternativas II e III estão erradas. A priorização dos problemas encontrados na 
organização pode ser feita através do Gráfico de Pareto. Outra ferramenta de 
auxílio na identificação dos problemas é o Gráfico de Causa e Efeito. 
Gabarito: letra A 
 
 
39. (FCC/ TRE-AC /TÉCNICO JUDICIÁRIO/2010) A principal característica do 
Balanced Scorecard (BSC) é 
(A) possibilitar o acompanhamento da gestão estratégia por meio de 
indicadores de desempenho. 
(B) estabelecer a relação de causa e efeito entre as ações e resultados. 
(C) assegurar os recursos orçamentários necessários para a execução da 
estratégia. 
(D) assegurar que a gestão estratégica ocorra em um determinado período de 
tempo. 
(E) constatar os motivos e causas de problemas. 
 
Comentários: 
Exato! O Balanced Scorecard é uma ferramenta administrativa que traduz a 
estratégia empresarial num conjunto de objetivos e indicadores de desempenho. 
Gabarito: letra A 
 
40. (FCC/ BAHIAGÁS/ ANALISTA DE PROCESSOS ORGANIZACIONAIS – 
ADMINSITRAÇÃO/ 2010) Nas organizações, as decisões rotineiras e as decisões 
causadas por variáveis diversas são denominadas, respectivamente, 
(A) contínuas e de informações gerenciais. 
(B) de apoio a decisões e não-estruturadas. 
(C) estruturadas e de apoio a decisões. 
(D) recorrentes e de informações gerenciais. 
(E) estruturadas e não-estruturadas. 
 
Comentários: 
• Decisões programadas (estruturadas) – são as que ocorrem com certa 
frequência, recorrentes e rotineiras. São mais fáceis de serem tomadas, uma 
vez que tendem a ser repetitivas e numerosas. Para facilitar o trabalho, as 
empresas criam regras que orientam as decisões como políticas, normas de 
procedimento, práticas e rotinas. Destaca-se, também, que são decisões mais 
bem processadas pelos níveis inferiores da administração. 
• Decisões não programadas (não estruturadas) – decisões novas (sem 
precedentes), que requerem tratamento especial. Para evitar que as decisões 
não programadas sejam postergadas além do desejável, é preciso que os 
Aula 3 
ADMINISTRAÇÃO GERAL EM EXERCÍCIOS 
AUDITOR FISCAL DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL 
PROFa. LILIAN LIMA QUINTÃO 
 
Prof
a
. Lilian Lima Quintão www.pontodosconcursos.com.br 29 de 47 
executivos aloquem um tempo específico para elas, ou, alternativamente, 
formem equipes dedicadas à análise e a recomendações específicas para 
subsidiar essas decisões. São decisões mais bem tomadas pela alta 
administração. 
Gabarito: letra E 
 
 
41. (FCC/ BAHIAGÁS/ ANALISTA DE PROCESSOS ORGANIZACIONAIS – 
ADMINSITRAÇÃO/ 2010) O diagrama Ishikawa é uma ferramenta importante 
para o gestor no processo

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.