RESISTENCIA OHIMCA DE ISOLAMENTO
20 pág.

RESISTENCIA OHIMCA DE ISOLAMENTO


DisciplinaEletrotécnica2.373 materiais26.914 seguidores
Pré-visualização5 páginas
TREINAMENTO - PROTEÇÕES FISICAS EM TRANSFORMADORES
INTRODUÇÃO
Isolante
O isolamento é uma medida de segurança vital que evita que correntes elétricas passem através do corpo humano, causando um choque elétrico. 
Isolamento consiste num processo ou material que impede ou reduz as perdas de energia sob a forma de corrente elétrica, calor ou som. 
O isolamento elétrico faz uso de materiais como a borracha, o policloreto de vinilo (PVC) ou a porcelana, que não conduzem a corrente elétrica, para impedir a fuga de uma corrente de um condutor para outro ou para a terra. 
Os Isolantes elétricos, também conhecidos como dielétricos, são materiais cujas cargas elétricas não conseguem se mover livremente.
Os isolantes elétricos podem ser separados de acordo com sua rigidez dielétrica, uma propriedade que influencia na tensão elétrica máxima que pode ser aplicada entre as extremidades do isolante sem se romper. Vidro, borracha e óleos são exemplos de isolantes elétricos.
Resistencia de isolamento
É Quando um material isolante separa dois condutores sob influência de uma diferença de potencial, aparecem correntes de fuga. 
A resistência de isolamento corresponde à resistência que o isolante oferece à passagem dessa corrente de fuga, a qual pode circular através da massa isolante ou pela sua superfície. 
À primeira corresponde a resistência de isolamento volumétrica e à segunda a resistência de isolamento superficial.
Rigidez dielétrica 
A rigidez dielétrica de um certo material é um valor limite de campo elétrico aplicado sobre a espessura do material (kV/mm), sendo que, a partir deste valor, os átomos que compõem o material se ionizam e o material dielétrico deixa de funcionar como um isolante.
O valor da rigidez dielétrica depende de diversos fatores como:
 - Temperatura.
 - Tempo de aplicação da diferença de potencial
 - Taxa de crescimento da tensão.
 - Para um gás, a pressão é fator importante.
A utilização de tensões de corrente contínua na avaliação do estado do isolamento de uma máquina elétrica é uma das técnicas mais usadas e mais úteis na manutenção elétrica. Muitos são os fatores que interferem nas medições da resistência de isolamento. É importante conhecê-los para minimizá-los.
Neste treinamento iremos avaliar a resistência de isolamento de equipamentos de uma subestação elétrica (tradicional), onde envolve desde sua estrutura ate seus equipamento, utilizando como referencia normas da ABNT NBR.
ISOLAMENTO ELÉTRICO 
O isolamento tem a finalidade de evitar que a corrente elétrica percorra caminhos indesejáveis em um equipamento. Desta forma um isolamento ideal seria aquele que, quando submetido a um potencial elétrico adequado, não fosse percorrido por nenhuma corrente elétrica, ou seja, tivesse uma resistência infinita. 
Durante a sua vida útil, um isolamento é submetido a uma série de fenômenos físicos e químicos como danos mecânicos, vibração, aquecimento, poeira, óleo, vapores corrosivos, umidade todos capazes de reduzir a sua resistência à corrente de fuga. 
Geralmente, a queda da resistência de isolamento se dá de uma forma lenta, permitindo controle, se testado periodicamente.
FATORES QUE AFETAM A RESISTÊNCIA DE ISOLAMENTO
Efeitos climáticos
URA
A umidade relativa do ar é a relação entre a quantidade de água existente no ar (umidade absoluta) e a quantidade máxima que poderia haver na mesma temperatura (ponto de saturação). 
Antes de efetuar testes elétricos ou abertura de equipamentos elétricos para manutenção, verifique que a umidade relativa do ar esteja inferior a 75%
Este é o principal item climático que influencia nos ensaios de resistência ôhmica de isolamento.
Efeito da Umidade
O grau de umidade do isolamento tem um grande efeito sobre o valor da resistência de isolamento, principalmente se a superfície está contaminada. Se a temperatura do isolamento está abaixo do ponto de condensação do ar ambiente, haverá a formação de uma película de umidade na superfície que pode diminuir a resistência de isolamento.
Efeito da Temperatura 
A resistência de isolamento da maioria dos materiais varia inversamente com a temperatura. Para minimizar o efeito da temperatura, quando comparando testes de resistência de isolamento entre si ou, quando aplicando o valor mínimo recomendado de resistência de isolamento, é importante que o valor medido no teste seja corrigido para uma temperatura padrão. 
É importante frisar que os valores de correção são diferentes para equipamentos diversos tais como motores, transformadores, cabos elétricos, como também diferentes quando se trata de cabos com materiais isolantes diversos - cabos isolados em PVC, EPR, XLPE, etc. (anexo tabela de fator de correção do óleo a 30ºC)
Efeito das Condições da Superfície
Materiais estranhos tais como pó de carvão nas superfícies do isolamento faz diminuir a resistência de isolamento, principalmente quando em presença de umidade. Este fato é particularmente sensível no caso de máquinas de corrente contínua que tem grandes superfícies de dielétricos expostos. 
É importante fazer uma limpeza nos terminais dos equipamentos antes de se fazer um teste.
Efeito da Duração do Teste
A resistência de isolamento de um enrolamento seco e em boas condições pode continuar a aumentar por horas. Contudo, um valor estável é usualmente alcançado em 10 ou 15 minutos. Se o enrolamento está úmido ou sujo, o valor estável será geralmente alcançado em 1 ou 2 minutos, após a aplicação da tensão de teste.
Efeito da Carga Residual 
Os valores de resistência de isolamento serão afetados se existirem cargas residuais no enrolamento. O equipamento a ser ensaiado deve ser completamente descarregado, através do aterramento de seus terminais por um tempo suficiente. Normalmente este tempo não deve ser inferior a quatro vezes o tempo decorrido no teste anterior.
SUBESTAÇÃO ELETRICA
Uma subestação é uma instalação elétrica de alta potência, contendo equipamentos para transmissão e distribuição de energia elétrica, além de equipamentos de proteção e controle .
Funciona como ponto de controle e transferência em um sistema de transmissão de energia elétrica, direcionando e controlando o fluxo energético, transformando os níveis de tensão e funcionando como pontos de entrega para consumidores industriais.
Classificação das SE´S
As subestações podem ser classificadas quanto a sua função e sua instalação. 
Podem ser:
Subestação transformadora: é aquela que converte a tensão de suprimento para um nível diferente, maios ou menor, assim designando SE transformadora elevadora ou SE transformadora abaixadora. Normalmente ficam próximos dos centros de geração.
Subestação seccionadora, de manobra ou de chaveamento: é aquela que interliga circuitos de suprimento sob o mesmo nível de tensão possibilitando a sua multiplicação.
Principais Equipamentos de uma subestação
Equipamentos de proteção: para raios, reles, fusíveis. 
Para raio é um dispositivo protetor que tem finalidade limitar os valores dos surtos de tensão
Estrutura: Cabos, barramentos, terminais muflas, isoladores.
Equipamentos de transformação: TP, TC
TC: é um transformador de corrente cujo enrolamento primário é ligado em serie a um circuito elétrico e cujo enrolamento secundário se destina a alimentar bobinas de correntes de instrumentos de medição, proteção ou controle.
TP: é um transformador de potencia cujo enrolamento primário é ligado em derivação (paralelo) a um circuito elétrico e cujo enrolamento secundário se destina a alimentar bobinas de correntes de instrumentos de medição, proteção ou controle.
Disjuntores MT/AT são os principais equipamentos de proteção e segurança da subestação
Chaves seccionadoras MT/AT: Dispositivos de manobra destinados a isolar equipamentos ou zonas de barramentos ou trechos.
Equipamentos de medição: instrumentos
Transformadores de força: são classificados segundo seu meio isolante, podendo ser a óleo mineral, líquidos sintéticos isolantes
Luciano
Luciano fez um comentário
Porque nao consigo ver o texto por completo fica uma parte cortado.
0 aprovações
Meu Violão é Meu
Meu Violão é Meu fez um comentário
muito bom
0 aprovações
Carregar mais