A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
AV1 e AV2 FENOMENOS DE TRANSPORTE

Pré-visualização | Página 1 de 2

1a Questão (Ref.: 709242)
	Aula 1: conceitos fundamentais
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	A unidade de viscosidade no Sistema MK*S é:
 
		
	
	Kgf S/ m2 
	
	gf S/ m2 
	
	Kgf S/ m 
	
	Kgf / m2 
	
	Kgf S/ m3 
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 709241)
	Aula 1: conceitos fundamentais
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	 Qual é a unidade no MKS da massa específica?
 
		
	
	Kg/m0
	
	Kg2/m 
	
	 Kg/m3
	
	 Kg/m2
	
	 Kg/m1
		
	
	
	 3a Questão (Ref.: 709239)
	Aula 2: conceitos fundamentais
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	A  Equação Geral dos gases é definida pela fórmula:
 
		
	
	PV2 = nRT; onde n é o número de moles.
	
	PV = nRT; onde n é o número de moles.
	
	PV = nRT; onde n é a constante de Boltzman.
	
	V = nRT; onde n é o número de moles.
	
	P = nRT; onde n é o número de moles.
		
	
	
	 4a Questão (Ref.: 709236)
	Aula 2: conceitos fundamentais
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	O peso específico é o peso de uma substância por unidade de volume. 
Ele também pode ser definido pelo produto entre:
		
	
	a massa específica e a pressão.
	
	a massa específica e a temperatura ambiente.
	
	a pressão  e a aceleração da gravidade (g).
	
	a massa específica e o peso.
	
	a massa específica e a aceleração da gravidade (g).
		
	
	
	 5a Questão (Ref.: 709211)
	Aula 4: cinemática
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	O número de Reynolds depende das seguintes grandezas:
		
	
	 velocidade de escoamento, a viscosidade dinâmica do fluido.
	
	velocidade de escoamento, o diâmetro externo do duto a massa específica e a viscosidade dinâmica do fluido
 
	
	velocidade de escoamento, o diâmetro interno do duto, a massa específica e a viscosidade estática do fluído.
	
	velocidade de escoamento, o diâmetro interno do duto a massa específica e a viscosidade dinâmica do fluido.
 
	
	diâmetro interno do duto a massa específica e a viscosidade dinâmica do fluido
		
	
	
	 6a Questão (Ref.: 709247)
	Aula 3: Fluidostática
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Um bloco de metal tem massa igual a 26 g no ar e quando está totalmente imerso em água a sua massa passa a ser igual a 21, 5 g. Qual deve ser o valor de empuxo aplicado pela água no bloco? (Dado g = 10 m/s 2 ) 
		
	
	45 N
	
	4,5 N
	
	45 x 10 -3   N 
	
	45 x 10 -2 N 
	
	45 x 10 -1 N 
		
	
	
	 7a Questão (Ref.: 709221)
	Aula 4: cinemática
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Qual é o tipo de escoamento no qual as partículas se deslocam em lâminas individualizadas?
		
	
	turbulento
	
	permanente.
.
	
	laminar
	
	 bifásico
	
	variado
		
	
	
	 8a Questão (Ref.: 709276)
	Aula 5: CLONE: Fluidodinâmica
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Qual deverá ser a velocidade do fluido que sairá através de uma extremidade de um tanque, destapado, através de uma abertura de 4 cm de diâmetro, que está a 20 m abaixo do nível da água no tanque? (Dado g = 10 m/s 2) 
		
	
	400 m/s
	
	2 m/s
	
	20m/s
	
	40 m/s.
	
	4 m/s
		
	
	
	 9a Questão (Ref.: 709297)
	Aula 5: Equação da energia para o regime permanente
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Um jardineiro dispõe de mangueiras de dois tipos, porém com a mesma vazão. Na primeira, a água sai com velocidade de módulo V e, na segunda, sai com velocidade de módulo 2V. A primeira mangueira apresenta:
		
	
	o quádruplo da área transversal da segunda
	
	um quarto da área transversal da segunda
	
	a metade da área transversal da segunda
	
	o dobro da área transversal da segunda
	
	dois quintos da área transversal da segunda
		
	
	
	 10a Questão (Ref.: 709102)
	Aula 5: Equação da energia associada ao regime permanente
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Considere um fluido escoando em regime permanente, em uma tubulação, do ponto 1 ao ponto 2. Integrando-se a equação da conservação da quantidade de movimento (equação do movimento) entre esses dois pontos, ao longo de uma linha de corrente do fluido, para um fluido ideal (viscosidade nula e incompressível), obtém-se a Equação de Bernoulli. Essa equação afirma que a carga total, dada pela soma das cargas de pressão, de velocidade e de altura, é constante ao longo do escoamento. Observa-se, entretanto, que, para fluidos reais incompressíveis, essa carga total diminui à medida que o fluido avança através de uma tubulação, na ausência de uma bomba entre os pontos 1 e 2. Isso ocorre porque 
		
	
	o ponto 2 está situado abaixo do ponto 1.
	
	parte da energia mecânica do fluido é transformada irreversivelmente em calor.
	
	o fluido se resfria ao ser deslocado do ponto 1 para o ponto 2.
	
	a velocidade do fluido diminui à medida que o fluido avança do ponto 1 para o ponto 2. (<=)
	
	o ponto 2 está situado acima do ponto 1.
		
	1a Questão (Ref.: 709180)
	Aula 2: Viscosidade e densidade
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	A massa específica de um combustível leve é 805 kg/m3. Determinar o peso específico e a densidade deste combustível. (considerar g = 9,81 m/s2). 
 
		
	
Resposta: peso especifico:7,897 (N/m³ densidade = 0,805 
	
Gabarito: 
Peso específico:  γ = ρ.g = 805 (kg/m3) 9,81 (m/s2) = 7.897 (N/ m3)
 Dado: massa especifica da água: 1.000 (kg/m3). 
γ (H2O) = ρ.g = 1.000 (kg/m3) 9,81 (m/s2) = 9.810 (N/ m3 ).
Densidade: d = γf / γ (H2O) = 7.897 / 9.810 = 0,805.
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 709107)
	Aula 10: Transferência de Calor, Condução, Condução em regime estacionário a condução
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Um fluido a 300C e coeficiente de troca de calor por Convecção igual a 5000 W/m2K molha a superfície de uma placa de alumínio de 0,15cm de espessura e 0,080 m2 de área transversal. Sabendo-se que a temperatura da face direita do conjunto vale 1350C, determine o calor trocado pelo sistema e a temperatura máxima da placa. Dado: kAl = 237,0 W/m.oC. 
		
	
Resposta: 42000 watts e 138,32ºC
	
Gabarito: Resposta: 42000 Watts e 138,32oC.
		
	
	
	 3a Questão (Ref.: 709228)
	Aula 1: conceitos fundamentais
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Viscosidade absoluta   ou dinâmica é definida como:  
τ = µ dv/dy; onde 
 
µ é denominada viscosidade dinâmica e é uma propriedade do fluido dependente  dentre outros fatores: 
		
	
	da temperatura a qual este está sendo submetido em uma determinada ocasião.
	
	da pressão a qual este está sendo submetido em uma determinada ocasião. 
	
	da força normal  e da temperatura a qual este está sendo submetido em uma determinada ocasião.
	
	da pressão e da temperatura a qual este está sendo submetido em uma determinada ocasião. 
	
	da força e da temperatura a qual este está sendo submetido em uma determinada ocasião. 
		
	
	
	 4a Questão (Ref.: 821930)
	Aula 4: CÁLCULO DE VAZÃO
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	Um tubo de 100 mm de diâmetro é trajeto de água, o qual apresenta uma descarga de 50 l/s. Determine a velocidade desse fluido?
		
	
	3.7 m/s
	
	2.0 m/s
	
	3.2 m/s
	
	2.2 m/s
	
	2.5 m/s
		
	
	
	 5a Questão (Ref.: 709234)
	Aula 5: Fluidodinâmica
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	O tubo da figura abaixo tem um diâmetro de 16 cm na seção 1, e um diâmetro de 10 cm na seção 2.  Na seção 1 a pressão é de 200. 000 N/m 2.  O ponto 2 está 6 m acima do ponto 1.  Considere o fluido incompressível qual deverá ser a pressão no ponto 2 se o óleo que está fluindo nesse tubo tiver uma densidade igual a 800 Kg/ m 3 e flui a uma velocidade de 0,03 m 3/s?
 
		
	
	148.000 N/m 2
	
	150 N/m 2
	
	148 N/m 2
	
	150.000 N/m 2 
	
	15.000 N/m 2
		
	
	
	 6a Questão (Ref.: 709171)
	Aula 6: Transferência