AV SISTEMA DE SEGURANÇA PÚBLICA NO BRASIL
3 pág.

AV SISTEMA DE SEGURANÇA PÚBLICA NO BRASIL


DisciplinaSistema de Segurança Pública no Brasil287 materiais4.315 seguidores
Pré-visualização1 página
Avaliação: GST0902_AV_201702126854 » SISTEMA DE SEGURANÇA PÚBLICA NO BRASIL
	Tipo de Avaliação: AV
	Aluno: 
	Professor:
	LEONARDO MAZZURANA
	Turma: 9001/AA
	Nota da Prova: 8,0    Nota de Partic.: 1   Av. Parcial 2  Data: 24/11/2017 13:03:41
	
	 1a Questão (Ref.: 201702337942)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Pesquisadores apontam que as Guardas Municipais sofrem a influência das Policias Militares na construção de sua identidade. Aponte uma característica que possa validar esta afirmação.
		
	
Resposta: 40% dos comandantes das Guardas Municipais são oriundos das Polícias Militares.
	
Gabarito: A construção da identidade da Guarda Municipal sofre influência da Polícia Militar, enquanto polícia ostensiva ¿ seja por oposição ou imitação. O que é intensificado quando a GM é chefiada por indivíduos oriundos da Polícia Militar, que, não raro, reproduzem a forma de organização dessa polícia na Guarda Municipal, inclusive com a ênfase à ritualística militar.
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201702337957)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Estudamos em nossas aulas as competências das organizações de segurança pública no Brasil. Na ocorrência de um acidente de trânsito em rodovia federal, tivemos o tombamento de um caminhão. A carga se espalha e revela quilos de um pó branco que se assemelha a cocaína. Qual (is) polícia (s) atuariam nesta ocorrência?
		
	
Resposta: Polícia Federal e Polícia Rodoviária federal.
	
Gabarito: No acidente de trânsito teríamos a atuação da Polícia Rodoviária Federal. No caso do tráfico ilícito de entorpecentes, a Polícia Federal.
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201702331780)
	Pontos: 0,0  / 1,0
	Segundo David Bayley, a atividade de Polícia Moderna é caracteriza por 3 elementos. Ou seja, uma polícia é considerada moderna quando é:
		
	
	Privada, profissional e generalizada.
	 
	Pública, especializada e profissional.
	
	Atuante internamente e autorizada a usar de recursos que não incluam a força física.
	
	Pública, profissional e generalizada.
	 
	Atuante internamente e autorizada coletivamente a usar da força física.
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201702331803)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Em 1831 foi criada a Guarda Nacional, como uma organização paramilitar, independente do exército, subordinada ao Ministério da Justiça e com várias funções, dentre as quais a manutenção da ordem pública e o auxílio do Exército na defesa das fronteiras. Eram frequentes os atritos entre a Guarda e as demais instituições responsáveis por manter a ordem pública. Estes atritos ocorriam porque:
		
	
	A Guarda apoiava Dom Pedro I.
	
	Havia, entre os componentes da Guarda Nacional, pessoas que haviam pertencido a outras forças policiais e que acreditavam manter vínculos com estas.
	
	A remuneração da Guarda Nacional era muito superior ao salário pago a outras forças policiais.
	 
	Havia a percepção de um status superior entre os membros da Guarda em relação às outras forças policiais.
	
	A Guarda era a única força subordinada ao Ministério da Justiça.
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201702331818)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Em um contexto democrático, cabe a uma polícia ostensiva:
		
	
	Manter a paz por meios extremos, tendo o recurso do uso comedido da força física, o que a coloca diante de eventos criminais e não criminais.
	 
	Manter a paz por meios pacíficos, tendo o recurso do uso comedido da força física, o que a coloca diante de eventos criminais e não criminais.
	
	Manter a paz por meios pacíficos, tendo o recurso do uso comedido da força física, o que a coloca unicamente diante de eventos criminais.
	
	Manter a paz por quaisquer meios, tendo o recurso do uso comedido da força física, o que a coloca diante de eventos criminais e não criminais.
	
	Não zelar pela paz, caso tenha que se apelar para o uso da força física, o que a coloca diante de eventos criminais e não criminais.
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201702331826)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Em nossos estudos, definimos o Boletim de Ocorrência como:
		
	
	Um documento que plasma a realidade.
	 
	Um documento no qual se converte o fato narrado em linguagem jurídica.
	
	Um documento que nada significa em relação ao ocorrido.
	
	Um documento que traz cópias de documentos.
	
	Um documento que descreve pontualmente o fato ocorrido.
	
	
	 7a Questão (Ref.: 201702331886)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	O Sistema Único de Segurança Pública (SUSP) proposto no Plano Nacional de Segurança Pública, em 2002, foi concebido para racionalizar os recursos existentes nos três níveis de governo, incluindo, dessa forma, os municípios. As cidades passam a ter que papel na Segurança Pública?
		
	 
	As cidades são incluídas no debate e gestão da Segurança Pública.
	
	Os municípios são incluídos tão somente no debate da Segurança Pública.
	
	Os municípios tão somente serão informados sobre tudo o que acontece em relação a segurança pública.
	
	As cidades tão somente poderão constituir Guardas Municipais.
	
	Os municípios tão somente poderão solicitar verba para aplicarem na segurança pública dos seus cidadãos.
	
	
	 8a Questão (Ref.: 201702337949)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Determinada pessoa vai ao Paraguai e traz diversos produtos, sem pagar os impostos devidos sobre os mesmos. A quem compete a prevenção e repressão sobre este crime?
		
	
	Policia aeroportuária.
	 
	Policia Federal.
	
	Polícia Civil.
	
	Policia de Fronteiras.
	
	Policia marítima.
	
	
	 9a Questão (Ref.: 201702337963)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	Afirmamos que o Ministério Público da União abrange os órgãos listados abaixo, exceto um. Qual?
		
	
	Ministério Público do Distrito Federal e Territórios.
	 
	Ministério Público Estadual.
	
	Ministério Público Federal.
	
	Ministério Público do Trabalho.
	
	Ministério Público Militar.
	
	
	 10a Questão (Ref.: 201702337993)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	Estudamos várias definições para ordem pública. Não é uma delas:
		
	
	É a busca de uma convivência pacífica de toda a população.
	 
	É a anormalidade, a exceção ao estado de paz social.
	
	É a busca de uma convivência harmoniosa de toda a população.
	
	É o objeto da segurança pública.
	
	É a ordem estabelecida e reinando na localidade.