A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
23 pág.
Exercício de literatura

Pré-visualização | Página 3 de 8

colonização:
		Quest.: 2
	
	
	
	
	expressam os sentimentos dos nativos em face do encontro com os portugueses
	
	
	são exemplares da cultura francesa
	
	
	documentam a vida das cidades construídas no Brasil
	
	 
	representam a visão do estrangeiro e seus interesses em relação às terras recém-descobertas -
	
	
	estabelecem definitivamente as bases da literatura brasileira
 
	
	
	
		3.
		Entre os escritos coloniais de origem portuguesa, podemos citar:
 I - A CARTA, de Pero Vaz de Caminha e O GUARANI, de José de Alencar
II - A CARTA , de Pero Vaz de Caminha e o DIÁRIO DE NAVEGAÇÃO, de Pêro Lopes e Sousa
III - O TRATADO DA TERRA DO BRASIL e A HISTÓRIA DA PROVÍNCIA DE SANTA CRUZ A QUE VULGARMENTE CHAMAMOS BRASIL de Pêro Magalhães Gandavo
IV - OS DIÁLOGOS DAS GRANDEZAS DO BRASIL de Ambrósio Fernandes Brandão e A CONFEDERAÇÃO DOS TAMOIOS, de Gonçalves de Magalhães.
Assinale a alternativa correta:
		Quest.: 3
	
	
	
	
	Estão corretas as afirmativas II e IV
	
	
	Estão corretas as afirmativas III e IV
	
	
	Estão corretas as afirmativas I e IV
	
	
	Estão corretas as afirmativas I e II
	
	 
	Estão corretas as afirmativas II e III
	
	
	
		4.
		Considera-se a Carta de Pero Vaz de Caminha  a certidão de nascimento do Brasil, porque
		Quest.: 4
	
	
	
	
	estabelece a origem pré-histórica do povo brasileiro
	
	
	evidencia o esforço em aprender o idioma tupi
	
	
	divulga os costumes indígenas, como a antropofagia
	
	 
	foi o primeiro registro escrito, tendo como objeto as nossas terras.
	
	
	sua estrutura em versos é imitada até os nossos dias.
	
	
	
		5.
		Dentre os aspectos peculiares da obra de Gandavo, assinala-se:
		Quest.: 5
	
	
	
	
	os poemas escritos em latim
	
	
	informações a respeito da estrutura social dos colonos
	
	
	a criação de uma gramática da língua tupi
	
	
	o mapeamento das minas de ouro
	
	 
	o caráter pioneiro do autor em divulgar os aspectos positivos da colônia
	
	
	
		6.
		Leia atentamente o fragmento do poema que se segue: "A terra é mui graciosa, Tão fértil eu nunca vi. A gente vai passear, No chão espeta um caniço, No dia seguinte nasce Bengala de castão de oiro" ( Murilo Mendes, "A carta de Pero Vaz")
O poema retoma de forma humorística a Carta, escrita por Pero Vaz de Caminha, relacionando dois aspectos evidenciados na Carta:
		Quest.: 6
	
	
	
	
	a catequese e o metalismo
	
	
	a cultura de cana-de-açúcar e a catequese
	
	 
	o metalismo e a cultura de cana-de açúcar
	
	 
	a expansão territorial e os interesses econômicos
	
	
	a beleza dos nativos e o metalismo
	
	ALCIENE APARECIDA DOMINGOS
	Matrícula: 201308193131
	Disciplina: CEL0637 - LITERATURA BRAS. I 
	Período Acad.: 2014.3 - EAD (G) / EX
	
Prezado (a) Aluno(a),
Você fará agora seu EXERCÍCIO DE FIXAÇÃO! Lembre-se que este exercício é opcional, mas não valerá ponto para sua avaliação. O mesmo será composto de questões de múltipla escolha (3).
Após a finalização do exercício, você terá acesso ao gabarito. Aproveite para se familiarizar com este modelo de questões que será usado na sua AV e AVS.
	
	
		1.
		Leia os dois textos que se seguem:
 
TEXTO 1:
 Cordeirinha linda,
Como folga o povo
Porque vossa vinda
Lhe dá lume novo!
( A Santa Inês. José de Anchieta)
 
TEXTO 2:
(...) Anchieta deve ser entendido como uma manifestação da cultura medieval no Brasil. E medieval não somente pelo seu comportamento, ao realizar uma poesia simples, de timbre didático, porém medieval também pela sua forma poética, seus ritmos, sua métrica ( Eduardo Portella)
 
Assinale a alternativa que relaciona adequadamente os dois textos:
		Quest.: 1
	
	
	
	 
	Verifica-se formalmente o que registra Portella no emprego da métrica, redondilhas
	
	
	O texto é um exemplo de Auto religioso, em que se empregam as alegorias
	
	
	Portella afirma que Anchieta é adepto da medida nova
	
	
	A poesia de Anchieta contradiz a afirmação de Portella, pois o poema não tem rimas
	
	 
	Portella faz referência à cultura medieval, da qual Anchieta é exemplo apenas pelo seu comportamento.
	
	
	
		2.
		Leia o trecho abaixo e responda ao que se pede:
 
Terem os romanos e outros mais gentios mais polícia que estes não lhes veio de terem naturalmente melhor entendimento, mas de terem melhor criação e criarem-se mais politicamente. ((BOSI, Alfredo. Dialética da colonização. 3.ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1994. p. 67)
 A afirmação de Nóbrega evidencia:
		Quest.: 2
	
	
	
	
	   o olhar preconceituoso do Padre em relação aos indígenas
	
	 
	    a percepção desprovida de preconceito por entender que não há desnível de inteligência entre os indígenas e as outras civilizações
	
	
	     a existência de policiais entre os indígenas
	
	
	      a compreensão da dificuldade de evoluir, visto que não dominavam a língua portuguesa
	
	
	     a necessidade de controle do europeu, visto que os índios eram desprovidos de inteligência
	
	
	
		3.
		Suponha que a história da literatura quinhentista estivesse contada assim: "Em qualquer hipótese, foi Anchieta quem introduziu o teatro no Brasil, quando os colonos que frequentavam as igrejas, à moda portuguesa, compunham os seus autos, arranjados ali mesmo. Os portugueses, portanto, não representavam autos no Brasil, quando os jesuítas começaram os seus. Mas é igualmente certo que os padres escreveram no Brasil as primeiras peças, de caráter litúrgico, e deram à arte dramática, na colônia nascente, maior desenvolvimento." Assinale a alternativa que apresenta a correção das afirmações do texto que não correspondem à verdade.
		Quest.: 3
	
	
	
	
	Os padres jesuítas não contribuíram para o desenvolvimento do teatro colonial, pois este já tinha atingido seu pleno desenvolvimento.
	
	 
	O teatro colonial já havia sido iniciado pelos colonos, quando os jesuítas aqui chegaram. Os autos representados nas igrejas eram trazidos de Portugal.
	
	
	Anchieta é considerado o introdutor do teatro na colônia e suas peças tinham a influência do teatro português.
	
	 
	Toda a literatura quinhentista, no Brasil, foi produzida pelos jesuítas sem a participação dos colonos.
	
	
	Os autos, representados, nas igrejas, eram de caráter informativo e narravam os feitos dos colonizadores.
	 Clique aqui para visualizar o Gabarito Comentado desta questão.
	
	
		4.
		Quanto à poesia de José de Anchieta, assinale a alternativa que enuncia a análise pertinente:
		Quest.: 4
	
	
	
	 
	trata-se de poesia elaborada nos moldes medievais
	
	 
	contava as lendas indígenas
	
	
	descreve, em língua tupi, a experiência religiosa
	
	
	documenta a vida política colonial
	
	
	registra a influência da poesia de Camões
	
	
	
		5.
		 
Em relação aos Autos de José de Anchieta, NÃO  se pode afirmar:
		Quest.: 5
	
	
	
	
	corroboravam com o processo de aculturação
	
	
	adaptavam a simbologia cristã ao idioma tupi
	
	
	são peças produzidas com o objetivo de introduzir o indígena nos rudimentos da fé
	
	
	eram dirigidas aos colonos que se estabelecem próximos às missões
	
	 
	tratavam da lírica amorosa, em métrica nova
	
	
	
		6.
		Considere os fragmentos que se seguem para responder à questão:
TEXTO 1
(...) Os diabos têm nomes tupis (Saraiúva, Aimbirê, Guaixará) e surgem em cena pintados de vermelho, emplumados e tatuados, falam tupi, fumam e se embriagam, declaram-se antropófagos e assassinos,