A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Portifolio A LEI E O DIA A DIA NA ESCOLA

Pré-visualização|Página 1 de 5

1
C EN TR O UN IVE RS IT ÁR IO IN TE R N AC IONAL U N IN T ER
ING R ID MAR TINS XA VIE R, 2085626
IR IS LOU RD E S BORGES GU IMARÃ E S, 2237 967
ROS IANE D OS S A NTOS, 214976 3
PORTF ÓL IO
UTA. ..
MÓDULO A FA S E I
C ID A D E
2018

2
A L EI E O D I A A D I A N A ES C OL A
Introd ução
O d i ário d e campo e m q uestão, b ase ia-se na ob serva ção , re latos e i mpressões
ana li sadas a re spei to da Lei B rasileira de In clu são da P esso a com
D eficiê ncia aplicad a na ed uca ção. Tra bal ho es te dese n vol vi d o pe los c urso de
Pe dago gi a do C entro U ni versi ri o Inte r naci onal , UNINTER , no polo de apoi o
da cida de de i lhé us -BA .
As ati vi d ades ocorreram na escola de e nsi no i nfanti l e f undamental I, no C entro
de Atenção Integ rad a a C riança ( C A IC ), si t ua da na zo na urba na da ci d ade, no
bai rro Her na ni S á, na zona s ul de Il hé us.
D esenvo l vi mento
Obse r va ção da E scola
A vi si ta a esco la ocor reu no di a 25 de março d e 2018. Te ndo por base a lei da
Inc l usão na esco la, seg undo A r t. 2 7:
A ed uc ação c onst it ui direit o da
pes s oa c om de fic iênc ia, ass egu rad os s i s t ema ed uc ac ion al inc lus i vo
em t odos os n í veis e a pr en diz ad o ao l ong o d e t oda a vi da, d e f orm a a
alc anç ar o m áx imo d es en vol vim ento pos s í vel de s e us t ale nt os e
habili dad es fís i c as, s ens oriais , i nt elec t uais e s oc iais , s e gun do s uas
c arac ter íst ic as , interes s es e neces s idad es de a pre ndiz a gem.
(BRA S I L, 20 15).

3
Inici a lme n te foi obse rva do q ue a i nsti t ui ção po ssui uma boa i nf raestr ut ura,
espaço amplo, d i versas sala s pa dro ni za das, a lé m de uma área a rbo ri zada, o
que proporci o na a ti vi d ades recrea tiva s pa ra as c ri anças, i nc l usi ve os a l uno s
com ne cessi dad es especi ai s.
No que di z respei to à s salas de aula , foi obse rvado alg u ns materiai s di dáticos
para a i nteraçã o e o desenvo l vi me nto do s al u nos. C omo: jogos da memóri a,
que bra-cab eça, alé m de técni cas p ed ag ógi cas d a p si comotri ci dade, té cni ca
essa que estava se ndo empregada no di a da vi si tação . A professora tenta va
atra vés da le i t ura, trabal ha r com a s crianças o mo vi mento da ''pi nça'', pa ra q ue
os al unos d ese nvol vessem a coo rde nação mo tora fina , fol hea ndo p ági nas de
li vros .
A esco la possui alguns a l unos por tad ores de defi ci ênci a no ensi no de
educação i nfa ntil . S end o q ue ci nco de sses a l uno s a presenta m Tra nstor nos d o
Esp ectro A utista ( TE A), um portador de d efi ci ênci a f ísi ca, e um co m Tra nstor no