RESUMÃO AV3 - Epidemiologia
18 pág.

RESUMÃO AV3 - Epidemiologia


DisciplinaFundamentos de Epidemiologia1.317 materiais12.177 seguidores
Pré-visualização11 páginas
RESUMÃO AV3 \u2013 EPIDEMIOLOGIA 
Resumão elaborado por: Edwallace Amorim 
 
 
AULA 01 (AV1) 
1. Atualmente, com a emergência das doenças crônicas não transmissíveis e com a reemergência de outras que até 
então estavam supostamente erradicadas, a base da moderna epidemiologia tem sido construída através do conceito 
de risco. No senso comum risco significa perigo, logo, tem um sentido negativo. Entretanto na epidemiologia, o 
conceito de risco pode ter tanto um sentido positivo quanto negativo. PORQUE: O conceito epidemiológico de risco 
está associado à probabilidade de ocorrência de algum evento, podendo estar relacionado a algo positivo, como por 
exemplo, as chances de cura ou recuperação de uma doença. Analisando as afirmações acima CONCLUI-SE que: 
R: As duas afirmações são verdadeiras e a segunda é uma justificativa correta da primeira. 
 
2. As doenças humanas não devem ser encaradas como eventos que ocorrem ao acaso, mas que estão relacionadas a 
uma rede de outros eventos que devem ser identificados e estudados. Nesse contexto, sobre o raciocínio 
epidemiológico NÃO PODEMOS afirmar que: 
R: Para o epidemiologista o que mais interessa é o diagnóstico de uma determinada doença em um determinado 
indivíduo. 
 
3. No tratado de Ares, Águas e Lugares, Hipócrates discutiu os fatores ambientais ligados às doenças, surgindo, então, a 
Teoria Miasmática, que sustentava a ideia de que regiões insalubres eram capazes de provocar doenças. 
Através da Teoria Miasmática, Hipócrates defendia um: 
R: Conceito ecológico do processo saúde/doença. 
 
4. Hipócrates (a.C. 460 a 377 a.C.), o pai da Medicina, é considerado o precursor da Epidemiologia, devido aos seus 
relatos sobre as epidemias. Hipócrates não se limitava a analisar o paciente em si, mas possuía uma visão holística 
demonstrando antecipadamente um raciocínio epidemiológico. PORQUE Analisava as doenças de forma racional 
como produtos da relação dos indivíduos com o ambiente e com a maneira de viver. Analisando a relação proposta 
entre as duas asserções assinale a opção CORRETA: 
R: As duas asserções são verdadeiras e a segunda é uma justificativa correta da primeira. 
 
5. Em Epidemiologia, as pessoas susceptíveis a determinadas doenças são chamadas de: 
R: Grupo de Risco. 
 
6. A epidemiologia pode ser definida como "o estudo da distribuição e dos determinantes de estados ou eventos 
relacionados à saúde em populações específicas, e sua aplicação na prevenção e controle dos problemas de saúde". 
Tal definição ratifica que os epidemiologistas estão preocupados: 
R: Com a incapacidade, doença ou morte, mas, também, com a melhoria dos indicadores de saúde e com as 
maneiras de promover saúde. 
 
7. Bernard, Virchow e Pasteur, no século XIX, proporcionaram enormes contribuições para o avanço da fisiologia, da 
patologia e da bacteriologia, respectivamente, proporcionando o fortalecimento da medicina científica. Sobre esse 
período histórico é CORRETO afirmar que: 
R: As enfermidades de maior prevalência eram as de natureza infecto-contagiosa, o que favoreceu a abordagem 
individual e curativa, superando o enfoque coletivo e os determinantes sociais da saúde. 
 
8. Segundo Rouquayrol (1999) Epidemiologia é a ciência que estuda o processo saúde-doença em coletividades 
humanas, propondo medidas específicas de prevenção, controle ou erradicação de doenças. Enquanto a abordagem 
clínica se dedica ao estudo da doença no indivíduo, a Epidemiologia estuda os problemas de saúde em coletividades 
humanas. A Epidemiologia se constitui na principal fonte de informação em saúde e é considerada a ciência básica da 
Saúde Coletiva. Sobre as principais aplicações da Epidemiologia são feitas as seguintes afirmações: 
I. A vigilância epidemiológica, estudos de situação de saúde, e avaliações dos serviços, ações e programas de saúde 
vigentes são importantes aplicações da epidemiologia. 
II. A determinação de prognósticos e diagnósticos de Doenças Infectocontagiosas (DIC) e Doenças Crônicas Não 
Transmissíveis (DCNT) constitui uma importante aplicação da epidemiologia. 
III. A investigação etiológica e a determinação de riscos são importantes aplicações da epidemiologia. 
IV. O aprimoramento na descrição de quadro clínico consiste em uma importante aplicação da epidemiologia. 
Assinale a alternativa CORRETA: R: Todas as afirmativas são verdadeiras. 
 
9. A Classificação Internacional de Doenças e de Problemas Relacionados à Saúde (CID): 
R: Fornece a uniformização na denominação das doenças e causas de morte (classificação dos óbitos). 
 
 
AULA 02 (AV1) 
1. A História Natural da Doença (HND) compreende as inter-relações do agente, do suscetível e do meio ambiente que 
afetam o processo global e seu desenvolvimento, desde as primeiras forças que criam o estímulo patológico no meio 
ambiente, ou em qualquer outro lugar, passando pela resposta do homem ao estímulo, até as alterações que levam a 
um defeito, invalidez, recuperação ou morte (Rouquayrol, 1999). Sobre os períodos que caracterizam a HND são 
feitas as seguintes afirmações: 
I. O período pré-patogênico ocorre previamente à instalação do agente patogênico e é caracterizado pela ausência da 
doença. 
II. O período pré-patogênico envolve medidas de atenção primária à saúde. 
III. O período patogênico é caracterizado pela instalação do agente patogênico. 
IV. O período pós-patogênico é caracterizado pela presença ou ausência de incapacidades ou invalidez conforme a 
doença que se instalou. 
Assinale a alternativa CORRETA: R: Todas as afirmações são verdadeiras. 
 
2. A mais ambiciosa definição de saúde foi a proposta pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em 1947: Saúde é um 
estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a mera ausência de doença. Essa definição, 
embora criticada devido à dificuldade em definir e mensurar bem-estar, permanece sendo um ideal. Nesse sentido 
podemos entender que o se pretendia com essa definição era: 
R: Promover um nível de saúde que permitisse o desempenho de uma vida social e economicamente produtiva. 
 
3. A respeito da história natural da doença nos seres-humanos são feitas as seguintes afirmações: 
I. As inter-relações do agente etiológico, do organismo humano e do meio ambiente afetam o processo global e o 
desenvolvimento das doenças. 
II. O estímulo patológico que o agente etiológico desencadeia no organismo humano é o único fator associado ao 
desencadeamento das doenças. 
III. A resposta do organismo humano aos estímulos agressores é o único fator que deve ser investigado no 
desenvolvimento das doenças. 
IV. A responsabilidade do homem na manutenção da biodiversidade é um dos fatores que devem ser considerados 
na prevenção das doenças. 
Assinale a alternativa CORRETA: R: As afirmações I e IV são verdadeiras. 
 
4. Em 1995, a Organização Mundial de Saúde (OMS), propôs a criação de um grupo (grupo WHOQOL - World Health 
Organization Quality of Life) que construiu o seguinte conceito de qualidade de vida: Qualidade de vida é a percepção 
do indivíduo de sua posição na vida no contexto da cultura e sistema de valores nos quais ele vive e em relação aos 
seus objetivos, expectativas, padrões e preocupações. A construção desse conceito permitiu a este grupo 
desenvolver um instrumento (questionário) válido para a avaliação do conceito de qualidade de vida a nível 
internacional: o instrumento de avaliação de qualidade de vida da Organização Mundial da Saúde (WHOQOL-100). 
Sobre esse instrumento são feitas as seguintes afirmações: 
I. O que se pretende avaliar através da aplicação desse questionário é a própria percepção do indivíduo respondente 
do questionário a respeito de sua qualidade de vida. 
II. A qualidade de vida é avaliada através de três aspectos fundamentais: subjetividade, a multidimensionalidade e a 
presença de dimensões positivas e negativas. 
III. O WHOQOL-100 é composto por 100 questões
Rosimeri
Rosimeri fez um comentário
muito bom obrigada.
0 aprovações
Leandra
Leandra fez um comentário
Muito bom!!!!
1 aprovações
Carregar mais