AD1 Linguística II
3 pág.

AD1 Linguística II


DisciplinaLinguistica II566 materiais9.167 seguidores
Pré-visualização3 páginas
AD1 com gabarito
1) Defina os conceitos do termo “língua” e explique a proposta de Chomsky
para dar conta desses significados.
Língua pode ser definida como uma faculdade cognitiva ou como um
código linguístico. Chomsky propôs o uso do termo “língua I” para fazer
referência à língua em sua acepção cognitiva; e o termo língua E para
nos referirmos à língua como um fenômeno sociocultural.
2) Um papagaio pode conseguir produzir sons idênticos aos de uma língua
oral, mas não conseguirá expressar seus sentimentos e produzir
sentenças complexas, utilizando -se da criatividade da fala humana.
Diferencie competência de desempenho linguístico, f azendo uso
exemplo acima.
Competência linguística é a nossa língua I, é o módulo d a mente
humana em que todos os conhecimentos de uma língua estão
armazenados. Esse módulo, o papagaio não possui, por isso fica
limitado a repetição de a lguns sons. de sempenho linguístico ou
performance é o uso da linguagem, en volve a conjunção do
conhecimento linguístico junto a inúmeros outros tipos de conhecimento.
O papagaio possui um aparelho f onador adequado a im itar a fala
humana, que possibilita um mecanismo de desempenho linguístico.
3) O pensamento de que “não existia uma “natureza humana” e todos os
tipos de conhe cimentos possíveis são instanciados no cérebro humano
através da experiência se nsitiva do indivíduo em seu mundo empírico”
não corrobora a hipótese inatista. Ju stifique essa afirmativa, explicando
a hipótese inatista.
Esse pensamento emp irista acredita que os estímulos ambientes, a
experiência sensitiva, sejam unicamente responsáveis pela linguagem
humana , com isso descon sideram a e xistência de uma dotação gené tica
para aquisição de uma ngua. De acordo com a hipótese inatista,
uma faculdade da linguagem assumida como inata que po ssibilitará à
criança analisar os estímulos da língua do ambiente de forma a construir
uma competência linguística. Em contraponto a essa afirmativa, os
estímulos sem a fa culdade da linguagem n ão produzem uma
competência e, tam pouco, a faculdade da linguagem sem os estímulos
linguísticos produz qualquer coisa.
4) Qual hipótese Chomsky apresenta como uma solução para a que stão da
universalidade da linguagem?
A Gramática Universal (GU) é a resposta moderna, b aseada nas
ciências cognitivas, para a questão da universalidade da linguagem. Ela
deve ser interpretada como o estado inicial da a quisição da linguagem, e
a codificação genética da Faculdade da Linguagem.
5) De acordo com a Teoria dos Princípios e Parâmetros, explique o
Parâmetro do Sujeito Nulo para os exemplos abaixo:
(I) Português: Eu gosto de chocolate.
Ø gosto de chocolate.
(II) Inglês: I like chocolate.
*Ø like chocolate.
Em português, tanto a f rase que apresenta o sujeito explícito quanto a que
realiza o sujeito nulo são igualmente gramaticais, ou seja, ambas são
perfeitamente aceitáveis na gramática de nossa l íngua. Português é uma língua
[+sujeito nulo]. em inglês, apenas a primeira f rase é gramatical, pois o
sujeito está p leno. A segunda frase com sujeito nulo não é aceitável em inglês.
Logo, o inglês é uma língua [- sujeito nulo].