QUÍMICA ANALÍTICA II
12 pág.

QUÍMICA ANALÍTICA II


DisciplinaQuímica Analítica II354 materiais2.600 seguidores
Pré-visualização4 páginas
QUÍMICA ANALÍTICA II
1) Uma solução de 0,252 g de ácido nítrico é titulada com uma solução de NaOH 0,25 mol/L. Quantos mL da solução básica são necessários para neutralizar completamente o ácido? (Dados: massas molares: HNO3 = 63 g/mol e NaOH = 40 g/mol ).
10,00 mL
5,00 mL
12,00 mL
16,00 mL
20,00 Ml
2) Por meio de uma titulação determine o volume de solução aquosa de ácido clorídrico (HCl) a 3,65g/L que seria necessário para reagir com 50,0 mL de solução de hidróxido de sódio (NaOH) a 0,1M.
Dados: H=1; O=16; Na=23; Cl=35,5.
0,0137 L
50,0 L
0,075 L
0,02 L
0,05 L
3) Um aluno titulou 20,00 mL de uma solução de ácido acético (H3CCOOH) 0,1000 mol L-1 com NaOH 5,000 x 10-2 mol L-1. Qual é o valor do pH dessa solução de ácido acético, antes de iniciar a titulação?
Dados (Ácido Acético Ka = 1,8 x 10-5)
3,75
4,27
2,87
1,93
3,78
4) Após fazer a titulação de 25,0 mililitros de uma solução 0,10 mol/L do ácido CH3COOH, utilizando uma solução de NaOH 0,10 mol/L, obteve-se o gráfico abaixo:
Com base nos dados apresentados neste gráfico foram feitas as afirmações:
I. O ponto A corresponde ao pH da solução inicial do ácido, sendo igual a 1.
II. O ponto B corresponde à neutralização parcial do ácido, e a solução resultante é um tampão.
III. O ponto C corresponde ao ponto de neutralização do ácido pela base, sendo seu pH maior que 7.
É correto o que se afirma em
I, II e III
II, apenas
II e III, apenas
I, apenas
I e II, apenas
5) Em um laboratório, 50,0 mL de solução aquosa de NH3 a 0,1 mol L-1, foram titulados com 5,0 mL de solução de HCl a 0,1mol L-1. Qual das alternativas contém o valor correto do pH dessa mistura. Dados: NH3 kb = 1,8 x 10-5
pH = 3,79
pH = 10,21
pH = 9,70
pH = 5,83
pH = 7,00
6) Em uma aula prática de química, o professor lançou um desafio para os alunos: "qual a concentração molar de uma solução aquosa de NaOH ?". Para resolver esse problema, os alunos procederam a titulação de 50mL dessa solução de NaOH, com uma solução aquosa de H2SO4 0,10 molar, que ao final da titulação (ponto de equivalência), tinha consumido 25 mL do titulante. A concentração molar solução analisada, é:
0,10 mol/L
0,20 mol/L
0,15 mol/L
0,30 mol/L
0,25 mol/L
7) 50 mL de uma solução aquosa de NaOH foram titulados com 25,0 mL de solução 0,2 mol L-1 de HCl.
Com base nessas informações, qual alternativa contém a correta concentração molar da solução de hidróxido ?
0,02 mol L-1
0,1 mol L-1
0,2 mol L-1
0,5 mol L-1
0,01 mol L-1
8) Durante uma titulação de base forte e ácido forte, foram usados 25 mL de NaOH a 0,2 mol/L para titular 50 mL de solução de H2SO4. Qual é a concentração em mol/L do ácido nessa solução:
0,02 mol L-1
0,025 mol L-1
0,05 mol L-1
0,1 mol L-1
0,01 mol L-1
9) Considere o gráfico que representa a variação do pH de uma solução 0,1 mol/L de NaOH, quando se adiciona gradualmente uma solução 0,1 mol/L de HCl:
Analise as afirmações:
I. O ponto A corresponde ao pH inicial da base.
II. O ponto C corresponde ao pH de neutralização do NaOH pelo HCl.
III. O ponto B corresponde à neutralização parcial do NaOH.
IV. O ponto D corresponde ao pH da mistura com excesso de NaOH.
V. O ponto E corresponde à concentração final da base.
Assinale a alternativa correta.
se somente I estiver correta.
se somente II e V estiverem corretas.
se somente I, II, III estiverem corretas.
se somente I, II, III e V estiverem corretas.
se todas as alternativas estiverem corretas.
10) A análise volumétrica em meio aquoso se baseia, de maneira simplificada, na medição do volume de solução padrão (concentração conhecida) que reage estequiometricamente com uma espécie dissolvida em água, com o ponto final da titulação podendo ser identificado com o auxílio de um indicador que muda de cor no ponto final. Na análise de cloretos numa amostra de água, 50,0 mL de amostra necessitaram de 20,00 mL de solução 0,1000 mol/L de nitrato de prata, usando cromato como indicador do ponto final. Ag+(aq) + Cl\u2013(aq) \u2192 AgCl(s) Com esses dados, a porcentagem massa por volume (g%mL) de Cl\u2013(massa molar = 35,5 g/mol) na amostra é?
0,710
0,142
0,284
0,213
0,035
11) A 50 mL de uma solução aquosa 0,20 mol/L em BaCl2 acrescentou-se 150 mL de uma solução aquosa 0,10 mol/L em NaSO4. Supondo que a precipitação de BaSO4 tenha sido completa, quais serão as concentrações, em mol/L, de Cl–1 e SO4–2, respectivamente, na mistura final?
0,05 e 0,25
0,03 e 0,04
0,40 e 0,05
0,05 e 0,00
0,10 e 0,025
12) Um químico possui uma solução aquosa contendo quantidades equimoleculares de cádmio, bismuto e cobre. Ao adicionar a esta solução, gota a gota, uma outra solução de H2S, ocorrerão as seguintes reações:
I. Cd+2 + S-2 \u2192 CdS Kps = 8 . 10-27
II. 2Bi+3 + 3S-2 \u2192 Bi2S3 Kps = 1 . 10-97
III. Cu+2 + S-2 \u2192 CuS Kps = 4 . 10-36
A ordem correta de precipitação será:
III, II e I
I, III e II
III, I e II
II, III e I
I, II e III
13) O gráfico abaixo demonstra a curva de pH, criada à partir de uma titulação de um ácido e uma base. Baseado nas características da curva, podemos afirmar que as substâncias envolvidas nessa titulação de neutralização são:
Titulante: H3PO4 ; Titulado: NaOH 
Titulante: HCl ; Titulado: Mg(OH)2
Titulante: Ba(OH)2 ; Titulado: HCl
Titulante: NaOH ; Titulado: HCl
Titulante: NaOH ; Titulado: H2SO4
14) Uma solução de ácido acético encontra-se sem titulação. Sabe-se que para a neutralização total de 150 mL dessa solução são necessários 100 mL de NaOH (1mol/L). Segue a equação da reação de neutralização.
CH3COOH + NaOH Na+ + CH3COO– + H2O
Qual a concentração em g.L-1 para essa solução de ácido acético ? Dados: CH3COOH = 60 g/mol
70 g/L	 
185 g/L
40 g/L
78 g/L
18 g/L
15) 100 mL de uma solução aquosa de ácido clorídrico 1 mol/L foram misturados a 100 mL de uma solução aquosa de nitrato de prata 1 mol/L, formando um precipitado de cloreto de prata, de acordo com a equação:
HCl + AgNO3 \u2192 AgCl + HNO3
Em relação a esse processo, todas as afirmativas estão corretas, EXCETO:
A concentração do íon nitrato na mistura é 0,5 mol/L.
O cloreto de prata é muito pouco solúvel em água.
O pH permanece inalterado durante a reação.	 
O sistema final é constituído de duas fases.
A reação produz um mol de cloreto de prata.
16) Calcule a porcentagem de prata (107,8 g.mol-1) numa liga em uma amostra de 0,2025 g. que foi pesada e dissolvida adequadamente. A amostra em solução foi transferida para o erlenmeyer e titulada com uma solução padrão de KSCN 0,1000 mol L-1. Foram gastos 15,25 mL deste padrão para atingir o ponto final da titulação.
50,45 % de Ag
23,81 % de Ag
65,32 % de Ag
79,45 % de Ag
81,23 % de Ag
17) O rótulo de um produto de limpeza diz que a concentração de amônia (NH3) é de 9,5 g/L. Com o intuito de verificar se a concentração de amônia corresponde à indicada no rótulo, 5,00 mL desse produto foram titulados com ácido clorídrico de concentração 0,100 mol/L. Para consumir toda a amônia dessa amostra, foram gastos 25,00 m/L do ácido.
(Dados: H = 1, N = 14 e Cl = 35,5.) Com base nas informações fornecidas acima:
Qual a concentração da solução, calculada com os dados da titulação? A concentração indicada no rótulo é correta?
0,50 mol/L \u2013 sim
0,12 mol/L \u2013 sim
0,25 mol/L \u2013 não
0,50 mol/L \u2013 não
0,25 mol/L \u2013 sim
18) O produto de solubilidade do brometo de prata é 5,2×10-13. Se a solução contém 2,0×10-2 mol de Br-, a máxima concentração de íons Ag+(aq) necessária para não precipitar o brometo de prata é:
2,6×1011
2,6×10-13
2,0×102
2,6×10-11
2,0×10-2
19) Pela legislação brasileira, a cachaça deve obedecer ao limite de 5 mg/L, quanto ao teor de cobre. Para saber se tal limite foi obedecido, 5,0 mL de uma certa cachaça foram titulados com solução de sal de sódio do EDTA (ácido etileno diamino tetraacético), 1,0.10\u20133 mol L\u20131, gastando-se 4,0 mL na titulação. Sabendo-se que a massa molar do cobre é 63,5 g/mol e que o cobre reage com o EDTA na proporção, em mol, de 1:1, a concentração de cobre nessa cachaça , em mg/L, é, aproximadamente?