A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
96 pág.
APOSTILA DIR. CONSTITUCIONAL II   PROF. RENATA VELO

Pré-visualização | Página 13 de 17

a legalidade dos atos administrativos de 
ofício ou provocação, podendo desconstituir ou fixar prazos para as providencias; 
3) Receber e conhecer de reclamações contra membros do Judiciário, sem prejuízo 
da competência correicional dos tribunais: aplicando sanções: disponibilidade, 
aposentadoria proporcional, remoção etc... 
4) Representar ao MP em casos de crime contra a administração pública ou abuso 
de autoridade; 
5) Rever processos disciplinares de juízes e membros de Tribunais; 
6) Relatório semestral sobre processos e sentenças prolatadas em cada unidade; 
7) Relatório anual propondo providencias sobre a situação do Judiciário, 
encaminhando mensagem do Presidente do STF ao Congresso Nacional por 
ocasião da abertura da sessão legislativa. 
 
- Busca-se eficiência, o respeito aos Princípios administrativos constitucionais, o 
acesso à justiça, planejamento estratégico. 
 
- Todas as decisões do CNJ podem ser revistas pelo STF: controle de legalidade e 
não de mérito. 
 
- CNJ não tem controle da função jurisdicional. 
 
- CNJ não tem controle sobre o STF. 
 
- CNJ X Atuação das corregedorias locais dos Tribunais: 
- Resolução 135 de julho de 2011 do CNJ: uniformiza normas relativas ao 
procedimento disciplinar aplicável aos magistrados: rito e penalidades. 
- Em agosto de 2011 foi ajuizada ADI 4638 pela AMB questionando o ato. 
- Em dezembro de 2011: Ministro Marco Aurélio: deferiu a medida liminar e deu 
interpretação para estabelecer a competência subsidiária do CNJ em âmbito 
	 70	
disciplinar. 
- Resolução fala da competência dos Tribunais sem prejuízo do CNJ. 
- Plenário do STF por 6x5 não referendou a liminar: CNJ: originariamente e 
concorrentemente. 
 
- composição: 
STF: 
1) O presidente do STF-Presidente do CNJ 
2) Desembargador do TJ 
3) Juiz estadual. 
 
STJ: 
4) Ministro do STJ - Corregedor 
5) Juiz de TRF 
6) Juiz Federal 
 
TST: 
7) Ministro do TST, 
8) Juiz do TRT, 
9) Juiz do Trabalho. 
 
PGR: 
10) Membro do MPU, 
11) Membro do MPE. 
 
CFOAB: 
12) Advogado, 
13) Advogado. 
 
CD: 
14) Cidadão 
	 71	
 
SF: 
15) Cidadão. 
 
- Presidido pelo Presidente do STF e nos impedimentos e ausências pelo vice-
presidente do STF. 
- Mandato de 2 anos admitida uma recondução. 
- Nomeados pelo PR após aprovada a escolha por maioria absoluta do Senado. 
 
- Aperfeiçoamento da EC 61/2009: 
1) Não é composto por ministro do STF e sim pelo Presidente do STF. 
2) Presidente do STF é membro nato do STF não precisa ser sabatinado pelo SF e 
nomeado pelo Presidente da República. 
3) A emenda também afastou os limites de idade máximo e mínimo: 35 e 66 anos. 
 
- O CNJ é constitucional?: 
- ADI: 3367: AMB: constitucional. 
- O fato de ter membros que não são do Judiciário não importa: não exerce atividade 
jurisdicional. 
- Órgão do Judiciário que não exerce função jurisdicional. 
- controle interno. 
 
- Duas Resoluções do CNJ: 
-Resolução 7: Nepotismo: Vedou a contratação de parentes de magistrados até o 
terceiro grau para cargos de direção, chefia e assessoramento. 
- Resolução 75: conceito de atividade jurídica de 3 anos como requisito para 
ingresso na magistratura. 
 
- Súmula vinculante: artigos 103- A da CF: 
- Outro produto da reforma do Judiciário: EC 45/04; 
- Enunciados uniformizantes sobre matérias reiteradamente decididas há tempos 
	 72	
freqüentam o ambiente jurídico. 
- Com a EC 45: Efeito vinculante. 
- Razoável duração dos processos, celeridade, segurança jurídica, isonomia. 
 
- Modelos do direito para efeito da súmula vinculante: 
a) Modelo do direito codificado continental (civil law): Brasil: Atende ao 
pensamento abstrato, que tenta obter normas gerais organizadoras; 
 
b) Modelo do precedente judicial anglo saxão (common law): Sistema 
judicialista: EUA: Obedece a um raciocínio mais concreto, preocupando-se em 
resolver o caso particular. Está centrado na primazia da decisão judicial. 
- precedente judicial (stare decisis). 
- Mesmo aqui ele é um orientador do próximo caso concreto. 
 
- Súmula vinculante X outras súmulas: 
a) persuasiva: orientação 
b) súmula impeditiva de recurso: Apelação: requisito: a sentença não estar em 
conformidade com súmula do STJ ou STF: artigo 518, parágrafo primeiro do CPC; 
c) súmula de repercussão geral: RE: artigo 543-A, § 7º: impedimento do RE se não 
houver repercussão geral. 
d) súmula vinculante. 
 
- Requisitos das súmulas vinculantes: Artigo 103-A da CF: 
- O STF de ofício/provocação: pode editar/rever/cancelar súmula: 
a) 2/3 de seus membros: 8 dos 11 ministros; 
b) Verse sobre matéria constitucional reiteradamente decidida; 
c) Existência de controvérsia atual entre órgãos do judiciário ou entre estes e 
a administração pública que cause grave insegurança jurídica; 
d) Relevante multiplicação de processos sobre questões idênticas 
 
 
	 73	
- Competência: 
- STF (edição, revisão e cancelamento). 
 
- Objeto da Súmula: 
- validade, interpretação e a eficácia de normas determinadas (controvérsia atual, 
causadora de grave insegurança jurídica e multiplicadora de processos): § 1º, do 
artigo 103-A da CF. 
 
- Legitimados: edição, revisão e cancelamento de enunciado: 
- Ofício pelo STF. 
- Provocação: artigo 103-A, § 2º da CF. 
- Legitimados: ADI: Art. 103 da CF: PR, mesa do SF, mesa da CD, PGR, CFOAB, 
partido político com representação no CN, confederação sindical ou entidade de 
classe no âmbito nacional, mesa da AL, Governador. 
- Além disso, podem propor a edição, revisão e o cancelamento de súmula: DPU, 
T. Superiores, TJ dos Estados/DF/Territórios, os TRF, TRT, TRE e TM. (legitimados 
autônomos): Lei 11.417/2006. 
- Também: Municípios: legitimados incidentais: Só no curso de processos em que 
sejam parte o que não autoriza a suspensão do processo. 
 
- Procedimento: 
- CF, Regimento interno e Lei 4.717/2006. 
- Rito próprio: não se admite o rito do RE, ADI, ADPF. 
- Nada impede que a proposição seja a partir de certo julgamento. 
- Adequação formal é feita pelo Presidente do STF. 
- Se presentes os requisitos: publica edital para ciência dos interessados e 
manifestação. 
- PGR 
- Pleno: 2/3 dos membros: 8 dos 11 Ministros. 
- Não autoriza a suspensão dos processos em que se discute a questão. 
 
	 74	
- Efeitos: 
- A partir da publicação. 
- Vinculante: Judiciário e administração direta e indireta: todas as esferas. 
- Poder legislativo? Fossilização da CF. (só função atípica). 
- O artigo 4º da Lei 11.417/2006: STF por decisão de 2/3 de seus membros poderá 
restringir os efeitos vinculantes ou decidir que só tenha eficácia a partir de outro 
momento: razões de segurança jurídica ou excepcional interesse público. 
 
- Reclamação: 
- Do ato administrativo ou decisão judicial que contrariar a súmula aplicável ou que 
indevidamente a aplicar caberá reclamação ao STF que julgando procedente: 
a) anulará o ato administrativo 
b) ou cassará a decisão judicial reclamada e determinará que outra seja proferida 
em seu lugar. 
 
 
Plano de aula 14: Poder Judiciário: Estatuto da 
Magistratura e Garantias: 
 
Resumo: 
 
 
- Art. 93 da CF: Lei complementar Federal de iniciativa do STF disporá sobre o 
Estatuto da Magistratura observados os princípios previstos na CF: 
- Lei Complementar nº 35/1979: recepcionada pela CF de 1988. 
 
- Princípios Constitucionais estatutários da Magistratura: 
- Artigo 93, I a XV da CF: 
 
1)Ingresso na carreira: (93, I da CF): 
- Cargo inicial de juiz substituto, 
- concurso de provas e títulos com a participação da OAB em todas as fases, 
	 75	
- bacharel: no mínimo 3 anos de atividade jurídica. 
- contados