A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
QUESTIONÁRIO UNIDADE III  METODOLOGIA E PRÁTICA DO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA

Pré-visualização | Página 1 de 3

QUESTIONÁRIO UNIDADE III METODOLOGIA E PRÁTICA DO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA
Pergunta 1
0,4 em 0,4 pontos
	
	
	
	É imprescindível que saibamos que os erros dos alunos nos revelam informações sobre o que eles sabem e o que precisam saber, bem como sobre o que devemos ou podemos fazer para que eles ampliem seu conhecimento sobre o assunto tratado. Entretanto, nem sempre devemos julgar o momento em que nos deparamos com o erro do aluno ou em que o vemos cometer um equívoco como sendo o certo para corrigi-lo. Há fatores essenciais que precisam ser considerados nesse processo. Isto quer dizer que o professor:
	
		Resposta Selecionada:
	d. precisa compreender que o aluno constrói o seu conhecimento e, portanto, não deve interferir nesse processo.
	Respostas:
	a. precisa observar se o aluno já errou mais de uma vez no mesmo item, pois na primeira vez não se corrige.
	
	b. deve considerar que quando o aluno reproduz um modelo não sairá exatamente igual ao que o professor expôs.
	
	c. cessita compreender o que sabe o seu aluno e se uma correção naquele momento o levará para além do que já sabe, ampliando o seu conhecimento.
	
	d. precisa compreender que o aluno constrói o seu conhecimento e, portanto, não deve interferir nesse processo.
	
	e.deve preparar uma série de atividades extras para que o aluno possa reforçá-las em casa, evitando que cometa o mesmo erro novamente.
	Feedback da resposta:
	Resposta correta: alternativa D. 
Comentário: Por ser muito complexo o processo de leitura e de escrita, há muitas correções possíveis quando o aluno escreve. Entretanto, o professor deve refrear a sua ansiedade na tentativa de compreender se o aluno terá condições de refletir sobre o aspecto a respeito do qual se equivocou e reelaborar o seu modo de pensar sobre o assunto.
Pergunta 2
0,4 em 0,4 pontos
	
	
	
	“Para tornar os alunos bons leitores – com o objetivo desenvolver, muito mais do que a capacidade de ler, o gosto e o compromisso com a leitura –, a escola terá de mobilizá-los internamente, pois aprender a ler (e também ler para aprender) requer esforço. Precisará fazê-los achar que a leitura é algo interessante e desafiador, algo que, conquistado plenamente, dará autonomia e independência.
Precisará torná-los confiantes, condição para poderem se desafiar a 'aprender fazendo'. Uma prática de leitura que não desperte e cultive o desejo de ler, não é uma prática pedagógica eficiente.” (BRASIL, PCN, 1997, p. 38).
Essas orientações para a formação de um bom leitor revelam que...
	
		Resposta Selecionada:
	c.a escola precisa encontrar meios favoráveis para o desenvolvimento da competência leitora, contribuindo com a adoção de práticas educativas que potencializem essa formação.
	Respostas:
	a.o professor precisa, necessariamente, cobrar do aluno o esforço da leitura, pois se ele não se empenhar não chegará a tornar-se um bom leitor.
	
	b.a escola deve fiscalizar a atuação de seus professores com vistas a garantir que eles estejam formando leitores competentes, já que ela será responsabilizada por isso.
	
	c.a escola precisa encontrar meios favoráveis para o desenvolvimento da competência leitora, contribuindo com a adoção de práticas educativas que potencializem essa formação.
	
	d.o aluno necessita assumir sua responsabilidade diante do ato de ler, pois na maioria dos casos não desenvolve a competência leitora porque não se esforça para que isso aconteça.
	
	e.a família deve envolver-se com as práticas de leitura promovidas pela escola, pois de nada adianta desenvolver um bom trabalho na instituição se a família não dá continuidade em casa.
	Feedback da resposta:
	Resposta correta: alternativa C. 
Comentário: É de responsabilidade da escola (diretores, coordenadores, professores e demais componentes) garantir os meios favoráveis para o desenvolvimento da competência leitora, sejam eles relacionados ao espaço físico (biblioteca, sala de leitura ou outros locais existentes na escola, como o pátio, o bosque etc.), à disponibilidade dos materiais (livros, revistas, gibis, jornais) ou ao investimento na formação do professor (na própria escola – nas reuniões pedagógicas – ou em outras instituições). É, na verdade, um conjunto de medidas viabilizadas coletivamente que potencializará a formação do aluno para a leitura competente.
Pergunta 3
0,4 em 0,4 pontos
	
	
	
	Entre as estratégias de leitura mais utilizadas pelo leitor competente encontra-se a inferência. Por meio dela ampliamos nossa compreensão do texto de forma significativa. Sua principal característica é a de permitir ler e compreender para além daquilo que foi escrito. Assim, para fazer uso dessa estratégia de leitura o aluno deve...
	
		Resposta Selecionada:
	e.ser envolvido em práticas de leitura que propiciem a mobilização de saberes sobre o material que está sendo lido e provoquem reflexões acerca do assunto/tema.
	Respostas:
	a.aprender antes outras estratégias, pois aquela é a mais complexa de todas e poderá gerar confusão se misturada com as demais.
	
	b. ter desenvolvido autonomia como leitor para que seja possível explorar o texto para além do que foi escrito.
	
	c. gostar do que está lendo, caso contrário não se deterá nos detalhes do texto para a realização de qualquer tipo de inferência.
	
	d.er maturidade suficiente para compreender as minúcias do texto, o que ocorre somente com a sua entrada no Ensino Fundamental.
	
	e.ser envolvido em práticas de leitura que propiciem a mobilização de saberes sobre o material que está sendo lido e provoquem reflexões acerca do assunto/tema.
	Feedback da resposta:
	Resposta correta: alternativa E. 
Comentário: Quando estiver envolto em práticas de leitura mediadas por um leitor mais experiente, como deve ser o professor, o aluno será desafiado a pensar sobre o assunto, o enredo, estabelecendo relações entre fatos e informações, o que lhe possibilitará ir além do que está escrito e realizar inferências justificadas pelo texto, compreendendo, por exemplo, situações de ironia.
Pergunta 4
0,4 em 0,4 pontos
	
	
	
	Estabelecemos uma interação direta com cada texto que lemos. Isso quer dizer que aquilo em que acreditamos, nossas expectativas, as experiências individuais, tudo se relaciona com o texto no momento da leitura. Desse modo, é preciso um cuidado constante para não perder de vista o fato de que a leitura....
	
		Resposta Selecionada:
	b.não deve ter uma interpretação única, válida para todos, mas deve ser compartilhada por meio de discussões e reflexões sobre o texto lido.
	Respostas:
	a.não pode ter uma interpretação pessoal, caso contrário seria passível de múltiplas interpretações, o que tornaria inviável a sua realização.
	
	b.não deve ter uma interpretação única, válida para todos, mas deve ser compartilhada por meio de discussões e reflexões sobre o texto lido.
	
	c.precisa aceitar qualquer tipo de interpretação, fundamentada no texto ou não, bastando para isso que o aluno alegue motivos pessoais.
	
	d.deve ser apresentada sem qualquer interferência do professor, minimizando as possíveis indicações do que ele pensa a respeito do tema.
	
	e.será significativa na medida em que estiver relacionada às experiências anteriores do aluno, caso contrário todo o trabalho será inútil.
	Feedback da resposta:
	Resposta correta: alternativa B. 
Comentário: A compreensão do aluno sobre o material lido é ampliada por meio de discussões. É por meio dessa prática que ele pode avançar na sua relação com o texto, pois à medida que ouve o que pensam seus colegas e o professor a respeito do texto, ele estabelece outras relações e vivencia outras possibilidades que vão além daquelas que ele seria capaz de realizar por si próprio.
Pergunta 5
0,4 em 0,4 pontos
	
	
	
	Já sabemos que não realizamos uma leitura de modo passivo, mas interagimos com o material escrito. Nesse processo, a "verificação", como estratégia

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.