A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
53 pág.
Arquitetura Hospitalar

Pré-visualização | Página 3 de 19

Saúde.
 
 
 
2.
Municipalização.
Regionalização.
Descentralização.
Nacionalização.
Hierarquização.
 
 
 
3.
bairros sanitários.
regiões sanitárias.
distritos sanitários.
metrópoles sanitárias.
guetos sanitários.
 
 
 
4.
um conceito que estabelece ações para o atendimento primário da saúde baseado na premissa de que o homem mora na
zona urbana ou rural do município e não no estado ou país.
a responsabilidade que cada tipo de unidade de saúde que compõe a rede de serviços tem para com a população.
o estudo minucioso das atividades e dos recursos envolvidos na operacionalização do programa arquitetônico que quantificam
e qualificam os ambientes das atividades de saúde.
a subdivisão da cidade em áreas homogêneas pela saúde pública tendo em vista as características do território e da
população que nele está inserida.
a gestão dos recursos necessários para a prestação dos serviços de saúde em relação ao planejamento, execução e
acompanhamento da rede de serviços, que deve ser feita pelo nível local onde esta se insere.
 
 
 
5.
que a rede regional receba investimentos para o seu aparelhamento no atendimento de ações básicas de saúde, evitando a
transferência de pacientes que não estejam em grau complexo de enfermidade para as sedes municipais, ocasionado assim a
A responsabilidade que cada tipo de unidade de saúde que compõe a rede de serviços tem para com a população é um conceito de:
A subdivisão da cidade em áreas homogêneas pela saúde pública tendo em vista as características do território e da população que
nele está inserida é um conceito de:
De acordo com a Lei 8080/90, aos Estados compete:
sobrecarga da rede municipal.
que a rede federal receba investimentos para o seu aparelhamento no atendimento de ações básicas de saúde, evitando a
transferência de pacientes em qualquer grau de enfermidade para as sedes regionais, ocasionando assim a sobrecarga da
rede estadual.
que a rede municipal receba investimentos para o seu aparelhamento no atendimento de ações básicas de saúde, evitando a
transferência de pacientes que não estejam em grau complexo de enfermidade para as sedes regionais, ocasionando assim a
sobrecarga da rede estadual.
que a rede estadual receba investimentos para o seu aparelhamento no atendimento de ações básicas de saúde, facilitando a
interrelação das sedes municipais e estaduais na transferência de pacientes que estejam em baixo grau de enfermidade,
evitando assim a sobrecarga da rede federal.
que a rede do SUS receba investimentos para o seu aparelhamento no atendimento de ações básicas de saúde, facilitando a
transferência de pacientes em qualquer grau de enfermidade para todo o território nacional, evitando assim a sobrecarga da
rede municipal.
 
 
 
6.
Descentralização.
Hierarquização.
Competência.
Regionalização.
Municipalização.
 
 
 
7.
Descentralização.
Regionalização.
Competência.
Municipalização.
Hierarquização.
 
 
 
8.
planejar, programar e organizar a rede regionalizada e hierarquizada do SUS em articulação com a direção nacional.
formular políticas e normas, coordenar e avaliar sua implantação em articulação com os demais órgãos governamentais e
promover a descentralização para as Unidades Federadas e Municípios dos serviços e ações de saúde.
formular, executar e acompanhar normas e padrões de funcionamento em caráter privativo.
fiscalizar as ações e serviços de saúde em caráter exclusivo e promover articulação com os órgãos de fiscalização federais.
a descentralização dos serviços e ações de saúde para os Municípios, controlar e avaliar as redes hierarquizadas do SUS e
formular, executar e acompanhar normas e padrões de funcionamento em caráter suplementar.
1a Questão
Fiscalizar as ações e serviços de saúde, elaborar normas técnicas, promover articulação com os órgãos de fiscalização e controlar e
fiscalizar ações inerentes ao poder de polícia sanitária é uma competência:
 comum, da União, Estados, DF e Municípios
 privativa da União
da União e dos Estados
exclusiva da União
comum, dos Estados, DF e Municípios
 
 
Explicação:
Todas as esferas tem na legislação em vigor deverem relacionados a estas competências
 
 
 
 2a Questão
A descentralização dos serviços e ações de saúde para os Municípios, controlar e avaliar as redes hierarquizadas do SUS e formular,
executar e acompanhar normas e padrões de funcionamento em caráter suplementar é uma competência:
De acordo com a lei 8080, dos Municípios.
De acordo com a lei 8112, dos Municípios.
 De acordo com a lei 8666, da União.
 De acordo com a lei 8080, dos Estados.
De acordo com a lei 8112, da União.
 
 
 
 3a Questão
A gestão dos recursos necessários para a prestação dos serviços de saúde em relação ao planejamento, execução e acompanhamento da
rede de serviços, que deve ser feita pelo nível local onde esta se insere é um conceito de:
Hierarquização.
 Descentralização.
 Regionalização.
Municipalização.
Competência.
 
 
 
 4a Questão
Entende-se por Descentralização:
a subdivisão da cidade em áreas homogêneas pela saúde pública tendo em vista as características do território e da população
que nele está inserida.
 os níveis de atendimento à saúde que levam em consideração os aspectos epidemiológicos, econômicos e culturais em âmbito
estadual, que servem de base para organização territorial do SUS.
as ações para o atendimento primário da saúde baseado na premissa de que o homem mora na zona urbana ou rural do
município.
 a gestão dos recursos necessários para a prestação dos serviços de saúde em relação ao planejamento, execução e
acompanhamento da rede de serviços, que deve ser feita pelo nível local onde esta se insere.
a responsabilidade que cada tipo de unidade de saúde que compõe a rede de serviços tem para com a população.
 
 
 
 5a Questão
A responsabilidade que cada tipo de unidade de saúde que compõe a rede de serviços tem para com a população é um conceito de:
Municipalização.
 Hierarquização.
 Regionalização.
Competência.
Descentralização.
 
 
 
 6a Questão
A subdivisão da cidade em áreas homogêneas pela saúde pública tendo em vista as características do território e da população que nele
está inserida é um conceito de:
Competência.
 Regionalização.
 Hierarquização.
Municipalização.
Descentralização.
 
 
 
 7a Questão
De acordo com a Lei 8080/90, aos Estados compete:
planejar, programar e organizar a rede regionalizada e hierarquizada do SUS em articulação com a direção nacional.
 fiscalizar as ações e serviços de saúde em caráter exclusivo e promover articulação com os órgãos de fiscalização federais.
formular, executar e acompanhar normas e padrões de funcionamento em caráter privativo.
formular políticas e normas, coordenar e avaliar sua implantação em articulação com os demais órgãos governamentais e
promover a descentralização para as Unidades Federadas e Municípios dos serviços e ações de saúde.
 a descentralização dos serviços e ações de saúde para os Municípios, controlar e avaliar as redes hierarquizadas do SUS e
formular, executar e acompanhar normas e padrões de funcionamento em caráter suplementar.
 
 
 
 8a Questão
O conceito de Municipalização, inspirado na Conferência de Alma Ata, na antiga União Soviética, tem como objetivo:
que a rede do SUS receba investimentos para o seu aparelhamento no atendimento de ações básicas de saúde, facilitando a
transferência de pacientes em qualquer grau de enfermidade para todo o território nacional, evitando assim a sobrecarga da rede
municipal.
 que a rede municipal receba investimentos para o seu aparelhamento no atendimento de ações básicas de saúde, evitando a
transferência de pacientes que não estejam em grau complexo de enfermidade para as sedes regionais,

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.