Resumo Capitulo 1 - Administração da Produção – SLACK, N., CHAMBERS, S., JOHNSTON, R.
8 pág.

Resumo Capitulo 1 - Administração da Produção – SLACK, N., CHAMBERS, S., JOHNSTON, R.


DisciplinaGestão de Produção4.445 materiais20.172 seguidores
Pré-visualização2 páginas
CAMPUS SÃO JOÃO DA BOA VISTA 
 
 
 
 
 
 
 
 
Resumo do Capítulo 1 do livro: 
\u201cAdministração da Produção \u2013 SLACK, N., CHAMBERS, S., 
JOHNSTON, R.\u201d 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
ALUNO: Gilberto Vicente Prandi 
PROFESSOR: Roberto Nunes Duarte 
 
 
 
18 DE FEVEREIRO DE 2018. 
Resumo do Capítulo 1 do livro: 
\u201cAdministração da Produção \u2013 SLACK, N., CHAMBERS, S., 
JOHNSTON, R.\u201d 
 
 
A atividade relativa ao gerenciamento dos recursos destinados a produção e 
disponibilização de bens e serviços, é segundo os autores, a chamada Administração da 
produção. A ela, é atribuído o conceito de função da produção. Essa função, que segundo 
os autores está presente em toda e qualquer organização, está ligado diretamente a aquilo 
ou aqueles que desempenham a realização dessas atividades. Essa pessoa pode receber 
alguns nomes característicos de acordo com o autor, sendo eles: \u201cGerente de produção\u201d, 
\u201cGerente administrativo\u201d, \u201cGerente de tráfego\u201d ou ainda \u201cGerente de loja\u201d. 
A organização citada no parágrafo anterior, tem algumas funções centrais, contudo 
não únicas e são elas: 
 
Função Marketing: tem como principal objetivo a apresentação dos produtos e 
serviços desempenhados pela empresa ao mercado consumidor. 
Função Desenvolvimento de Produtos/Serviços: tem como objetivo principal 
criar novos produtos ou ainda serviços, bem como os modificá-los. 
Função Produção: Responsável por meio da produção e entrega de bens, atender 
ao consumidor final. Tem como sub funções: 
Função Contábil-financeira: tem por objetivo principal apoiar nas 
funções relacionadas a área financeira voltada a produção. 
Função Recursos Humanos: tem por objetivo recrutar e capacitar os 
funcionários para suas funções na produção. 
 
Dentro de uma empresa, seja quaisquer suas finalidades, se faz a produção e 
serviços, os denominados (Outputs), por meio de recursos e matérias primas de entrada 
denominadas (Inputs). Esses são efetuados tendo como base os dados de produto/serviço 
solicitados por um setor/cliente interno ou externo. 
Os inputs, contudo, podem ser divididos em dois tipos principais baseados na 
sua utilização, são eles: 
 
Recursos Transformados: São a base que ao ser transformada, irá se tornar o 
produto final solicitados, podem ser ainda informações ou consumidores, no caso 
de serviços. 
Recursos de Transformação: Esses recursos, atuam sobre os recursos que viram 
a se tornar os recursos transformados, podem ser classificados ainda como: 
Instalações: Prédio, instalações, área de cultivo, terreno e ou tecnologia de 
processo empregado a produção. 
Funcionários: Todos aqueles envolvidos diretamente ou não a produção do 
bem ou serviço. 
 
Segundo os autores, os processos existem basicamente para produzir produtos e 
serviços, apesar das diferenças existentes entre eles. A principal diferença e a menos sútil 
delas, é a materialidade dos produtos, não existentes em todos os serviços. Outra diferença 
segundo o autor se dá nas questões financeiras e de estoque. Contudo, apesar das 
diferenças, normalmente o output final de uma empresa ou grupo é uma mistura entre 
serviços e produtos. 
A administração da produção é importante para toda a organização, uma vez que 
há necessário o gerenciamento entre marketing, desenvolvimento e produção. Essa 
produção, no entanto, pode ainda ser distinguida entre produção de função e produção de 
atividade. No primeiro caso, fala-se na produção de bens, enquanto a segunda destina-se 
para serviços. 
É necessário entender ainda, que alguns aspectos podem diferir as operações de 
transformação de um input a um output. Entre elas temos o volume, relacionado ao grau 
de repetição de tarefas. A variedade, diretamente relacionada com a maior ou menor 
flexibilização da variedade final. A variação está ligada a um outro conceito importante, 
a flexibilidade no nível de produção. E por fim, a visibilidade, esse conceito mensura a 
presença de um consumidor final ao processo produtivo. 
Os gerentes de produção têm responsabilidades nas atividades da organização, 
sendo elas no projeto de produtos e ou serviços, no processo da produção ou no 
entendimento dos objetivos estratégicos voltados ao planejamento, produção e qualidade. 
Esses gerentes têm ainda responsabilidade na melhoria do desempenho do 
processo, seja na relação entre funcionário/função, ou ainda sobre o maquinário. Também 
sobre a organização da produção, voltando-se sempre para as interações entre a função 
da produção e demais funções atreladas. 
A responsabilidade social e ambiental, a consciência tecnológica e a gestão de 
conhecimento são também atribuídas ao gerente. 
Finaliza-se por dizer e relembrar da importância do trabalho harmônico dentro 
de outras partes da organização, é essa uma das principais funções e de maior 
responsabilidade atrelada ao gerente e a administração da produção como um todo. 
 
 
CAMPUS SÃO JOÃO DA BOA VISTA 
 
 
 
 
 
 
 
 
Exercícios referentes ao Capítulo 1 do livro: 
\u201cAdministração da Produção \u2013 SLACK, N., CHAMBERS, S., 
JOHNSTON, R.\u201d 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
ALUNO: Gilberto Vicente Prandi 
PROFESSOR: Roberto Nunes Duarte 
 
 
 
18 DE FEVEREIRO DE 2018. 
Questão 1: 
R: Os processos de transformação dos gerentes de produção do porto são a 
administração da entrada e saída de produtos e veículos (transporte marítimo) e o 
transporte dos produtos de um veículo para o outro que é realizado dentro do porto. 
 
Questão 2: 
 
a) R: 
Bens \u2013 Aviões 
Serviços \u2013 Transporte de pessoas, importação e exportação de cargas e 
manutenção e revisão. 
 
b) 
Bens \u2013 A venda dos produtos oferecidos pela loja 
Serviços \u2013 Condições de pagamento, desconto em produtos e promoções 
 
c) R: 
Bens \u2013 Solicitação de entregas 
Serviços \u2013 Modo de distribuição para venda, concessionárias, garantias no 
momento da venda, promoções e serviços oferecidos pós venda. 
 
d) R: 
Bens \u2013 Os hotéis dessa rede que estão espalhados em diversas localidades 
Serviços \u2013 Serviços de hospedagem e seus afins, descontos e promoções 
oferecidos aos clientes. 
 
Questão 3: 
R: As macro operações referem-se às produções principais de uma empresa, 
enquanto as micro operações estão ligadas às produções menores, que alimentam e 
sustentam as macro operações. 
 
Questão 4: 
R: 
Gerente Entrevistado: Rodrigo Bernardes. 
Funções de marketing: Sempre tento divulgar o trabalho feito pela produção por 
meio do site da empresa. 
Funções de finança: A área que gerencio tem um valor mensal de carteira, e 
através de um controle de PCP, tento sempre manter o caixa acima desse valor. E somente 
quando estou no azul faço investimentos. 
Funções Recursos Humanos: São o mais importante dessa produção, somente 
com o bem estar dos meus funcionários, e estando eles com conhecimento geral sobre o 
processo, sou capaz de operar uma boa produção. 
Funções de Compras e organização: Como já dito, trabalho sempre baseado na 
carteira do setor e gerencio isso também com auxilio do PCP. 
 
Questão 5: 
R: 
Cliente Externo: Também conhecidos como clientes finais; são os que mantém 
financeiramente a organização, adquirindo produtos ou serviços; 
Cliente Interno: Podem ser o Diretor, Gerente, Chefe ou Colega de Trabalho, 
além de outras áreas da empresa, São as pessoas a quem direcionamos os serviços ou que 
recebe algum tipo de produto, necessário a realização do trabalho. 
 
Questão 6: 
R: 
 
Vantagens: 
É possível adquirir selos de qualidade como a ISSO 9001; 
Você estará melhorando o ambiente dos seus