Tese_Leonardo_Parentoni_INTEGRAL pdf redesconsideração
203 pág.

Tese_Leonardo_Parentoni_INTEGRAL pdf redesconsideração


DisciplinaDireito Empresarial I16.365 materiais87.288 seguidores
Pré-visualização50 páginas
LEONARDO NETTO PARENTONI 
 
 
 
RECONSIDERAÇÃO DA PERSONALIDADE JURÍDICA 
Estudo dogmático sobre a aplicação abusiva da disregard 
doctrine com análise empírica da jurisprudência brasileira 
 
 
 
 
 
Tese de Doutorado apresentada ao 
Departamento de Direito Comercial 
 
 
 
 
 
Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo 
São Paulo, Outubro de 2012 
 2 
 
 
UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO - USP 
FACULDADE DE DIREITO 
 
 
RECONSIDERAÇÃO DA PERSONALIDADE JURÍDICA 
Estudo dogmático sobre a aplicação abusiva da disregard 
doctrine com análise empírica da jurisprudência brasileira 
 
 
Tese de Doutorado elaborada nos moldes das 
Resoluções USP \u2013 FD/Pós nº 01/2002 e 
CPG \u2013 FDUSP nº 01/2011. 
 
 
 
Orientador: Prof. Titular Dr. Newton De Lucca 
 
Autor: Leonardo Netto Parentoni 
 
 
São Paulo - SP 
Outubro de 2012 
 3 
Banca Examinadora: 
 
 
Prof. Titular Dr. Newton De Lucca 
______________________________________________________ 
 
Profª. Titular Dra. Paula Andréa Forgioni 
______________________________________________________ 
 
Profª. Titular Dra. Teresa Ancona Lopez 
______________________________________________________ 
 
Prof. Titular Dr. Alfredo de Assis Gonçalves Neto 
______________________________________________________ 
 
Prof. Titular Dr. Osmar Brina Corrêa Lima 
______________________________________________________ 
 
 4 
AGRADECIMENTOS 
 
 
Um trabalho com a envergadura de uma tese de doutorado perante a 
tradicionalíssima Faculdade de Direito do Largo de São Francisco jamais seria possível 
sem a decisiva contribuição de inúmeras pessoas. Por isso, peço vênia ao leitor para 
realizar agradecimentos mais extensos do que o usual, pois é meu dever externar gratidão 
àqueles que participaram desta caminhada. 
Em primeiro lugar, agradeço a Raquel, minha esposa, quem mais de perto 
acompanhou todos os momentos desta trajetória, sempre com inesgotável repositório de 
amor, serenidade, paciência, compreensão e apoio, sobretudo quando me deparei com 
alguns obstáculos aparentemente intransponíveis. Sem ela, nada disto seria possível. Na 
verdade, nada teria valido a pena... 
A meus pais, José Sidney e Orminda, argamassa do meu caráter, alicerce da 
minha vida e bússola dos meus caminhos, não tenho palavras suficientes para agradecer. 
Ao Professor Dr. Newton De Lucca, exemplo de ética e dignidade profissional. 
Ao Professor Dr. Osmar Brina Corrêa Lima, por ter plantado em mim a 
semente do Direito Comercial. 
Ao Gustavo Oliva Galizzi, amigo e confidente, minha gratidão por revisar 
minuciosamente os originais, apoiando-me nos momentos de desânimo e apontando falhas 
que teimavam em passar despercebidas. Igualmente a Marcelo Andrade Fères, pelo 
diuturno incentivo. 
Não posso deixar de mencionar, também, Renato Leite e Cecília Tanaka, 
colegas da USP que entraram na sala de aula como desconhecidos, em nosso primeiro dia 
de curso, e que desde então se tornaram parte importante dessa jornada, de tal forma que é 
impossível ir a São Paulo e não se lembrar deles. 
Menciono também os advogados que auxiliaram na pesquisa de jurimetria, 
quer com sugestões quer na seleção prévia dos acórdãos: Daniel Alexandre Portilho 
Jardim, Sharla de Almeida Franco Jardim, Caio Cesar Neves da Silva, Victor Cretella, 
Mayra Rodrigues Gualberto, Cristina Dornelles, Fernanda Sena, Fábio Nori, Marina 
Marinho, Wallace Almeida de Freitas, Fernanda de Fátima Borges e, finalmente, Francisco 
Horta. 
 5 
Compartilho esse momento feliz também com Luana Pereira e os raros colegas 
da AGU que se dispuseram a me ajudar, compreendendo que magistério e vida profissional 
não são caminhos antagônicos. 
Esses extensos agradecimentos jamais poderiam omitir os professores da 
tradicionalíssima Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, exemplos de dedicação 
e seriedade no trato da vida acadêmica, com os quais aprendi como nunca, especialmente à 
Dra. Paula Andrea Forgioni. 
 6 
SUMÁRIO 
 
 
INTRODUÇÃO 
 
I \u2013 Apresentação da Tese. ................................................................................................ 13 
II \u2013 Originalidade da Tese. .............................................................................................. 15 
III \u2013 Estrutura do Texto. .................................................................................................. 19 
 
 CAPÍTULO I 
LIMITAÇÃO DE RESPONSABILIDADE DOS SÓCIOS, SOCIEDADE E 
PERSONALIDADE JURÍDICA: ALGUMAS DISTINÇÕES 
 
1.1 \u2013 Sucinta explanação histórica ................................................................................... 22 
1.2 \u2013 Patrimônio, Limitação de Responsabilidade dos Sócios, Sociedade e Personalidade 
Jurídica............................................................................................................................ 27 
1.3 \u2013 Função prática da limitação de responsabilidade dos sócios e sua importância nas 
sociedades limitada, anônima e na empresa individual. .................................................... 32 
 
CAPÍTULO II 
A DESCONSIDERAÇÃO CLÁSSICA 
 
2.1 \u2013 Introdução. ............................................................................................................. 40 
2.2 \u2013 Conceito e Efeito. ................................................................................................... 41 
2.3 \u2013 Nomenclatura ......................................................................................................... 49 
2.4 \u2013 Pressupostos ........................................................................................................... 52 
2.5 \u2013 Limites subjetivos e objetivos ................................................................................. 62 
2.6 \u2013 Reserva de jurisdição, procedimento arbitral e desconsideração ex officio ............... 71 
2.7 \u2013 Desconsideração direta e inversa. ............................................................................ 76 
 
 CAPÍTULO III 
ANÁLISE EMPÍRICA DA DESCONSIDERAÇÃO DA PERSONALIDADE 
JURÍDICA NA JURISPRUDÊNCIA BRASILEIRA 
 
3.1 \u2013 Introdução. ............................................................................................................. 81 
3.2 \u2013 Sinopse Histórico-jurisprudencial ........................................................................... 85 
3.3 \u2013 Metodologia. .......................................................................................................... 86 
3.4 \u2013 Resultados Panorâmicos ......................................................................................... 92 
 
CAPÍTULO IV 
CONCLUSÕES EXTRAÍDAS DO COTEJO ENTRE A DESCONSIDERAÇÃO 
CLÁSSICA E A PESQUISA EMPÍRICA DE JURISPRUDÊNCIA 
 
4.1 \u2013 Análise Econômica do Direito: breves notas. ........................................................ 103 
4.2 \u2013 AED aplicada à desconsideração da personalidade jurídica ................................... 107 
4.3 \u2013 Relações jurídicas com e sem presunção legal de vulnerabilidade; o status 
privilegiado conferido à tutela de determinados bens jurídicos....................................... 115 
 7 
4.4 \u2013 Caráter subsidiário da desconsideração e responsabilidade dos administradores que 
não integram o quadro societário ................................................................................... 127 
4.5 \u2013 Indefinição normativa quanto ao capital social mínimo no Brasil e transferência 
ilícita de riscos: estímulo subliminar à desconsideração da personalidade jurídica. ........ 133 
4.6 \u2013 O (des)respeito aos postulados fundamentais do Processo Civil ............................ 139 
 
CAPÍTULO V 
DA DESCONSIDERAÇÃO CLÁSSICA