Resumo Vibraçoes
10 pág.

Resumo Vibraçoes


DisciplinaVibrações Mecânicas838 materiais9.762 seguidores
Pré-visualização2 páginas
CENTRO UNIVERSITÁRIO GERALDO DI BIASE
FUNDAÇÃO EDUCACIONAL ROSEMAR PIMENTEL
INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA
ENGENHARIA MECÂNICA
VIBRAÇÕES MECÂNICAS
Guilherme Dias Machado
Atila de Oliveira
VOLTA REDONDA/RJ
2018
Guilherme Dias Machado
Atila de Oliveira
VIBRAÇÕES MECÂNICAS
Trabalho apresentado ao professor 
Luiz Ribeiro Junior como parte dos
 requisitos necessários para a avaliação
 semestral.
Volta Redonda/RJ
2018
INTRODUÇÃO
É de fundamental importância, que a Vibração Mecânica envolve a maioria das atividades humanas, pois ela está presente no nosso dia à dia, como por exemplo, na respiração que associa com a vibração pulmonar, nas industrias com as vibrações de motores causando inúmeros problemas de desbalanceamento, vibrações da asas de um avião causada pelas turbinas. Além disso a vibração causa um desgaste prematuro de um material, como dito anteriormente, na área industrial.
Por outro lado, a vibração pode também ser usado a nosso favor, como em maquinas lavar, peneiras, relógios, esteiras transportadoras e em análises de abalos para prever alguns graus de tremores.
A vibração não foi uma descoberta, ela já está presente antes mesmos da evolução da humanidade, mas o aprofundamentos e estudos associados a elas vem se desenvolvendo à séculos, até aprofundar no que chamamos hoje de Vibrações Mecânicas.
VIBRAÇÕES MECÂNICAS
O conceito de Vibrações mecânicas é simples, ela é o movimento de uma partícula ou corpo que oscila em tordo de uma posição de equilíbrio, resumindo, é quando um sistema é deslocado da sua posição de equilíbrio estável.
Dentre as vibrações existem o que podemos chamar de classificações das vibrações que são as:
Vibrações Livres: São as que ocorrem sem um fator externo durante o movimento.
Vibração Forçada: É quando uma energia externa é fornecida ao sistema durante as vibrações.
Vibrações Amortecidas: É quando a energia é perdida.
Vibrações Não Amortecidas: É quando a energia não se dissipa. 
E os conhecimentos das forças, que são:
Vibração determinística: Acontece quando o valor da excitação, colocada no sistema é conhecida em qualquer período. 
Vibração aleatória: São as que não podem ser previstas, os seus valores não são conhecidos. Como por exemplo um terremoto ou a velocidade do vento. 
As Vibrações é um conteúdo muito complexo, em breve resumo vamos mostrar por fim o que é o Graus de Liberdade. Em definição Graus de Liberdade ''Número mínimo de coordenadas independentes requerida para determinar completamente as posições de todas as partes de um sistema a qualquer instante''.
Causas mais comuns de vibração em máquinas
A vibração pode resultar de uma série de condições, individualmente ou combinadas. É importante recordar que os problemas com vibrações podem ser causados por equipamento auxiliar, e não apenas pelo equipamento principal. Estas são, então, algumas das principais causas da vibração:
\u2013 Desequilíbrio \u2013 Um ponto de desequilíbrio num componente rotativo causa vibração quando o peso desequilibrado roda à volta do eixo da máquina, criando uma força centrífuga. O desequilíbrio pode ser causado por defeitos de fabrico (erros de desenho, falhas de desempenho), ou estar relacionado com a manutenção (pás do ventilador deformadas ou sujas, falta de pesos de equilíbrio). À medida que a velocidade da máquina aumenta, os efeitos do desequilíbrio tornam-se maiores. O desequilíbrio pode reduzir significativamente a vida útil dos rolamentos, assim como causar vibração indevida na máquina.
\u2013 Desalinhamento/Saída de eixo \u2013 A vibração pode ser causada quando os eixos da máquina estão desalinhados. Este desalinhamento angular ocorre quando os eixos, por exemplo, de um motor ou de uma bomba não são paralelos. À condição dos eixos estarem paralelos mas não exatamente alinhados chama-se desalinhamento paralelo. O desalinhamento pode ser causado durante a montagem ou pode desenvolver-se com o tempo, devido à expansão térmica, deslocação de componentes ou montagem incorreta depois de uma manutenção. A vibração decorrente deste problema pode ser radial ou axial (dependendo do eixo da máquina), ou ambos.
\u2013 Desgaste \u2013 Componentes como esferas ou rolamentos, correias de transmissão ou engrenagens ficam gastas com o uso, podendo causar vibração. Quando o trilho de um rolamento está danificado, por exemplo, esses rolamentos irão causar vibração quando passarem pela área danificada. O mesmo acontece quando um dente de uma engrenagem está lascado ou gasto, ou uma correia de transmissão está prestes a partir-se.
\u2013 Libertação \u2013 Uma vibração que poderia passar despercebida pode tornar-se óbvia e destrutiva se um componente que vibra tem rolamentos soltos ou se está ligado aos seus componentes com folgas. Estas folgas podem ou não ser a causa da vibração, mas qualquer que seja a sua origem, conjugada com a possibilidade da máquina se libertar pode danificar através do desgaste nos vários componentes da máquina.
ANÁLISE DE VIBRAÇÃO (Equipamentos utilizados para Medição de Vibração)
A Análise de Vibração é o processo pelo qual as falhas em componentes móveis de um equipamento, são descobertas pela taxa de variação das forças dinâmicas geradas.
O analisador de vibração é um produto que possui funcionamento rápido e de fácil operação e possui um sistema moderno e confiável. Os sinais captados pelo analisador são processados e armazenados, para depois serem analisados conforme as configurações de software ajustadas para cada tipo de equipamento. Dessa forma, o analisador de vibração coleta dados dos acelerômetros e outros tipos de sensores de vibração instalados nas máquinas. A instalação dos sensores pode ser tanto permanente quanto temporária, neste último caso, a instalação é realizada com o auxílio de bases magnéticas ou parafusos de fixação. Em outras palavras, este é um produto que pode ser encontrado em diferentes modelos com variações em suas especificações e funções.
Com o analisador de vibração é possível evitar falhas e problemas que podem comprometer o funcionamento dos equipamentos e assim, provocar danos ou paradas não programadas que prejudicam a produtividade da empresa.
Já na área Mecânica a medição é muito mais complexa, como por exemplo a caneta de vibração que faz simplificação do monitoramento de máquinas. Tudo monitorado pela ISO 10816-3.
Recursos
\u2022 Fácil de instalar e usar, as medições são exibidas em um display claro, que pode ser visualizado tanto na luz fraca quanto sob luz solar direta. Também está disponível treinamento on-line gratuito.
\u2022 Leve, compacto e projetado ergonomicamente, o SKF MCA (Machine Condition Advisor) encaixa-se perfeitamente no cinto, em um bolso ou kit de ferramentas. Excepcionalmente durável, a unidade é classificada como IP 54 para uso em ambientes industriais.
\u2022 Avisos de Alerta e Perigo fornecem maior confiança no diagnóstico.
\u2022 A medição simultânea de velocidade, envelope de aceleração e temperatura poupa tempo.
\u2022 Eficiente, econômico e ecológico, o SKF MCA é recarregável e funciona 10 horas com uma única carga.
\u2022 Suficientemente flexível para funcionar com acelerômetros padrão de corrente constante de 100 mV/g, pode-se usar um sensor externo opcional em locais de difícil acesso e para obter resultados de medição mais repetíveis e precisos.
\u2022 Apresenta os idiomas inglês, francês, alemão, português, espanhol e sueco para comodidade do usuário. 
O modelo da foto é a caneta de vibração - SKF - CMAS 100-SL.
Os Medidores de Vibração VT-8204 realizam medições de: velocidade (RMS) nas unidades mm/s, cm/s e in/s, aceleração (RMS) nas unidades m/s², g, ft/s² e deslocamento (pico a pico) nas unidades mm e polegadas. Operam na faixa de frequência de 10 Hz à 1 kHz de acordo com a norma ISO 2954.Durante a medição de vibração é possível armazenar o valor máximo e mínimo, congelar a leitura no mostrador LCD e visualizar o valor de Pico. Os Medidores de Vibração possuem