A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Atividade 4 - Fundamentos da Economia - FMU

Pré-visualização | Página 1 de 3

Pergunta 1
Resposta Selecionada: 
Resposta Correta: 
Feedback
da
resposta:
Leia a reportagem:
 
 Em um ano, queixas sobre buracos crescem 32% na cidade de São Paulo
 
 Embora tenha sido eleita uma das prioridades da Prefeitura na zeladoria urbana, com o programa Asfalto Nov
reclamações sobre pavimentação e asfalto cresceram 32% na cidade de São Paulo em 2018, em relação ao 
anterior. Nos serviços de atendimento ao cidadão da capital paulista, esses tipos de queixa lideram. Foram 1
mil reclamações ao longo do ano, ou mais de 22 a cada hora no ano passado. Em 2017, haviam sido 147,6 m
São relatos como o do funcionário público Aparecido Firmino da Silva, de 55 anos. Por duas semanas, ele es
que agentes da Prefeitura fossem tapar um buraco na frente da sua casa, na Lapa, zona oeste paulistana. At
eles vieram. "Foi no dia de uma tempestade", lembra ele. "(Os agentes) tiraram a água de dentro do buraco c
um rodo e ficaram trabalhando", afirmou. "Eu não sou engenheiro, mas imagino que isso não vai durar
nada."Outros aguardam muito mais. "Faz mais de dois meses que estou esperando. Tenho reclamação, núm
protocolo, e nada. O buraco só aumenta", diz a aposentada Sueli Florindo Zanini, de 64 anos, que tem uma c
na frente de seu condomínio, no Brás, zona leste, que foi aberta no ano passado e até agora atrapalha o trân
Na Rua Cerro Corá, no Alto de Pinheiros, zona oeste, a aposentada Neusa Guerreiro de Carvalho, de 88 ano
passou a cobrar o conserto no asfalto na frente do seu prédio pelas redes sociais. "Coloquei no Facebook", c
moradora.
 Fonte: https://www.em.com.br/app/noticia/nacional/2019/02/15/interna_nacional,1030877/em-um-ano-queixas-sobre-b
-crescem-32-na-cidade-de-sao-paulo.shtml acessado em 12/05/2019 às 17:27
 
 A partir do texto, avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
 
 I. O estado possui três funções básicas, a saber: função alocativa, distributiva e reguladora, sendo que o text
menção ao fato de estar negligenciando uma dessas funções, que seria função alocativa.
 
 PORQUE 
 
 II. A função alocativa está associada a obrigação que os governos possuem de oferecer bens e serviços que 
são de interesse da iniciativa privada, os denominados bens e serviços públicos, que podem ser tangíveis, co
citado no texto, e intangíveis, como serviços de segurança pública.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta
Resposta certa: muito bem, a função alocativa realmente é a obrigação que os governos munic
estaduais e municipais – que é o caso do texto – de oferecerem bens e serviços públicos.
Pergunta 2
Resposta Selecionada: 
Resposta Correta: 
Feedback
Conforme VASCONCELLOS E GARCIA, “algumas publicações da área de finanças públicas destacam uma q
função do setor público: a função de crescimento econômico, que diz respeito às políticas que permitem aum
na formação de capital. Ou seja, a atuação do Estado, tanto no tocante aos investimentos públicos (fornecim
de bens públicos, infraestrutura básica) como aos incentivos e financiamentos para estimular os investimento
setor privado, está voltada para o crescimento econômico de longo prazo. Em certo sentido, a função de
crescimento não seria diferente da função alocativa do setor público.”
 Fonte: VASCONCELLOS, Marco Antonio Sandoval de; GARCIA, Manuel Enriquez. Fundamentos de Econom
ed. São Paulo: Saraiva, 2008, p. 277.
 
 Observe as assertivas:
 
 I. É visível no texto as ações de políticas monetária, envolvendo incentivos e financiamentos para o estímul
investimentos do setor privado.
 II. O fornecimento de bens públicos, como investimentos em saneamento básico, asfaltamento e iluminação
ruas, são ações considerada alocativas.
 III. Investimentos pesados em infraestrutura constituem uma política fiscal expansionista.
 
 É correto o que se afirma em
I e II, apenas.
II e III, apenas.
Resposta errada. É importante observar que ações de política monetária seriam mais voltadas a
0,25 em 0,25 p
0 em 0,25 p
Pergunta 3
Resposta Selecionada: 
Resposta Correta: 
Feedback da
resposta:
Nos ensinam VASCONCELLOS e GARCIA que “o modelo pioneiro de crescimento econômico é o modelo de
Harrod-Domar, que destaca a importância de três variáveis básicas para o crescimento: taxa de investimento
de poupança e relação produto-capital. Trata-se de uma visão mecânica e simplificada, mas ajudou a identific
atuação das variáveis econômicas estratégicas para promover o crescimento econômico. Em síntese, no mo
Harrod-Domar, a taxa de crescimento do produto y (y’) é determinada por y`= s x v em que s = taxa de poupa
S/y (propensão a poupar); v = relação marginal produto-capital = Δy/Δk = Δy/l. A poupança agregada é S, y, a
nacional, ΔK, o aumento do estoque de capital, que é a própria taxa de investimento agregado I, todas as var
definidas num mesmo período de tempo. A taxa de poupança é a parcela da renda nacional y não consumida
(também chamada propensão média a poupar). Representa a fonte de financiamento do investimento.
 Fonte: VASCONCELLOS, Marco Antonio Sandoval de; GARCIA, Manuel Enriquez. Fundamentos de Econom
ed. São Paulo: Saraiva, 2008, p. 303.
 
 Considere que um país tenha relação produto-capital de 0,3. Para que possa atingir uma taxa de crescimento
6,0%, a sua taxa de poupança deverá ser de:
s = 20%.
s = 20%.
Resposta certa: Muito bem, bastou dividir a taxa de crescimento pelo produto-capital que 
chegou ao resultado de 20%
Pergunta 4
Segundo VASCONCELLOS E GARCIA, “dentro da discussão da adequação (ou não) do PIB como medida d
estar, é interessante observar que as Nações Unidas calculam periodicamente um Índice de Desenvolviment
Humano (IDH), que, além de um indicador econômico (Renda Nacional Bruta per capita, pelo critério de parid
de poder de compra), inclui dois indicadores sociais: um índice de expectativa de vida e um índice de educaç
uma média aritmética desses três indicadores, e varia de 0 a 1: quanto mais próximo de 1, maior o padrão de
desenvolvimento humano do país [...] Os países são divididos em quatro grupos: desenvolvimento humano m
alto, desenvolvimento humano alto, desenvolvimento humano médio e desenvolvimento humano baixo, e paí
menos desenvolvidos (ou em desenvolvimento). 
 Fonte: VASCONCELLOS, Marco Antonio Sandoval de; GARCIA, Manuel Enriquez. Fundamentos de Econom
ed. São Paulo: Saraiva, 2008, p. 162-163
 
 Observem a seguir a evolução histórica do PIB e do IDH brasileiro desde 1980:
 
 
 
 
0,25 em 0,25 p
0,25 em 0,25 p
Resposta Selecionada: 
Resposta Correta: 
Feedback
da
resposta:
Classificação do IDH:
 Muito elevado: 0,800 a 1
 Elevado: 0,700 a 0,799
 Médio: 0,555 a 0,699
 Baixo: menos que 0,555
 
 E considerem as seguintes assertivas:
 
 I. É observável que o período de maior elevação do IDH brasileiro ocorreu efetivamente de 1980 a 2000,
passando da faixa de uma posição intermediária na faixa de 0,5 para muito próximo de 0,7.
 II. É possível estabelecer uma relação entre a evolução do PIB e do IDH brasileiro nos últimos 38 anos
considerando a série histórica.
 III. Os governos brasileiros realizaram investimentos importantes para o desenvolvimento social no período d
do preço das commodities (2002-2014) que podem ser observados sensivelmente observando-se a evolução
IDH nesse mesmo período ou mesmo em posteriores, até o final de 2018.
 
 É correto o que se afirma em
I, apenas.
I, apenas.
 Resposta correta: Muito bem, é observado que apesar de terem sido anos de crise, o país evo
muito no período de 20 anos, saindo de uma situação de IDH médio para quase elevado.
Pergunta 5
Pelo 5º ano, Brasil é último em ranking sobre retorno dos impostos
 
 O Brasil segue na última colocação no ranking que

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.