Metodologia do Ensino de História
20 pág.

Metodologia do Ensino de História


DisciplinaHistória35.209 materiais774.442 seguidores
Pré-visualização4 páginas
Questão 1/5 - Metodologia do Ensino de História
Considere a seguinte citação: 
\u201cHá cerca de oitenta anos [...], um importante artigo de Marc Bloch sobre a \u2018História Comparada\u2019 [\u2026] buscava afirmar em um universo historiográfico prestes a se revolucionar uma nova e instigante promessa historiográfica. O ambiente intelectual europeu mostrava-se então bastante propício à formulação de novas ideias no campo da historiografia, e esta estava de fato prestes a conhecer uma verdadeira revolução historiográfica\u201d. 
Questão 2/5 - Metodologia do Ensino de História
Leia o seguinte fragmento de texto: 
\u201cLeopold von Ranke nasceu na Prússia, no final do século XVIII (1795), e viveu praticamente todo o século XIX (1886). Seu pensamento caracterizou-se pela busca da objetividade e da aplicação do método histórico na investigação dos fenômenos sociais. A chamada história científica, divulgada por Ranke, tinha como bases principais a neutralidade científica, a objetividade e a fidelidade aos documentos\u201d.
 Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em:  FAUSTINO, Rosângela Célia. GASPARIN, João Luiz. A influência do positivismo e do historicismo na educação e no ensino de história. Acta Scientiarum, Maringá, v. 23, n. 1, p. 157-166, 2001, p. 161,162. <http://ojs.uem.br/ojs/index.php/ActaSciHumanSocSci/article/viewFile/2765/1896>. Acesso em 10 abr. 2019. 
Levando em consideração os conteúdos do livro-base Ensino de história: itinerário histórico e orientações práticas sobre as ideias de Ranke, observe as seguintes afirmativas:
I. A linha historiográfica lançada por ele ficou conhecida como escola metódica.
II. Defende que o historiador também deve estar atento para construir seu saber com base em elementos aparentemente secundários ou insignificantes.
III. Supunha que o passado era algo real, concreto, positivo: logo, atingir a veracidade histórica seria completamente possível. 
Está correto apenas o que se afirma em:
Questão 3/5 - Metodologia do Ensino de História
Leia o seguinte trecho de texto: 
\u201cBloch fez o debate de que os historiadores, tanto quando os sujeitos históricos que estudam, situam-se entre tempos, daí a História como \u2018a ciência dos homens no tempo\u2019. Ao fazerem seu ofício os historiadores, devem olhar o \u2018mundo ao seu redor\u2019 sem ilusões de neutralidade: o peso das próprias experiências é imprescindível quando os historiadores fazem seu trabalho e a todo instante passado e presente dialogam\u201d. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: JÚNIOR, Edmilson Alves Maia. O historiador como Shrek: um estudo da obra \u201cApologia da História\u201d por meio de canções nas disciplinas de Teoria da História. Anais do XXVI Simpósio Nacional de História, ANPUH, São Paulo, jul., 2011. <http://www.snh2011.anpuh.org/resources/anais/14/1308171129_ARQUIVO_TextoAnpuhNacionalRevisadoEdmilsonMaia.pdf>. Acesso em 13 abr. 2019. 
Considerando os conteúdos do livro-base Ensino de história: itinerário histórico e orientações práticas sobre o livro Apologia da história, escrito por Marc Bloch, analise as afirmações:
I. Na obra, Bloch defende que a história não é o estudo do passado, mas o estudo do homem no tempo.
II. O livro aborda a história centrada no acontecimento e no político, tendo como alvo os grandes homens e heróis nacionais.
III. A obra foi escrita numa prisão da Gestapo e os manuscritos, publicados pelo filho de Bloch somente após o término da guerra. 
Está correto apenas o que se afirma em:
Questão 4/5 - Metodologia do Ensino de História
Observe a citação abaixo: 
\u201cA Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional nº 9.394, sancionada pelo ex-presidente da república Fernando Henrique Cardoso, em 20 de dezembro de 1996, tem por objetivo definir e regularizar o sistema de educação brasileiro com base nos princípios presentes na Constituição Nacional de 1988\u201d. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: MEDEIROS, Emerson Augusto de.  20 anos da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional Nº 9.394/96: uma análise sobre a questão. Anais III Conedu. <http://www.editorarealize.com.br/revistas/conedu/trabalhos/TRABALHO_EV056_MD1_SA3_ID6102_18082016142752.pdf>. Acesso em 15 abr. 2019. 
Atentando para essas informações e para os conteúdos do livro-base Ensino de história: itinerário histórico e orientações práticas sobre a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, observe as afirmações e, em seguida, assinale V para verdadeiras e F para falsas:
I. ( ) Essa lei propunha, de maneira geral, atualizar os sistemas de ensino conforme as novas demandas brasileiras.
II. ( ) Obrigatória às escolas públicas e opcional às privadas, a Lei foi editada para ajudar os professores na construção de novos currículos e metodologias de ensino.
III. ( ) A LDBEN trouxe melhoras, como a chancela da educação básica, que engloba a educação infantil, a educação fundamental e o ensino médio propiciando a organização de rim sistema de educação nacional universalizado. 
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência correta:
Questão 5/5 - Metodologia do Ensino de História
Considere a seguinte informação: 
\u201cA produção do conhecimento histórico, resultante dessa escola de pensamento, valorizava a seleção de um grande número de fatos bem respaldados por documentos, de onde se retiravam ou resgatavam os acontecimentos do passado que deveriam servir para a compreensão da sociedade do presente\u201d. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em:  FAUSTINO, Rosângela Célia. GASPARIN, João Luiz. A influência do positivismo e do historicismo na educação e no ensino de história. Acta Scientiarum, Maringá, v. 23, n. 1, p. 157-166, 2001, p. 160. <http://ojs.uem.br/ojs/index.php/ActaSciHumanSocSci/article/viewFile/2765/1896>. Acesso em 10 abr. 2019. 
Levando em consideração os conteúdos do livro-base Ensino de história: itinerário histórico e orientações práticas, sobre a institucionalização da história como disciplina, relacione corretamente as chamadas disciplinas auxiliares do método tradicional de história às suas respectivas definições: 
Heurística
Numismática
Diplomática
Genealogia
Filologia 
( ) Estudo histórico do desenvolvimento das morfologias e das fonologias de uma língua.
( ) Estudo dos ascendentes e dos descendentes de uma família.
( ) Estudo de diplomas, cartas e outros documentos oficiais para determinar sua autenticidade, sua integridade e sua data de elaboração.
( ) Estudo histórico, artístico e econômico de cédulas, moedas e medalhas.
( ) Ramo da história que se ocupa da pesquisa de fontes e de documentos.
Agora, selecione a alternativa que apresenta a sequência correta:
Nota: 20.0
Questão 1/5 - Metodologia do Ensino de História
Observe a citação: 
\u201cPara Le Goff [...], os campos científicos que estudam a memória atualmente, como a biologia, a psicologia, a neurofisiologia, a psicofisiologia e a psiquiatria, podem contribuir para a compreensão das características e dos problemas da memória social e histórica\u201d. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: LIMA, Rosilene de. SILVA, Ligiane Aparecida da. Jacques Le Goff: estudo de conceitos em História da Educação. <http://www.ppe.uem.br/jeam/anais/2009/pdf/39.pdf>. Acesso em 16 abr. 2019. 
Considerando os conteúdos do livro-base Ensino de história: itinerário histórico e orientações práticas sobre a relação entre história e memória, pensada por Jacques Le Goff, analise as afirmativas e, em seguida, assinale V para verdadeiras e F para falsas:
I. ( ) Le Goff crê que a memória se configura em uma informação essencialmente mítica, deformada, anacrônica, mas constitui o vivido dessa relação nunca acabada entre o presente e o passado.
II. ( ) O historiador não deve ser apenas o divulgador ou o guardião da memória, mas, sobretudo, o crítico