Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
21 pág.
gabarito

Pré-visualização | Página 1 de 5

das
A
Gabarito
utoatividades
METODOLOGIA E CONTEÚDOS 
BÁSICOS DE LÍNGUA PORTUGUESA E 
MATEMÁTICA
Centro Universitário Leonardo da Vinci
Rodovia , nº .BR 470 Km 71, 1 040
Bairro Benedito - CEP 89130-000
I daialn - Santa Catarina - 47 3281-9000
Elaboração:
Revisão, Diagramação e Produção:
Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI
2018
Prof.ª Joseni Terezinha Frainer Pasqualini
Profª. Lúcia Cristiane Moratelli Pianezzer
3UNIASSELVI
NEAD
GABARITO DAS AUTOATIVIDADES
M
E
T
O
D
O
L
O
G
I
A
 
E
 
C
O
N
T
E
Ú
D
O
S
 
B
Á
S
I
C
O
S
 
D
E
 
L
Í
N
G
U
A
 
P
O
R
T
U
G
U
E
S
A
GABARITO DAS AUTOATIVIDADES DE
METODOLOGIA E CONTEÚDOS BÁSICOS DE LÍNGUA PORTUGUESA
Centro Universitário Leonardo da Vinci
Rodovia , nº .BR 470 Km 71, 1 040
Bairro Benedito - CEP 89130-000
I daialn - Santa Catarina - 47 3281-9000
Elaboração:
Revisão, Diagramação e Produção:
Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI
2018
UNIDADE 1
TÓPICO 1
1 Para que a comunicação aconteça são necessários alguns elementos. 
Sobre esses, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para 
as falsas.
(V) O emissor é aquele que fala ou escreve a alguém; é considerado fonte 
da informação.
(V) É denominado de receptor quem ouve ou lê o que foi transmitido pelo 
emissor. 
(V) Para a elaboração da mensagem, o homem se utiliza de sinais devidamente 
organizados de acordo com o espaço físico, o assunto tratado e os meios 
utilizados para a comunicação.
(V) O canal ou contato é também um dos elementos que fazem parte da 
comunicação; pode ser entendido como a via de circulação de mensagens. 
No conjunto da comunicação, deverá ser um elemento comum ao 
codificador e ao decodificador da informação veiculada.
(V) O referente ou contexto é também parte integrante do ato de comunicação, 
entendido como o objeto ou a situação à qual a mensagem se refere. A 
produção e a recepção de mensagens estão sempre relacionadas às 
circunstâncias que ocorrem, pois o contexto delimita e precisa os signos, 
não há texto sem contexto.
(V) Outro elemento presente no ato da comunicação é o código, um conjunto 
de signos com regras convencionais que permite a um grupo social a 
elaboração de uma mensagem. O emissor lança mão do código para 
elaborar sua mensagem, e o receptor, por sua vez, identificará esse 
sistema de signos. 
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
a) (x) A sequência correta é: V - V - V - V - V - V.
b) ( ) A sequência correta é: F - V - F - V - V - V.
c) ( ) A sequência correta é: V - F - F - F - V - V.
d) ( ) A sequência correta é: F - F - V - V - F - V.
4 GABARITO DAS AUTOATIVIDADES UNIASSELVI
NEAD
M
E
T
O
D
O
L
O
G
I
A
 
E
 
C
O
N
T
E
Ú
D
O
S
 
B
Á
S
I
C
O
S
 
D
E
 
L
Í
N
G
U
A
 
P
O
R
T
U
G
U
E
S
A
2 Estudamos que o homem dispõe de recursos verbais e não verbais 
para se comunicar. Escreva algumas das características que 
representam cada uma dessas linguagens.
R.: A linguagem verbal é representada através da fala ou da escrita, que se 
concretiza numa determinada língua e se manifesta por palavras, é linear, 
ou seja, signos e sons que a constituem ocorrem um após o outro no tempo 
da fala ou no espaço da linha escrita.
A linguagem não verbal pode manifestar-se através da pintura, da mímica, da 
dança, dos sinais luminosos, dentre outros. Os vários signos podem ocorrer 
simultaneamente. Quando contemplamos um quadro, captamos de maneira 
imediata o conjunto de seus elementos e, depois, por um processo analítico, 
decompomos essa totalidade.
3 Leia, novamente, a Leitura Complementar que se encontra ao final do 
Tópico 1 e, em seguida, elabore um resumo contemplando as funções 
da linguagem.
R.: As funções postuladas por Roman Jakobson são as seguintes:
● função referencial ou denotativa ou cognitiva: é aquela cujo foco é a definição, 
explicitação, caracterização de aspectos do contexto da comunicação;
● função emotiva: seu objetivo é expressar a atitude de quem transmite a 
mensagem; 
● função conativa: possui no vocativo e no modo imperativo sua fórmula 
padrão;
● função fática: fundamentalmente prolonga ou interrompe a comunicação 
ou verifica se o canal funciona;
● função metalinguística: é quando o código utilizado enfoca o próprio código;
● função poética: a mensagem utiliza diferentes recursos de linguagem, tais 
como: rima, sinestesia, aliteração, metáfora, metonímia, dentre outros.
4 Roman Jakobson (1974) postulou seis diferentes funções da 
linguagem. Ainda segundo o autor, dificilmente uma mensagem 
possuiria apenas uma função, mas é possível notar uma função 
predominante em cada mensagem. No que se refere às funções da 
linguagem, preencha as lacunas e em seguida assinale a alternativa 
que apresenta as palavras que completam as lacunas corretamente: 
A _______________ é também denominada de função denotativa ou 
cognitiva, é aquela cujo foco é a definição, explicitação, caracterização de 
aspectos do contexto da comunicação.
A _______________ visa expressar a atitude de quem transmite a mensagem.
A _______________ geralmente possui o vocativo e o modo imperativo como 
5UNIASSELVI
NEAD
GABARITO DAS AUTOATIVIDADES
M
E
T
O
D
O
L
O
G
I
A
 
E
 
C
O
N
T
E
Ú
D
O
S
 
B
Á
S
I
C
O
S
 
D
E
 
L
Í
N
G
U
A
 
P
O
R
T
U
G
U
E
S
A
uma de suas características.
Uma das características da _______________ é a utilização de diferentes 
recursos de linguagem, tais como a rima, a sinestesia, a aliteração, a metáfora, 
a metonímia, dentre outras.
a) ( ) função referencial - função emotiva - função poética - função 
metalinguística. 
b) ( ) função conativa - função poética - função referencial - função fática.
c) ( ) função metalinguística - função fática - função referencial - função 
poética.
d) (x) função referencial - função emotiva - função conativa - função 
poética.
TÓPICO 2 
1 Elabore um quadro que contenha as principais diferenças entre 
gênero textual e tipologia textual.
R.: Os tipos estão presentes nos gêneros. As tipologias podem ser descrição, 
injunção, exposição, narração e argumentação. Num texto como a bula 
de remédio, por exemplo, tem-se a presença de várias tipologias, como a 
descrição, a injunção e a predição. Alguns exemplos de gêneros: telefonema, 
sermão, romance, bilhete, aula expositiva, reunião de condomínio etc. Quanto 
aos gêneros, podemos ainda dizer que sua nomeação abrange um conjunto 
aberto e praticamente ilimitado de designações concretas determinadas 
pelo canal, estilo, conteúdo, composição e função. Quanto à tipologia, sua 
nomeação abrange um conjunto limitado de categorias teóricas determinadas 
por aspectos lexicais, sintáticos, relações lógicas, tempo verbal.
2 Quanto à estrutura da narrativa, classifique V para as sentenças 
verdadeiras e F para as falsas.
(V) A narrativa se estrutura a partir da apresentação, também conhecida como 
início, na qual o autor apresenta parte do ambiente, algumas circunstâncias 
e personagens presentes na história. 
(V) Em uma narrativa, o conflito ou a complicação é o período em que o 
aparente equilíbrio dá lugar a transformações expressas em um ou mais 
episódios que se sucedem. 
(V) Podemos dizer que no clímax a narrativa atinge seu ponto máximo, que 
converge para o desfecho e, geralmente, acontecendo a solução do conflito.
6 GABARITO DAS AUTOATIVIDADES UNIASSELVI
NEAD
M
E
T
O
D
O
L
O
G
I
A
 
E
 
C
O
N
T
E
Ú
D
O
S
 
B
Á
S
I
C
O
S
 
D
E
 
L
Í
N
G
U
A
 
P
O
R
T
U
G
U
E
S
A
Agora, assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
a) (x) A sequência correta é: V - V - V.
b) ( ) A sequência correta é: F - V - V.
c) ( ) A sequência correta é: V -
Página12345