A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
12 pág.
Sistema Genital Feminino

Pré-visualização | Página 2 de 2

Página 5 de Anatomia II 
É o órgão de cópula feminino, que recebe o sêmen, e também via de liberação do fluxo menstrual e 
canal de parto.

A vagina é um tubo muscular com aproximadamente 9 cm de comprimento, estendendo-se do colo do 
útero até o meio externo, em um espaço denominado vestíbulo da vagina. No recesso formado pela 
vagina e pelo colo do útero, nota-se o fórnice da vagina.

A abertura externa é o óstio da vagina que é parcialmente obliterado por uma membrana de tecido 
conjuntivo, o hímen. Este se rompe durante a primeira relação sexual, deixando ao seu redor pequenas 
projeções cicatriciais que são chamadas de carúnculas himenais.

 A vagina é o local onde o pênis deposita os espermatozóides na relação sexual. Além de possibilitar a 
penetração do pênis, possibilita a expulsão da menstruação e, na hora do parto, a saída do bebê.
Vagina 
○ A entrada da vagina é protegida por uma membrana circular, o hímen, que fecha parcialmente o 
orifício vulvo-vaginal e é quase sempre perfurado no centro, podendo ter formas diversas. 
Geralmente, essa membrana se rompe nas primeiras relações sexuais.
 Vestíbulo da Vagina
 Página 6 de Anatomia II 
 A vagina é um canal de 8 a 10 cm de comprimento, de paredes elásticas, que liga o colo do útero aos 
genitais externos. Contém de cada lado de sua abertura, porém internamente, duas glândulas 
denominadas glândulas vestibulares ou Bartholin, que secretam um muco lubrificante.
Parede posterior
Parede anterior
 Página 7 de Anatomia II 
Vulva 
A genitália externa ou vulva é delimitada e protegida por duas pregas cutâneo-mucosas intensamente 
irrigadas e inervadas, os grandes lábios. Na mulher reprodutivamente madura, os grandes lábios são recobertos 
por pelos pubianos. Mais internamente, outra prega cutâneo-mucosa envolve a abertura da vagina, os 
pequenos lábios, que protegem a abertura da uretra e da vagina. Na vulva também está o clitóris, formado por 
tecido esponjoso erétil, homólogo ao pênis do homem.
Termo vulva, ou pudendo feminino, refere-se aos órgãos genitais externos femininos 
Os componentes da vulva são:
Uma elevação de tecido adiposo, recoberta por pele e pelos púbicos espessos, que protege a sínfise 
púbica.

 Elevação mediana anterior à sínfise púbica, constituído por tecido adiposo.
Monte do púbis
Estendem-se em sentido inferior e posterior. Os lábios maiores do pudendo são cobertos por pelos 
púbicos e contém tecido adiposo em abundância, glândulas sebáceas e glândula sudoríferas apócrifas.

 Pregas cutâneas alongadas que delimitam a rima do pudendo.
Lábios maiores do pudendo:
Não tem pelos púbicos nem gordura e têm poucas glândulas sudoríferas, mas contêm muitas glândulas 
sebáceas

 Duas pequenas pregas cutâneas, localizadas medialmente aos lábios maiores. O espaço entre eles 
corresponde ao vestíbulo da vagina, onde se pode encontrar o óstio da vagina e o óstio externo da 
uretra, e os orifícios dos ductos das glândulas vestibulares. 
Lábios menores do pudendo
 Duas massas pares, alongadas e dispostas como uma ferradura ao redor do óstio da vagina. Não são 
visíveis na superfície.
Bulbo do Vestíbulo
 As duas maiores estão situadas profunda e proximamente ao vestíbulo da vagina. Secretam o muco que 
Glândulas Vestibulares 
 Página 8 de Anatomia II 
 As duas maiores estão situadas profunda e proximamente ao vestíbulo da vagina. Secretam o muco que 
lubrifica a vagina, junto com as glândulas vestibulares menores e glândulas da mucosa da vagina.
É uma pequena massa cilíndrica de tecido erétil e nervos, localizada na junção anterior dos lábios 
menores do pudendo

 Homólogo dos corpos cavernosos do pênis, sua parte visível é a glande do clitóris.
Clitóris 
Após refletir sobre todo o útero o peritônio reflete no reto. O ligamento largo do útero divide a cavidade em 
dois compartimentos, um anterior e outro posterior
 Página 9 de Anatomia II 
Ligamentos relacionados com o útero
Útero
 Ligamento útero-ovárico
 Ligamento redondo do útero
 Ligamento largo do útero
 Ligamento Suspensor do ovário
Principais Ligamentos:
O ligamento suspensor do ovário estende-se da fáscia do músculo psoas maior à extremidade tubal do ovário, 
enquanto o ligamento próprio do ovário vai de sua extremidade uterina à borda lateral do útero, logo abaixo 
da implantação da base da tuba uterina. É percorrendo o ligamento suspensor do ovário que a artéria e a veia 
ovárica irrigam esse órgão.
 Página 10 de Anatomia II 
 Página 11 de Anatomia II 
Os ovários, a tuba e o útero estão situados nessa cavidade entre a bexiga que é anterior a eles e o reto que é 
posterior a eles. O peritônio recobre a bexiga e reflete do assoalho e paredes laterais da pelve sobre o útero, 
formando uma prega transversal, o ligamento largo do útero. 
O peritônio é dito como a maior e mais complexa membrana serosa de dupla face que reveste o abdome 
através da membrana parietal e reflete sobre as vísceras na cavidade pélvica através da membrana visceral. 
O útero e a tuba ficam envolvidos pelo ligamento largo e se prendem a borda superior deste. Já os ovários se 
prendem a face posterior do ligamento por uma prega, denominada mesovário. 
O ligamento redondo do útero encontra-se em uma região ântero superior no útero e é um vestígio da 
mudança de posição da gônada (ovário) em relação à posição embrionária sobre a parede abdominal 
posterior.
O útero e a tuba ficam envolvidos pelo ligamento largo e se prendem a borda superior deste. Já os ovários se 
prendem a face posterior do ligamento por uma prega, denominada mesovário.
O ligamento largo junto com o ligamento redondo do útero são as duas maneiras de fixação do útero.
 Página 12 de Anatomia II