Mitose e Meiose
5 pág.

Mitose e Meiose


DisciplinaCitologia/histologia627 materiais1.646 seguidores
Pré-visualização1 página
MITOSE
No mundo celular dividir é sinônimo de multiplicar, mitose é quando uma célula se divide em duas idênticas.
Neurônios e células musculares não sofrem mitose, apenas se necessário (G0).
Importância da mitose: 
- Regeneração;
- Renovação de tecidos:
- Crescimento em organismos multicelulares:
- Reprodução de organismo unicelulares;
	Se a mitose se descontrola em determinada região gera-se um tumor, câncer. De maneira geral com algumas exceções, todas as céulas sofrem mitose.
	Antes da mitose existe um período em que a células não está se dividindo. A mitose é muito mais curta que a intérfase. 
Intérfase: preparação para divisão da célula, onde ocorre a duplicação de DNA e formação de cromossomos duplos 
Período entre as divisões.
G1: 9 HORAS Crescimento celular, aumento do número de organelas, intensa síntese de RNA e proteínas, cromossomos simples, ponto de checagem. 
S: 10 SEGUNDOS síntese de DNA, duplicação do centro celular, duplicação do DNA e duplicação dos centríolos.
G2: 4 a 5 HORAS Antecede a mitose, ponto de checagem.
O CICLO CELULAR É MUITO CONTROLADO, o descontrole pode levar ao câncer, 
Final da intérfase: DNA e centrossomos duplicados.
FASES DA MITOSE 
Professor Merece Apanhar Toda Hora
Prófase
- Ocorre a condensação dos cromossomos 
- Nucléolo desaparece
- Migração dos centrossomos (para polos opostos)
- Formação do fuso mitótico (acromático)
- Núcleo inicia a se desfazer (fragmenta)
Metáfase
- Cromossomos alinhados no meio para divisão ser exata
- Máxima condensação (assim evita o erro)
- Todos os cromossomos ligados a fibra do fuso 
- Ponto de checagem (análise da condensação)
- É nessa fase que é a melhor fase para fazer o cariótipo 
Anáfase
- As fibras do fuso puxam as cromátides para lados opostos
- Ocorre a separação das cromátides irmãs (rompe centrômeros)
- Uma cópia de DNA para cada lado
Telófase
Duas células filhas idênticas 
https://www.youtube.com/watch?v=kfofwQOMc0o
https://www.youtube.com/watch?v=f5B5sZZ4vuQ
MEIOSE
Um processo de divisão no qual uma célula diploide (2n) origina 4 células haploides (n), reduzindo os cromossomos da célula pela metade do número inicial.
Ao contrário da mitose, a meiose ao acontecer não forma só duas células, forma quatro células filhas, e é dividida entre l e ll.
Meiose l:
Chamada de fase reducional, porque ao final do processo as células filhas terão METADE da quantidade de cromossomos da célula mãe (23 cromossomos, mãe 46).
	Por sua vez essas células filhas farão a meiose ll, do tipo E! (equacional). Então essas duas células que foram formadas na meiose l vão se dividir e vão formar cada uma mais uma células (também com 23).
Prófase l
	- Fragmentação da carioteca.
- Os cromossomos vão se parear. 
- Crossing over (troca de pedaços).
- Paquíteno
- Diplóteno
Metáfase l
- Formação da placa equatorial (um em baixo dos outros MAS em pares, por serem homólogos).
- Cromossomos pareados e BEM condensados. 
Anáfase l
- Separação dos cromossomos homólogos 
Citocinese 
- Duas novas células
Essas duas novas células vão continuar a divisão.
Meiose ll
Prófase ll
- Fragmentação da carioteca
- Espiralização dos cromossomos 
Metáfase ll
- Placa equatorial
- Máximo grau de condensação.
Anáfase ll
- Separação das cromátides irmãs
Telófase ll
- O citoplasma da célula faz a citocinese centrípeta.