Sociolinguística, 2010 - Izete Coelho
172 pág.

Sociolinguística, 2010 - Izete Coelho


DisciplinaLetras7.966 materiais33.002 seguidores
Pré-visualização42 páginas
Sociolinguística
Florianópolis - 2012
Izete Lehmkuhl Coelho
Edair Maria Görski
Guilherme Henrique May
Christiane Maria Nunes de Souza
6º
Período
 
Governo Federal
Presidenta da República: Dilma Rousseff
Ministro de Educação: Aloizio Mercadante
Secretário de Ensino a Distância: Carlos Eduardo Bielschowsky
Coordenador Nacional da Universidade Aberta do Brasil: Celso Costa
Universidade Federal de Santa Catarina
Reitora: Roselane Neckel
Vice-Reitora: Lúcia Helena Martins Pacheco
Pró-Reitora de Graduação: Roselane de Fátima Campos
Pró-Reitor de Pesquisa: Jamil Assreuy Filho
Pró-Reitor de Extensão: Edson da Rosa
Pró-Reitora de Pós-Graduação: Joana Maria Pedro
Pró-Reitor de Planejamento e Orçamento: Luiz Alberton
Pró-Reitor de Administração: Antônio Carlos Montezuma Brito
Pró-Reitora de Assuntos Estudantis: Beatriz Augusto de Paiva
Curso de Licenciatura Letras-Português na Modalidade a Distância
Diretor Unidade de Ensino: Felício Wessling Margotti
Chefe do Departamento: Rosana Cássia Kamita
Coordenador de Curso: Sandra Quarezemim
Coordenador de Tutoria: Cristiane Lazzarotto-Volcão
Comissão Editorial
Tânia Regina Oliveira Ramos
Silvia Inês Coneglian Carrilho de Vasconcelos 
Cristiane Lazzarotto-Volcão 
Equipe de Desenvolvimento de Materiais
Coordenação: Ane Girondi
Designer Instrucional: Daiana Acordi
Diagramação: Raquel Darelli Michelon, Pedro Augusto Gamba
Capa: Raquel Darelli Michelon
Ilustração: Kamilla Souza
Tratamento de Imagem: Raquel Darelli Michelon, Pedro Augusto Gamba
Copyright © 2010, Universidade Federal de Santa Catarina/LLV/CCE/UFSC
Nenhuma parte deste material poderá ser reproduzida, transmitida e gravada, por qualquer 
meio eletrônico, por fotocópia e outros, sem a prévia autorização, por escrito, da Coordena-
ção Acadêmica do Curso de Licenciatura em Letras-Português na Modalidade a Distância.
Ficha Catalográfica
Catalogação na fonte elaborada na DECTI da Biblioteca Universitária da 
Universidade Federal de Santa Catarina.
So678 
 Sociolinguística / Izete Lehmkuhl Coelho ... [et al.]. \u2013 Florianó-
polis : LLV/CCE/UFSC, 2010.
172 p. : 28 cm 
ISBN 978-85-61482-25-1
1. Sociolinguística. 2. Linguística. 3. Educação. 4. Dialetos. I. Coelho, 
Izete Lehmkuhl.
CDU: 801
Sumário
Apresentação ...................................................................................... 7
Unidade A - Introdução ao estudo da linguagem 
no contexto social ..................................................11
1 Breve histórico da Sociolinguística ........................................................13
2 A Teoria da Variação e Mudança Linguística: noções básicas ......19
2.1 A proposta de William Labov ........................................................................19
2.2 Conceitos fundamentais ................................................................................23
2.3 Significado social das formas variantes ....................................................30
2.4 As noções de comunidade de fala e de redes sociais ..........................37
Fechando a Unidade A ..................................................................43
Unidade B - As dimensões interna e externa da 
variação linguística .................................................45
3 A dimensão interna: níveis de variação linguística ..........................47
3.1 Contextualizando... ...........................................................................................48
3.2 A variação interna ............................................................................................50
4 A dimensão externa da variação linguística .......................................71
4.1 Breve retrospectiva ..........................................................................................71
4.2 Tipos de variação ..............................................................................................76
Fechando a Unidade B...................................................................87
Unidade C - Variação e mudança linguística .........................89
5 Mudança linguística e o tempo ..............................................................91
5.1 Homogeneidade versus heterogeneidade ..............................................91
5.2 Problemas empíricos para uma teoria da mudança linguística .......95
5.3 Princípios gerais para o estudo da mudança linguística ..................106
Fechando a Unidade C ............................................................... 108
Unidade D - Pressupostos metodológicos da 
pesquisa sociolinguística .................................. 111
6 Etapas da pesquisa sociolinguística ..................................................113
6.1 Seleção dos informantes ..............................................................................113
6.2 Metodologia de coleta de dados .............................................................116
6.3 Envelope de variação ....................................................................................129
6.4 Levantamento de questões e hipóteses.................................................132
6.5 Codificação de dados e análise estatística .............................................135
7 Estudo de um fenômeno linguístico variável .................................137
Fechando a Unidade D ............................................................... 144
Unidade E - Sociolinguística e ensino ................................... 147
8 Contribuições da Sociolinguística para o ensino de 
língua portuguesa .....................................................................................149
8.1 A proposta dos PCN para o ensino de língua portuguesa ...............149
8.2 Contribuições no nível conceitual ...........................................................152
8.3 Contribuições em torno da heterogeneidade da 
língua portuguesa ..........................................................................................154
8.4 Contribuições quanto à prática do professor-pesquisador .............159
Fechando a Unidade E ................................................................ 161
Glossário .......................................................................................... 163
Referências ...................................................................................... 167
Apresentação
Caro aluno,
Queremos introduzir a disciplina de Sociolinguística de forma leve e bem-
-humorada! Por isso, decidimos começar com a seguinte piada (já conhecida 
por você): 
Domingo à tarde, o político vê um programa de TV. Um assessor passa por ele e 
pergunta:
\u2013 Firme?
O político responde:
\u2013 Não, Sírvio Santos.
(POSSENTI, S. Os humores da língua. Campinas, SP: Mercado de Letras, 1998, 
p. 34)
Você deve estar se perguntando: o que tem a ver essa piada com a Sociolinguís-
tica? Vejamos... 
Numa análise rápida, notamos que é a palavra \u201cfirme\u201d que desencadeia o efeito 
humorístico, pois está funcionando com dois sentidos:
a) firme = \u201ctudo bem?\u201d, um cumprimento informal;
b) firme = \u201cfilme\u201d, uma variante popular. 
O assessor cumprimenta o político perguntando se está tudo bem, mas este 
entende que o primeiro está querendo saber se ele está assistindo a um filme na 
TV. Essa segunda interpretação é linguisticamente reforçada pelo uso da pala-
vra \u201cSírvio\u201d. Está claro que a figura do político está sendo representada como 
caipira, não escolarizado etc. Ele ouve a palavra \u201cfirme\u201d e a entende como uma 
variante de \u201cfilme\u201d.
A troca de /l/ por /r/, nesse caso, representa um fenômeno que chamamos 
de variação linguística. Trata-se, aqui, de uma variação fonológica, ou seja, a 
troca de um fonema por outro sem alteração do significado referencial da pa-
lavra. No caso exemplificado pela piada, a variante usada pelo político carrega