A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Prova n2 Sistemas Digitais

Pré-visualização | Página 1 de 2

PERGUNTA 1
1. Na eletrônica digital, os componentes básicos dos sistemas lógicos sequenciais são chamados de “ latches” e “ flip-flops”. Tais componentes são capazes de armazenar um bit de informação e podem integrar os circuitos registradores e contadores binários. Sabe-se que existem vários modelos delatches e flip-flops, dentre os quais podemos destacar “RS”, “D”, “JK” e “T”. 
Para essa questão, vamos nos concentrar no tipo “JK” e analisar as seguintes combinações para os valores de “J” e de “K”: 
(I) J = 0 ; K = 0. 
(II) J = 1 ; K = 0. 
(III) J = 1 ; K = 1. 
(IV) J = 0 ; K = 1. 
  
Qual é a sequência correta dos valores a serem obtidos na saída Q do flip-flop “JK”?
	
	
	Qt; 0; ~Qt; 1.
	
	
	Qt; 1; ~Qt; 0.
	
	
	~Qt; 1; Qt; 0.
	
	
	Qt; 0; 1; ~Qt.
	
	
	0; ~Qt; 1; Qt.
1 pontos   
PERGUNTA 2
1. Em diversas situações, surge a necessidade de utilizarmos circuitos contadores. Por exemplo, nas análises clínicas, temos os contadores, para que sejam levantadas quantidades de microrganismos; no controle de acesso a um show, temos que verificar quantas pessoas estão presentes; e no computador, quantos ticks de clock foram efetuados. Para tanto, existem os circuitos contadores binários assíncronos e os circuitos contadores síncronos. 
Analise as afirmativas a seguir e assinale com “V” as verdadeiras e com “F” a(s) falsa(s). 
( ) Contadores síncronos são implementados somente com flip-flops tipo “T”. 
( ) Contadores síncronos permitem uma contagem não linear. Porém, para se conseguir tal característica, deve-se criar lógicas combinacionais para cada entrada “J” e “K” dos flip-flops envolvidos. 
( ) Dá-se o nome de contadores síncronos, pois todos os flip-flops recebem o mesmo sinal de clock, simultaneamente. 
( ) Com os contadores síncronos, evita-se o problema de ruídos que poderiam ocorrer nos contadores assíncronos. 
Agora, assinale a alternativa com a sequência correta.
	
	
	F; V; V; V.
	
	
	V; F; V; F.
	
	
	F; F; V; V.
	
	
	F; V; F; V.
	
	
	V; V; F; F.
1 pontos   
PERGUNTA 3
1. Quando é necessário implementar o sistema lógico digital com circuitos integrados, temos que nos atentar à várias características as famílias de circuitos integrados existentes para que se faça uma adequação de suas propriedades às nossas necessidades. 
Para essa questão, analise as afirmações a seguir marcando com “V” aquela(s) que você julgue ser verdadeira(s) e, com “F”, a(s) falsa(s). 
  
( ) Todas as famílias de circuitos integrados possuem as mesmas faixas de alimentação. 
( ) Fan-out representa o número de portas lógicas que podem ser conectadas à saída de uma porta lógica. 
( ) Cada família de circuito integrado possui a sua faixa de tensões para representar os níveis lógicos “0” e “1”. 
( ) Cada família de circuitos integrados possui a sua própria pinagem. 
  
Assinale a alternativa que contém a sequência correta:
	
	
	.V ; F ; F ; F.
	
	
	.F ; V ; V ; V.
	
	
	.F ; V ; V ; F.
	
	
	.F ; V ; F ; V.
	
	
	.F ; F ; V ; V.
1 pontos   
PERGUNTA 4
1. Para se extrair uma expressão booleana pode-se realizar etapas de modo a obter uma expressão na forma de “soma de produtos” ou na forma de “produto de somas”. Essas duas formas são denominadas como formas padrões de representação de uma expressão booleana. Para essa questão, analise as afirmações a seguir marcando com “V” aquela(s) que você julgue ser verdadeira(s) e, com “F”, a(s) falsa(s). 
  
( ) Toda expressão obtida pela extração da tabela-verdade é uma expressão canônica e, consequentemente, é passível de simplificação. 
( ) Para obter uma expressão na forma de soma de produtos, deve-se escolher as linhas, na tabela-verdade, que apresentarem o valor “1” na coluna de saída. Caso exista alguma variável de entrada da linha selecionada valendo “0”, esta deverá ser negada. 
( ) Para obter uma expressão na forma de soma de produtos, deve-se escolher as linhas, na tabela-verdade, que apresentarem o valor “0” na coluna de saída. Caso exista alguma variável de entrada da linha selecionada valendo “0”, esta deverá ser negada. 
( ) Cada linha selecionada virará uma parcela da expressão canônica resultante. 
  
Assinale a alternativa que contém a sequência correta:
	
	
	.V ; V; F; V.
	
	
	.V ; F; V; V.
	
	
	.F ; V; F; V.
	
	
	.F ; F; V; V.
	
	
	.V ; V; F; F.
1 pontos   
PERGUNTA 5
1. Os operadores NAND e NOR são “universais” porque, por meio deles, é possível que qualquer outra operação lógica seja implementada. Dessa forma, é conveniente que sempre tenhamos disponíveis componentes que implementem as portas NAND e NOR em nossa bancada, a fim de que, na falta de outros operadores, possamos utilizá-las. 
Para responder essa questão, desenvolva os operadores NOT, AND e OR, a fim de que sejam representados apenas por portas NOR. Depois, assinale a alternativa com as expressões equivalentes aos operadores NOT, AND e OR, respectivamente:
	
	
	~A = ~(A+A) ; A.B = ~[(A+A) + (B+B)] ; A+B = ~[~(A+B) + ~(A+B)].
	
	
	~A = ~(A+A) ; A.B = ~[~(A+B) + ~(A+B)] ; A+B = ~[~(A+A) + ~(B+B)].
	
	
	~A = ~(A+A) ; A.B = ~[~(A+A) . ~(B+B)] ; A+B = ~[~(A+B) + ~(A+B)].
	
	
	~A = ~(A+A) ; A.B = ~[~(A+A) + ~(B+B)] ; A+B = ~[(A+B) + (A+B)].
	
	
	~A = ~(A+A) ; A.B = ~[~(A+A) + ~(B+B)] ; A+B = ~[~(A+B) + ~(A+B)].
1 pontos   
PERGUNTA 6
1. Um registrador de deslocamento pode ser construído por intermédio da utilização de flip-flops do tipo “ D ”. Para tanto, caso, por exemplo, o deslocamento seja para a direita, a saída “ Q ” de um flip-flop deve ser conectado à entrada “ D ” do flip-flop à sua direita. Porém, como a entrada “ D ” já se encontra conectada à saída “ Q ” do flip-flop anterior (à sua esquerda), como fazemos para carregar uma nova palavra? 
A partir dessas informações, marque as afirmativas a seguir com “V” de verdadeiro ou com “F” de falso.
( ) A entrada “ D ” pode ser conectada à saída de um MUX que recebe, como entradas, a saída do flip-flop à esquerda e um bit da palavra a ser carregada. O bit de seleção indica se o registrador fará o deslocamento ou fará a carga de uma nova palavra quando houver o pulso do clock .
( ) A entrada “ D ” pode ser conectada à saída do flip-flop à esquerda e, conjuntamente, a um bit da palavra a ser carregada.
( ) A entrada “ D ” pode ser conectada à saída de uma porta “OR” que recebe, como entradas, a saída do flip-flop à esquerda e um bit da palavra a ser carregada. Assim, o flip-flop da direita recebe o valor do flip-flop à esquerda, ou o da palavra a ser carregada.
( ) A carga da nova palavra pode ser realizada de forma assíncrona por meio dos sinais “ PR ” ( preset ) e “ CL ” ( clear ). Caso tais sinais operem com a lógica positiva (ou seja, ativados no nível “1”), o bit da palavra a ser carregado é associado a uma porta “AND” para conectar à entrada “ PR ” e o complemento desse bit é direcionado a outra porta “AND”, a partir da qual se conecta à entrada “ CL ”. As entradas restantes das duas portas “AND” receberão um sinal de controle que indicará se a operação do registrador será deslocamento (sinal de controle igual a “0”) ou se corresponderá a carga de uma nova palavra (sinal de controle igual a “1”).
Agora, assinale a alternativa que traz a sequência correta.
	
	
	V; F; V; V.
	
	
	F; V; V; F.
	
	
	V; V; F; V.
	
	
	V; F; F; V.
	
	
	F; F; F; V.
1 pontos   
PERGUNTA 7
1. Para poder realizar a simplificação de uma expressão booleana, pode-se aplicar diversas técnicas e ferramentas. Porém, todas são baseadas nas propriedades, postulados e regras da álgebra booleana. Dessa forma, é imprescindível que saibamos como manipular a lógica booleana para que possamos, além de simplificar as expressões booleanas, construir os diagramas esquemáricos dos sistemas lógicos digitais a serem implementados. Para essa questão, analise a seguinte expressão lógica:S = ((~(A . (B + C))) . D) . (~(A + B))
Agora, assinale a alternativa que contém a correta expressão minimizada.
	
	
	S = ~A . B . D.
	
	
	S = A . ~B . D.
	
	
	S = A . B . D.
	
	
	S = ~A . ~B . D.
	
	
	S = ~A . ~B . ~D.
1 pontos   
PERGUNTA 8
1. Na matemática, podemos realizar multiplicações

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.