A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
APS1 MICOLOGIA

Pré-visualização | Página 1 de 1

01) Indique as características dos fungos que os diferenciam de todas as outras formas de vida. 
R: São os únicos seres capazes de decompor a lignina.
02) De que tipo de organismo acredita-se que os fungos evoluíram?
R: Que eles tenham se originado de protistas estreitamente relacionados com o gênero moderno Nuclearia sp.
03) Quais são as características distintivas dos microsporídios, quitrídios, zigomicetos, glomeromicetos, ascomicetos e basidiomicetos?
R: Microsporidia - podem ser a linhagem inicial dos fungos 
Quitrídios – formam células móveis flageladas 
Zigomicetos – formam zigósporos em zigosporângios 
Glomeromycota- reprodução assexuada exclusiva 
Ascomycota – formam ascósporos dentro de ascos 
Basidiomycota – formam basidiósporos externamente sobre os basídeos
04) O que são leveduras e quais as relações das leveduras com os outros fungos filamentosos? 
R: São organismos unicelulares, que não fazem fotossíntese e, de modo geral, se reproduzem de modo assexuado. Se multiplicam rapidamente e realizam respiração anaeróbica, ou fermentação, sendo muito utilizados na produção de pães e bebidas alcoólicas, A relação com os fungos filamentosos é a presenças em alto índice dos alimentos, podendo fornecer informações como higiene e contaminação em excesso. 
05) O que são fungos assexuados e quais suas relações com os outros grupos de fungos?
R: Reprodução que ocorre sem a conjugação de material genético, nos fungos podem ser por brotamento ou gemulação, cissiparidade ou divisão binária e esporos assexuais (Esporangiósporos e conidiósporos).
06) Explique os tipos de relações simbióticas existentes entre os fungos e outros tipos de 
organismos.
R: As micorrizas são associações simbióticas entre fungos e raízes de plantas. As micorrizas são essenciais na ciclagem de nutrientes e na continuidade da qualidade do solo. Nessa simbiose, o fungo absorve açúcares e as plantas aumentam a captação de nutrientes do solo.
Os líquens são outro exemplo de simbiose dos fungos. Nesta associação, vivem juntas determinadas espécies fotossintetizantes(algas ou bactérias) e certas espécies de fungos. Os fungos propiciam água e nutrientes absorvidos do meio, enquanto as bactérias ou as algas lhes fornecem açúcares produzidos na fotossíntese, garantindo a nutrição do fungos.
Associação de fungos com inseto (cupins e formigas) e fungos endófitos com plantas.
07) Com base apenas na estrutura das hifas, como é possível determinar se um fungo é membro dos zigomicetos, Ascomycota ou Basidiomycota? 
 R: Zigomicetos: Asseptadas, cenocíticas
 Ascomycota: Septadas ou unicelulares
 Basidiomycota: Septadas com doleporo
08) O que os zigósporos, os ascósporos e os basidiósporos têm em comum? E os zoósporos e os conídios?
R: zigósporos, os ascósporos e os basidiósporos esporos internos e os zoósporos e os conídios esporos livres e externos.
09) Os fungos são de suma importância tanto ecológica quanto econômica. Comente essa afirmação em termos gerais e com referências específicas a cada um dos grandes grupos de fungos, incluindo leveduras, os liquens e as micorrizas.
R: Os fungos, juntamente com as bactérias heterotróficas, constituem os principais decompositores da biosfera, decompondo os produtos orgânicos e reciclando o carbono, o nitrogênio e outros componentes para o solo e o ar, atuando como bioindicadores (líquens). Diversos fungos são economicamente importantes, usados na fabricação de medicamentos (indústria farmacêutica), fermentação de pães, cervejas e vinhos e gastronomia como o consumo de cogumelos(indústria alimentícia).
10) ”Tanto o estado de saúde dos líquens quanto a sua composição química são usados para monitorar o ambiente.” Explique.
R: Os liquens são extremamente sensíveis a alterações ambientais. São os melhores bioindicadores conhecidos dos níveis de poluição aérea. Assim, a presença de liquens sugere baixo índice de poluição, enquanto seu desaparecimento sugere agravamento da poluição ambiental.
 11) Os fungos constituem um grupo de organismos com características que lembram um vegetal e, por essa razão, durante muito tempo foram estudados pela botânica. Quais os argumentos que sustentam que os fungos não são plantas? 
R: Não fazem fotossíntese, não têm clorofila, nem celulose nas paredes celulares.
12) (FATEC 2014) Falta de espaço, problemas de armazenamento e umidade. Esses foram os três fatores que levaram ao descarte de 20 mil dos 35 mil livros da Biblioteca Pública Municipal Professor Bruno Enei, em Ponta Grossa (PR). Depois de dois laudos, que comprovaram a existência de fungos nos livros, todos os exemplares contaminados serão incinerados. Outro fator que possibilitou o crescimento dos fungos, no interior da biblioteca, foi a disponibilidade de 
a) matéria inorgânica, empregada na impressão dos livros, a qual é utilizada para a produção de alimento pelos fungos, visto que eles são seres autotróficos quimiossintetizantes. 
b) calor, fornecido pelo microambiente interno dos livros, necessário para o desencadeamento de reações químicas, visto que os fungos são seres autotróficos quimiossintetizantes. 
c) luminosidade, fornecida pelas lâmpadas do local, a qual é necessária para a síntese de compostos utilizados como alimento, visto que os fungos são seres autotróficos fotossintetizantes.
 d) matéria orgânica, fornecida pelas próprias páginas dos livros, a qual é necessária para a sobrevivência desses organismos, visto que os fungos são seres heterotróficos. e) gás carbônico, presente no ar que circula pela biblioteca, o qual fornece energia e alimento aos fungos, visto que eles são seres heterotróficos
 13) (Vunesp- SP) – A parte comestível do cogumelo (champignon) corresponde ao:
 a) micélio monocariótico do ascomiceto. 
b) corpo de frutificação do ascomiceto. 
c) micélio monocariótico do basidiomiceto.
 d) corpo de frutificação do basidiomiceto.
 e) sorédio do fungo. 
14) Descreva o organismo fúngico considerando suas características gerais.
R: Os fungos são organismos eucariontes e heterotróficos, formados por um emaranhado de filamentos, chamados de hifas, que podem ser de dois tipos: as cenocíticas ou as septadas. A parede celular das hifas é composta de quitina, podem ser uni ou pluricelulares e reprodução sexuada ou assexuada.
 15) A respeito da reprodução dos fungos, eles podem reproduzir de maneira assexuada e sexuada. Descreva esses processos
R: Reprodução sexuada no ciclo reprodutivo de alguns fungos aquáticos, há a produção de gametas flagelados, que se fundem e geram zigotos que produzirão novos indivíduos. Nos fungos terrestres, existe um ciclo de reprodução no qual há produção de esporos por meiose. Desenvolvendo-se, esses esporos geram hifas haploides que posteriormente se fundem e geram novas hifas diploides, dentro dos quais ocorrerão novas meioses para a produção de mais esporos meióticos. A alternância de meiose e fusão de hifas (que se comportam como gametas) caracteriza o processo como sexuado.
A reprodução assexuada pode ocorrer de diversas formas. Uma forma comum de reprodução apresentada por organismos unicelulares, como as leveduras, é o brotamento, no qual ocorre o crescimento de um broto a partir da célula-mãe. Leveduras também podem reproduzir-se por divisão celular simples.