APOSTILA ADMINISTRAÇÃO DE REDES LINUX
170 pág.

APOSTILA ADMINISTRAÇÃO DE REDES LINUX


DisciplinaAdministração de Redes Linux34 materiais143 seguidores
Pré-visualização21 páginas
1 
Copyright © 2016, ESAB \u2013 Escola Superior Aberta do Brasil 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
MÓDULO: 
 
ADMINISTRAÇÃO DE REDES LINUX 
 
 
 
 
 
AUTORIA: 
 
RENATO BENEZATH CABELINO RIBEIRO 
 
 
 
 
 
 
 
 
2 
Copyright © 2016, ESAB \u2013 Escola Superior Aberta do Brasil 
 
Módulo De: Administração de Redes Linux 
Autoria: Renato Benezath Cabelino Ribeiro 
 
 
Primeira edição: 2009 
1ª Revisão: 2016 
 
 
CITAÇÃO DE MARCAS NOTÓRIAS 
 
Várias marcas registradas são citadas no conteúdo deste módulo. mais do que 
simplesmente listar esses nomes e informar quem possui seus direitos de exploração ou 
ainda imprimir logotipos, o autor declara estar utilizando tais nomes apenas para fins 
editoriais acadêmicos. 
Declara ainda, que sua utilização tem como objetivo, exclusivamente na aplicação didática, 
beneficiando e divulgando a marca do detentor; sem a intenção de infringir as regras básicas 
de autenticidade de sua utilização e direitos autorais. 
E por fim, declara estar utilizando parte de alguns circuitos eletrônicos, os quais foram 
analisados em pesquisas de laboratório e de literaturas já editadas, que se encontram 
expostas ao comércio livre editorial. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
3 
Copyright © 2016, ESAB \u2013 Escola Superior Aberta do Brasil 
 
 
 
O Linux é um sistema operacional criado em 1991 por Linus Torvalds, na época um 
estudante de ciências da computação na universidade de Helsinki, Finlândia. O sistema 
segue o padrão POSIX, que é o mesmo usado por vários sistemas UNIX. Assim, 
conhecendo o Linux, o aluno não encontrará muita dificuldade em operar outros sistemas, 
do tipo UNIX, como por exemplo, FreeBSD, HPUX, SunOS, dentre outros. 
 
 
 
Linus Torvalds iniciou o desenvolvimento do Linux como um projeto particular, escrevendo o 
sistema Minix criado por Andrew S. Tanenbaum. Depois de algumas semanas sendo o único 
participante do projeto, Linus convidou outras pessoas para ingressarem no 
desenvolvimento de \u2015um Minix melhor que o Minix\u2016, enviando a seguinte mensagem: 
 
"Você suspira pelos bons tempos do Minix-1.1, quando os homens eram homens e 
escreviam seus próprios "utilitários de periféricos" ? 
A presentação 
 
 
 
4 
Copyright © 2016, ESAB \u2013 Escola Superior Aberta do Brasil 
 
Você está sem um bom projeto em mãos e deseja trabalhar num S.O. que possa modificar 
de acordo com as suas necessidades ? 
Acha frustrante quando tudo funciona no Minix? Chega de noite ao computador para 
conseguir que os programas funcionem ? esta mensagem pode ser exatamente para você. 
Como mencionei a um mês, estou trabalhando numa versão independente de um S.O. 
similar ao Minix para computadores AT-386. Ele está, finalmente, próximo do estado em que 
poderá ser utilizado (embora possa não ser o que você espera), e eu estou disposto a 
disponibilizar o código fonte para ampla distribuição. Ele está na versão 0.02 ..., contudo eu 
tive sucesso ao executar bash, gcc, gnu-make, gnu-sed, compressão etc." 
 
Atualmente pode-se encontrar uma versão do sistema operacional Linux operando em 
diversas plataformas: Intel x86, Intel x64, Intel IA-64, ARM, IBM PowerPC, SUN UltraSparc, 
ARM, Hitachi SH-x, Zilog, MIPS Rx000, Alpha 21x64, Motorola 680x0, Mainframes, 
Supercomputadores, GPS, Telefones Celulares, e várias outras. 
A primeira distribuição do Linux era literalmente proibida de ser comercializada, devendo ser 
entregue gratuitamente aos interessados. Com a liberação das primeiras versões nos anos 
de 1991 e 1992 a licença de distribuição foi alterada, mantendo-se basicamente a restrição 
de que qualquer distribuição do Linux ser entregue com o código fonte \u2015aberto\u2016, isto é, 
podendo ser lido, alterado e recompilado, por quem quisesse. 
 
 
 
 
5 
Copyright © 2016, ESAB \u2013 Escola Superior Aberta do Brasil 
 
 
Aprender a utilizar o sistema operacional Linux em um ambiente de Rede de Computadores, 
instalando e configurando um servidor de rede. 
 
 
Introdução; As distribuições do Linux; Instalação e Personalização; Instalação de Programas; 
Manpages - Documentação Interna; Gerenciamento de Processos; Arquivos de Log; 
Administração de Usuários e Grupos; Permissões de Acesso; Agendamento de Tarefas; 
Cópia de Segurança dos Arquivos; Protocolo TCP-IP; Configuração da Rede; Ferramentas 
TCP-IP; Iptables - Proteção do Servidor; SSH - Conexão Remota com Segurança; Servidor 
de Rede DHCP; Servidor de Banco de Dados; Servidor WWW; Monitoramento do Servidor; 
Certificação. 
 
 
Mestre em Informática (2015) pela UFES, Especialista em Telecomunicações e 
Gerenciamento de Redes pela UVV (2003) - Vitória e Bacharel em Ciência da Computação 
(2001) pela FAESA. Atua como Coordenador de TI e Professor da Coordenadoria de 
engenharia Elétrica do IFES \u2013 Campus Vitória. Possui experiência na área de Ciência da 
Computação, com ênfase em Telecomunicações, Gerenciamento de Redes, Multimídia e 
Segurança da Informação. 
O bjetivo 
E menta 
S obre o Autor 
 
 
6 
Copyright © 2016, ESAB \u2013 Escola Superior Aberta do Brasil 
 
 
UNIDADE 1 ........................................................................................................... 8 
As Distribuições Do Linux .................................................................................. 8 
UNIDADE 2 ......................................................................................................... 11 
Instalação 01 \u2013 Início ....................................................................................... 10 
UNIDADE 3 ......................................................................................................... 19 
Instalação 02 \u2013 Instalação do sistema servidor base....................................... 19 
UNIDADE 4 ......................................................................................................... 44 
Personalizando o ambiente .............................................................................. 44 
UNIDADE 5 ......................................................................................................... 49 
Gerenciamento de pacotes 1 ........................................................................... 49 
UNIDADE 6 ......................................................................................................... 52 
Gerenciamento de pacotes 2 ........................................................................... 52 
UNIDADE 7 ......................................................................................................... 49 
Gerenciamento de pacotes 3 ........................................................................... 49 
UNIDADE 8 ......................................................................................................... 58 
Manpages = Documentação Interna ................................................................ 58 
UNIDADE 9 ......................................................................................................... 64 
Gerenciamento De Processos 1 ...................................................................... 64 
UNIDADE 10 ....................................................................................................... 68 
 Gerenciamento De Processos 2 ...................................................................... 68 
UNIDADE 11 ....................................................................................................... 72 
 Configuração do layout do teclado ...................................................................