A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Tecido Conjuntivo

Pré-visualização | Página 3 de 3

Primeiramente, o indivíduo é exposto ao 
antígeno pela primeira vez, como o veneno da 
abelha, por exemplo. Em seguida, ocorre a 
produção de IgE pelos plasmócitos, o qual é 
liberado e interage com os receptores de 
membrana na superfície dos mastócitos, 
estimulando a liberação dos grânulos e 
desencadeando o processo alérgico. 
METACROMASIA 
A metacromasia consiste na obtenção de uma 
coloração diferente da conferida pelo corante 
utilizado. 
No caso do mastócito, seus grânulos sofrem 
metacromasia pela presença de heparina, assim, 
quando corados pelos azul de toluidina eles 
passam a ter cor vermelha. 
 
 
Macrófago 
Plasmócito 
Mastócito 
Adipócito unilocular 
J Ú L I A M O R A I S 1 4 3 - 2 0 1 9 . 2 | 11 
 
 CÉLULAS TRANSITÓRIAS 
São células originadas da medula óssea, que 
circulam na corrente sanguínea e migram para os 
tecidos quando necessário. 
São elas: plasmócitos, linfócitos, neutrófilos, 
eosinófilos, basófilos, monócitos e macrófagos. 
 
 TCPD 
TECIDO CONJUNTIVO FROUXO 
 É o mais comum. 
 Contém todos os elementos característicos do 
tecido conjuntivo propriamente dito. 
 As células mais numerosas são os fibroblastos. 
 Suporta estruturas sujeitas a pouca pressão e atrito. 
 Preenche espaços entre tecidos conferindo 
sustentação aos epitélios, nervos, vasos sanguíneos 
e linfáticos. 
 Protege órgãos formando uma capsula ao redor 
deles. 
 Bem vascularizado para nutrição dos tecidos 
próximos. 
 
 
 
 
 
 
 
TECIDO CONJUNTIVO DENSO NÃO 
MODELADO 
 Contém todos os elementos característicos do 
tecido conjuntivo propriamente dito, com 
predomínio de elementos fibrosos, 
preferencialmente fibras colágenas. 
 Não possui orientação definida, se dispondo em 
vários sentidos diferentes. 
 Confere resistência às trações exercidas em 
qualquer direção. 
 
 
 
 
 
TECIDO CONJUNTIVO DENSO MODELADO 
 Contém todos os elementos característicos do 
tecido conjuntivo propriamente dito, com 
predomínio de elementos fibrosos, 
preferencialmente fibras colágenas. 
 Possui orientação definida, se dispondo em uma 
mesma direção devido às forças exercidas no local. 
 Confere resistência às trações exercidas em uma 
única direção. 
 
 
 
 TECIDO MUCOSO 
 Predomínio de glicosaminoglicanos (GAG), 
principalmente o hialurano, o qual confere 
consistência gelatinosa. 
 Sua principal célula é o fibroblasto. 
 Poucas fibras colagenosas e fibras recitulares, 
sendo rara a presença de fibras elásticas. 
 Presente na polpa dentária jovem e no cordão 
umbilical. 
Epitélio pavimentoso 
estratificado queratinizado 
Tecido conjuntivo frouxo 
Epitélio cilíndrico simples 
com planura estriada e 
células caliciformes 
Tecido conjuntivo frouxo 
Epitélio pavimentoso 
estratificado queratinizado 
Tecido conjuntivo frouxo 
Tecido conjuntivo denso 
não modelado 
J Ú L I A M O R A I S 1 4 3 - 2 0 1 9 . 2 | 12 
 
 
 
 
 
 TECIDO ELÁSTICO 
 Predomínio de fibras elásticas. 
 Confere grande elasticidade. 
 Não é muito frequente no organismo, presente nos 
ligamentos amarelos da coluna vertebral e no 
ligamento suspensor do pênis. 
 
 
 
 
 
 TECIDO RETICULAR 
 Predomínio de fibras reticulares. 
 Muito delicado. 
 As fibras possuem uma íntima associação aos 
fibroblastos especializados, denominados células 
reticulares. 
 Forma uma rede tridimensional que suporta as 
células de alguns órgãos. 
 Cria um ambiente especial para órgãos linfoides 
(linfonodos e baço) e hematopoiéticos, fazendo 
parte do tecido mieloide da medula óssea.