Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Introdução às respostas imunológicas

Pré-visualização | Página 1 de 1

Introdução às respostas imunológicas 
Aula 1 M1 
OBJETIVOS: 
- Compreender e identificar a origem e 
desencadeamento de uma resposta imunológica, e as 
implicações de sua ocorrência pra os sintomas 
biológicos 
DEFINIÇÕES: 
IMUNIDADE: 
- Resistência à processos infecciosos 
- Do latim “immunitas” 
IMUNOLOGIA: 
- Ciência que se dedica a compreensão dos eventos 
moleculares e celulares envolvidos na imunidade 
SISTEMA IMUNOLÓGICO: 
- Conjunto de células (linfócitos), tecidos e órgãos 
responsável pelo desencadeamento da resposta 
imunológica 
RESPOSTA IMUNOLÓGICA: 
- Ação coordenada e conjunta das células, tecidos e 
órgãos do Sistema Imunológico 
 
PATÓGENO: 
- Microrganismo capaz de evadir-se da Resposta 
Imunológica causando uma infecção 
INFECÇÃO: 
- Presença do agente infeccioso (patógeno) 
INFLAMAÇÃO: 
- Mobilização das células do Sistema Imunológico 
Toda infecção é acompanhada de uma inflamação, 
mas nem toda inflamação tem uma infecção 
VACINAÇÃO: 
- Do latim “vaccinus” relativo a ou derivado 
de vacas 
1798: Tratado pioneiro de Edward Jenner contra a 
varíola. 
Observou que mulheres responsáveis pela ordenha 
das vacas NUNCA contraiam a doença 
O QUE É IMUNOLOGIA? 
- É a ciência experimental, na qual as explicações dos 
fenômenos imunológicos baseiam-se em observações 
experimentais – conclusões 
O Sistema Imunológico trabalha interconectado: 
+ Sistema nervoso  rico em neurotransmissores 
+ Sistema endócrino 
TIMO: 
- Participa da produção celular no início da vida 
- Depois, sua única função é amadurecer células T que 
depois são lançadas na corrente sanguínea 
RESPOSTA IMUNOLÓGICA: 
1ª) RESPOSTA IMUNE INATA 
- Principal ação: fagocitose 
- Neutrófilos e macrófagos 
Glóbulos 
brancos
Linfócitos
Linfócitos T
TCD4
TCD8
Linfócitos B
Linfócitos 
NK
Monócitos Basófilos Neutrófilos Eosinófilos
- Se ela não matar o patógeno inicia a 2ª resposta 
2ª) RESPOSTA ADQUIRIDA 
 
Quando os neurotransmissores são liberados no 
corpo, pode-se comprometer a resposta, visto que 
eles possuem afinidade pelas células do sistema 
imunológico. 
A mesma coisa acontece com o sistema endócrino 
(ACTH, vasopressina, oxitocina, hormônios 
adrenocorticais, etc)