Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Satélites Artificiais(apresentação)

Pré-visualização | Página 1 de 1

Satélites Artificiais 
Suas características
Jonathas Sousa Santana 
O que é um Satélite Artificial?
São máquinas criadas pelos homens lançadas ao espaço que orbitam a terra, outros corpos celestes ou apenas vagam pelo espaço. 
Existem milhares de satélites artificiais que desempenham funções distintas tais como: registrar mudanças climáticas, registrar mudanças em plantações e monitorar vários aspectos diferentes do planeta. 
Outros satélites enviam sinais de TV e telefonemas ao redor do mundo.
https://www.nasa.gov/sites/default/files/styles/side_image/public/thumbnails/image/edu_satellites4.jpg?itok=2EXJVi4N
A ideia de um satélite geocêntrico originou-se de um artigo publicado por Arthur, um escritor de ficção científica, na revista mundial livre no ano de 1945. Nessa proposta, ele enfatizou a importância dessa órbita cujo raio do centro gira em torno de seu eixo. . Ele também destacou a importância de um satélite artificial nesta órbita ter a instrumentação necessária para fornecer serviços de comunicação intercontinental porque tal satélite pareceria estacionário em relação a um observador na superfície da Terra.
https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/transcoded/e/ee/NASA_Earth-observing_Fleet_June_2012.ogv/NASA_Earth-observing_Fleet_June_2012.ogv.360p.vp9.webm
Primeiro satélite artificial.
O Sputnik-1 (Figura 1.7) foi o primeiro satélite artificial que deu vida à era espacial.
Lançada em 4 de outubro de 1957 pelo Soviete ICBM do Cosmódromo de Baikonur, orbitava a Terra uma vez a cada 96 minutos em uma órbita elíptica de 227 km × 941 km inclinada a 65,1◦ e foi projetada para fornecer informações sobre densidade e temperatura da atmosfera superior. Depois de 92 dias de sucesso em órbita, ele queimou quando caiu de órbita na atmosfera em 4 de janeiro de 1958.
Sputnik-1
Tipos de orbitas 
Existem diferentes órbitas possíveis em torno da Terra que são mais favoráveis para determinados tipos de satélites. Existem órbitas que criam a ilusão que o satélite está pairando sobre um mesmo ponto sobre a Terra, enquanto outros circulam o planeta passando sobre diversos lugares todo dia. É importante lembrar que quanto mais distante a órbita estiver da Terra, mais devagar é o movimento do satélite e, portanto, maior é o seu período orbital. Existem diferentes formas de classificação, de acordo com diversos fatores como a excentricidade, altitude e inclinação, entre outros, mas as órbitas podem ser divididas em três tipos básicos, as órbitas terrestres baixa, média e alta.
Orbita alta - geoestacionária
Orbita média – elíptica
Orbita baixa - geoestacionária
Qual a importância dos Satélites Artificiais?
Os satélites permanecem alto no céu, para que possam monitorar grandes áreas da Terra ao mesmo tempo. Os satélites também têm uma visão clara do espaço. Isso porque eles ficam acima das nuvens e do ar da Terra. 
Antes dos satélites, os sinais de TV não iam muito longe. Sinais de TV só viajam em linhas retas. Então eles iriam para o espaço em vez de seguir a curva da
Terra. Às vezes eles seriam bloqueados por montanhas ou prédios altos.
Telefonemas para lugares distantes também era um problema. Custa muito e é difícil configurar fios telefônicos em longas distâncias ou embaixo d'água.
Com satélites, sinais de TV e telefonemas podem ser enviados para um satélite. O satélite pode então
enviá-los de volta para diferentes pontos da Terra.
Orbita geoestacionária 
Quais os tipos de satélites?	
Satélites de comunicação (os mais numerosos);
Satélites de televisão;
Satélites científicos;
Satélites meteorológicos;
Satélites de sensoriamento remoto de recursos terrestres;
Satélites de uso militar.