A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
49 pág.
Reabilitação nas Deformidades Cervicais e Craniofaciais

Pré-visualização | Página 1 de 10

Reabilitação nas Deformidades Cervicais e Craniofaciais
Aula Fissuras Lábio Palatinas – 03/08
Crianças com alterações lábio palatinas apresentarão desvio de ponto articulatório e alterações na forma de respiração.
Incidência 1 a cada 750 nascidos vivos, muitos casos podem estar associados a determinadas síndromes e comorbidades.
Embriogênese: 4ª semana – porção anterior do embrião com abertura denominada estomodeo, circundada por 5 processos (frontonasal, maxilar, 2 mandibulares e 2 placóides nasais).
Lábio: 4ª e 6ª semana.
Palato mole: 10ª a 12ª semana.
Até a 12ª semana é o período crítico que pode afetar este desenvolvimento craniofacial. 
Principais causas: 
Fatores hereditários: (distúrbios hormonais, alterações morfológicas do útero, que podem gerar hipóxia tecidual, diminuição do fluxo sanguíneo; diabetes maternas, variações do liquido amniótico e hipotireoidismo)
Estresse
Infecções: gripe, virose, toxoplasmose, rubéola, etc.
Fatores alimentares: carência protêica e vitamínica.
Medicamentos: aspirina, corticoesteroires.
Tabaco, álcool, irradiações (destroem células e sua capacidade de diferenciação).
Classificação: SPINA (1972)
Fissura pós forame incisivo completa: acomete o palato, duro e mole.
Fissura pós forame incisivo incompleta: acomete o palato mole.
Fissura transforame: fissuras lábiopalatinas, acomete desde o lábio até o palato.
Transforame incisiva pode ser unilateral ou bilateral.
Classificação de SPINA modificada:
Classificação Fissura submucosa:
Pode ocorrer na população sem alteração na fala em 90% dos casos.
Evidente: nível ósseo e muscular.
Há a Tríade Clássica: sulco na margem posterior do palato duro, diástase muscular ao longo da linha média do palato mole, úvula bífida. Avaliação: palpação e transluminação (naso).
Oculta: nível muscular.
Há alteração a nível dos feixes mais profundos, não exibe tríade sintomática clássica, é detectado pela visualização do palato em funcionamento pela superfície nasal. Importante avaliação: nasofibroscopia observado face nasal do palato.
Aula 05/08 
Função velofaríngea:
Deglutição/reflexo de vômito = atividades não pneumáticas
Sopro/assobio/fala = atividades pneumáticas
Inadequações velofaríngeas = hipernasalidade, fraca pressão intra-oral, emissão de ar durante a fala, movimentação nasal/facial associada, desenvolvimento de Distúrbio Articulatório Compensatório (DAC).
Articulação compensatória = golpe de glote, plosiva dorso médio palatal, plosiva faríngea, fricativa faríngea, fricativa velar, fricativa nasal posterior.
Distúrbios articulatórios
- Estalido da língua
- Alterações articulatórias relacionadas a má oclusão dentária (distorções).
Fatores que podem influenciar o desenvolvimento:
Aspectos ambientais – atuação dos pais: atitudes inadequadas (sentimentos inadequados), baixo nível de modelos linguísticos.
Aspectos emocionais: dificuldades de ajustamento social e pobre adaptação na fase escolar e mal ajustamento na adolescência.
Patologias associadas – Alteração na morfogênese da arcada dentária.
Respiração: obstrução nasais: desvio do septo nasal, hipertrofia de cornetos e tonsilas (faríngeas, palatinas), infecções do trato respiratório. Respiração ruidosa – incoordenação pneumofonoarticulatória.
Alimentação: alterações durante a amamentação, sucção-deglutição- mastigação. Insegurança das mães em alimentar seus filhos com fissura (refluxo nasal). Importante a intervenção precoce; evitar distúrbios nutricionais e também favorecer a maturação funcional do sistema estomatognático.
Distúrbios da audição > prevalência em casos com fissura (palato).
Lesão do palato – Não há separação entre a cavidade oral e nasal – refluxo de alimentos para a rinofaringe.
Distúrbios de voz – o indivíduo com fissura PODE apresentar rouquidão por abuso vocal (intensidade, uso da articulação glotal e tensão laríngea).
Aula 10/08/20
Avaliação e Diagnóstico Fonoaudiológico – Fissuras Labiopalatinas
Se o paciente for criança é importante pensar na sucção, deglutição, respiração, observar a morfologia.
Avaliação – morfologia e função SE, linguagem, fala, voz, função velofaríngea.
Anamnese: identificação, queixa, expectativas do paciente e da família, antecedentes, dados gestacionais, casamento co-sanguíneo, desenvolvimento neuropsicomotor, desenvolvimento de linguagem, histórico (alimentação/hábitos orais deletérios), aspectos psicossociais, cirurgias e tratamentos realizados, exames realizados, profissionais consultados.
Análise do protocolo PROFIT.
A maioria dos casos de fissura apresenta hipernasalidade, porém, se houver a presença de adenoide, a depender do dia a voz pode estar hiponasal.
Ressonância vocal
Teste de oclusão nasal (cul de sac) – mudança sonora: emissão de vogais
Teste rinométrico ou espelho: escape de ar nasal: sopro, emissão de fonemas.
Avaliação função velofaríngea (complementar) = nasofibroscopia, vídeofluoroscopia, treino fonêmico.
Linguagem = pragmática/sintático-semântico/ fonético-fonológico.
Aspectos cognitivos.
Audição: processamento auditivo.
Aula 12/08 – 14:00 / 16:00
Reabilitação Protética de Pacientes submetidos a Tratamento para Tumores de Cabeça e Pescoço
Tratamento = radioterapia – ressecção cirúrgica e quimioterapia.
Radioterapia = sequela funcional osteorradionecrose
Ressecção Cirúrgica = sequela anatômica funcional
Sequelas mais comuns: glossectomia parcial ou toal, comunicação buconasal, comunicação buco-sinusal, insuficiência velofaringeana, deflexão mandibular, incoordenação motora, incompetência velofaríngea, fibrose tecidual, necrose óssea.
Insuficiência = não há tecido suficiente.
Incompetência = funcional.
Todas as sequelas apresentadas trazem uma limitação estética, funcional (deglutição, fala e mastigação).
Exige a equipe multidisciplinar: cirurgia de cabeça e pescoço, nutricionista, psicologia, assistente social, odontologia, fonoaudiologia e cirurgia plástica.
Prótese buco-facial = especialidade da odontologia que tem como finalidade o tratamento funcional e estético das lesões congênitas e adquiridas do complexo buco facial.
Prótese = aparelho artificial, uma associação com a plástica.
Próteses buco faciais podem ser divididas em imediatas ou tardias e definitivas ou temporárias.
Internas = cranianas, maxilares, mandibulares
Intra-bucais = 
Próteses auxiliares = próteses buco construídas para auxiliar a função não atuando diretamente na reposição de um tecido perdido, mas sim favorecendo.
Próteses auxiliares mais comumente usadas = prótese rebaixadora de palato para glossectomizados totais, glossectomizados parciais, incompetência lingual.
Prótese elevadora de palato = 
Aula 12/08 16:00 – 18:00
Fissuras labiopalatinas e insuficiência velofaríngea
Malformação congênita mais frequente na face (1,8: 1000)
Diversas implicações estéticas e funcionais:
- equipe multidisciplinar
- desde o nascimento até a vida adulta
4ª e 8ª semana de gestação
Migração e fusão de processos
Há uma fusão inicial das proeminências nasais mediais que geram o filtro do lábio, o palato primário, septo nasal, porção pré maxilar da maxila.
A proeminência maxilar geram porções laterais do lábio superior, maior parte da maxila e palato secundário.
Etiologia: sindrômicas 30%
Não sindrômicas 70% - multifatorial e fatorem ambientais e genéticos
Fatores ambientais: tabagismo, hipóxia, drogas, desnutrição, estresse materno.
Fatores genéticos: expressividade variável, 20 – 30% de recorrência familiar, mutações de ponto nos genes FOXE1, GLI2, MSX2, SK1, SATB2 E SPRY2.
Incidência:
Malformação congênita mais comum na face.
Brasil: 1:650 nv
Incidência geral 1:600-800
Insuficiência velofaríngea
Aula 17/08/20
Intervenção precoce nas fissuras lábiopalatinas: etapas cirúrgicas e fonoaudiológicas.
É possível a partir da 14ª semana de gestação. Importante identificar outras malformações associadas.
Cuidados:
- Falta de diagnóstico preciso.
- Impacto emocional gestante.
Estudos mostram que mães preferem o diagnóstico pré-natal / facilita aceitação e contato.
Estudos mostram que mães preferem o diagnóstico de pré-natal/ facilita aceitação e contato.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.