A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
ATIVIDADE CONTEXTUALIZADA METODOLOGIA DA PESQUISA

Pré-visualização | Página 1 de 1

ATIVIDADE CONTEXTUALIZADA
METODOLOGIA DA PESQUISA
Nome: 
Matrícula: 
Curso: 
O conhecimento científico
A revolução industrial foi um dos conjuntos de inovações tecnológicas e métodos de produção mais eficientes, como a divisão das tarefas entre vários trabalhadores, já no século XIX a ciência atraiu olhares do mundo quando o inglês Charles Darwin publicou seus trabalhos sobre revolução e seleção natural, de acordo com suas pesquisas, todas as formas de vida que habitam no planeta teriam uma origem comum. Com surgimento desses novos ramos científicos esta ligado a varias mudanças que marcaram a historia desse período, importante nos lembrar que nessa época a sociedade estava sendo abalada por revoluções politicas e sócias.
A pesquisa cientifica
Vale ressaltar que primeiro passo de uma pesquisa é escolher o tema, o que queremos pesquisar e escolher seu objetivo relacionado ao trabalho.
É importante que tema seja compatível com a formação do pesquisador, outro ponto fundamental é o material bibliográfico produzido sobre o assunto em questão, por um lado não é recomendável que o pesquisador iniciante opte por objetos totalmente inexplorados, ele não pode escolher temas que já foram esgotados por uma serie de outros estudos, podemos ainda especificar os limites do estudo no tempo e no espaço, indicando histórico e geográfico que será levado em conta. Outro importante ponto é analisar o assunto e estabelecer os objetivos de estudo é um passo importante, pois define o tipo de problema que vamos abordar e o material que vamos coletar durante a pesquisa.
Método dedutivo
É um processo de análise de informação que nos leva a uma conclusão. Dessa maneira, usa-se da dedução para encontrar o resultado final. O método dedutivo funciona de maneira sequenciada e corresponde a uma parte de conhecimento geral para entender algo especifico. Esse método geralmente é usado para testar hipóteses já existentes, chamadas de axiomas, para assim, provar teorias, denominadas de teoremas. Por isso, ele é também denominado de método hipotético-dedutivo, esse método dedutivo já era utilizado na antiguidade, como o grego Aristóteles contribuiu para sua definição por meio do que ficou conhecido como lógica aristotélica, está pautada na doutrina do silogismo.
Método indutivo
Esse método tem o intuito de chegar a uma conclusão. O método indutivo tem como ponto de partida a observação para, daí, elaborar uma teoria. Sendo assim, ele é muito utilizado nas ciências no qual parte de premissas verdadeiras para chegar em conclusões que podem ou não serem verdadeiras. Nesse sentido, a indução acrescenta informações novas nas premissas que foram dadas anteriormente.
Tirando conclusões abrangentes com base em casos particulares, como o conteúdo da conclusão geral e maior que o conteúdo das premissas, não se pode dizer que a verdade das premissas garante a verdade da conclusão.
Exemplo
Como exemplo, podemos pensar nas observações de um cientista que analisa a temperatura de ebulição da água. Primeiramente, ele observa que o ponto de ebulição da água é 100 °C.
Para ter certeza, o cientista realiza essa experiência diversas vezes. Ao chegar na mesma conclusão, ele determina que o ponto de ebulição da água sempre será de 100 °C.
Assim, podemos notar que a conclusão obtida pelo cientista foi alcançada pela observação, ou seja, a indução. Elas, portanto, são baseadas na observação sistemática dos fatos.
Citações
São fontes que colocamos em nossos trabalhos, devemos escolher citações que enriquecem nossas ideias para fortalecer nossa argumentação em alguns casos escolhemos as que confiram com as nossas, em outros casos, inserimos ideias diferentes. Porém o que importa é que citamos exatamente de onde a citação foi retirada, caso expõe as ideias e não colocamos de onde foi tirada, pode-se esta cometendo o crime de plagio, pois elas são vistas como propriedade particular, mais o que não podemos esquecer é de colocar a nossa própria opinião, pois o autor quer sempre ouvir a nossa voz no trabalho.
Citação direta é quando citamos com exatidão as palavras do autor citado.
Exemplo
“Só sei que nada sei”, disse Sócrates, filósofo grego.
Citação indireta ocorre quando eu trago a ideia central de um autor reproduzida nas minhas palavras, ou seja, o autor serve apenas como base.
Exemplo
 “O filósofo grego Sócrates defende que a nossa única certeza é a de que não sabemos e, desta forma, estamos em constante aprendizado.”
Referencias bibliográficas
https://www.todamateria.com.br/metodo-indutivo/#:~:text=Esse%20m%C3%A9todo%20tem%20o%20intuito,podem%20ou%20n%C3%A3o%20serem%20verdadeiras.
2021